8 coisas que você precisa saber sobre Mena Massoud, o novo Aladdin - Fatos Desconhecidos

8 coisas que você precisa saber sobre Mena Massoud, o novo Aladdin

Séries e Sagas | 17 de julho de 2017 por Gabriela Tyemi

Nesse último final de semana houve a convenção da Disney, a D23 em Anaheim, e nela finalmente foram divulgados quem serão os atores que darão vida a Aladdin e Jasmine no remake. Depois de muita procura, os diretores Guy Ritchie e Randi Hiller finalmente decidiram que os papéis serão preenchidos por Mena Massoud e Naomi Scott. Os fãs, que estavam esperando algum ator conhecido – como Avan Jogia, estrela que fez Victorious – para interpretar Aladdin, ficaram insatisfeitos com a escolha dos diretores.

Por outro lado, mesmo Mena não sendo uma figura conhecida entre os jovens, o ator era exatamente o que estavam procurando para o musical. Essa provavelmente é a primeira vez que você ouve falar de Mena Massoud, mas com certeza não será a última vez. Confira a seguir 5 coisas que você precisa saber sobre o mais novo Aladdin:

1 – Ele foi criado no Canadá

Massoud nasceu no Egito e foi criado no Canadá. Atualmente, ele divide seu tempo entre Toronto e Los Angeles

2 – Ele se graduou na Universidade de Ryerson

Mena começou a faculdade na Universidade de Toronto, e depois foi transferido para o programa de artes da Universidade de Ryerson. Em entrevista para a The Art Guild, Mena disse: “Eu deixei a Universidade de Toronto, depois me inscrevi e fui aceito na Ryerson e eu nem pensei duas vezes. Ryerson me ajudou porque eu estava envolto de atuação o tempo todo. Era só o que eu pensava, mesmo não conseguindo praticar todos os dias; eu definitivamente pensava nisso. Na verdade, na maioria das vezes eu só sentava e assistia, especialmente no meu último ano, mas eu acho que um bom ator aprende através de tudo. Uma pessoa que gosta de aprender, aprende através de tudo!”

3 – Seu primeiro papel foi em Nikita

Mane é bem novo no mundo da atuação. Sua primeira aparição foi em 2011, quando ele participou de um episódio da extinta série Nikita, da CW. Lembra dele?

4 – Ele teve que lutar pelo seu grande papel

Em entrevista para a Defective Geeks, Massoud afirmou sobre o papel que suas origens têm desempenhado na sua carreira:

“Eu cresci em uma casa com cultura diferente. Meus pais viam certos assuntos diferente de outras pessoas. Eu fui para uma escola que tinha um número significante de alunos caucasianos, e eu me sentia sortudo porque eu pude comparar a perspectiva deles com a da minha família. Isso permitiu que eu criasse uma visão de mundo mais ampla sobre as coisas. Além disso, nesse ponto da minha carreira, ser uma minoria dentro na indústria (cinematográfica) ainda me afeta. Eu não posso competir por papéis que exigem que eu seja caucasiano ou afro-americano, mesmo se esses personagens realmente tenham uma conexão comigo ou me intriguem. Algumas pessoas irão dizer que a competição pode ser menor, mas a procura também é menor. No entanto, acho que o setor está crescendo cada vez mais e começando a suportar atores de todas as origens culturais”.

5 – Aladdin não é o único projeto em que ele está envolvido

Além de seu papel como Aladdin no filme da Disney, Mena também irá participar da série Jack Ryan da Amazon, interpretando Tarek Kassar, descrito como o “o melhor e mais brilhante” analista da CIA.

6 – Ele gosta de malhar

As provas estão espalhadas em suas publicações do Instagram. Veja algumas delas:

Uma publicação compartilhada por Mena Massoud (@menamassey) em

Uma publicação compartilhada por Mena Massoud (@menamassey) em

7 – Ele se veste como um verdadeiro príncipe

Olha só esse look do rapaz:

Uma publicação compartilhada por Mena Massoud (@menamassey) em

8 – Robin Williams foi sua grande inspiração

Ser escolhido para fazer parte do elenco de Aladdin com certeza foi muito especial para Massoud. Ele afirmou que Robin Williams (que fez a voz do gênio na versão original do filme) foi quem o inspirou a ser ator. Em uma entrevista para o The Hudsucker, Massoud disse: ” (Williams foi uma inspiração) em tudo que ele fez… Ele foi um ator incrivelmente bem-sucedido, mas cresci vendo o papel dele em ‘Uma Babá Quase Perfeita’. Esse papel por si só é muito equilibrado e ele passa por uma viagem maravilhosa nesse filme. Eu acho que (o filme) não é valorizado como deveria ser”.

E aí, como acha que Mena se sairá como Aladdin? Deixe nos comentários e compartilhe com seus amigos.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Comentários