8 traficantes mais famosos do mundo ao longo da história - Fatos Desconhecidos

8 traficantes mais famosos do mundo ao longo da história

História | 27 de julho de 2017 por Ana Luiza Andrade

Tráfico é uma palavra ampla e que se estende a todo comércio e circulação ilegal de algum tipo de “mercadoria”. Existe o tráfico de drogas, de armas, de plantas, animais e até de pessoas. O comércio ilegal rende a esses criminosos milhões de dólares todos os dias.

São os reis do crime e para protegerem seus lucros e transações são capazes de qualquer tipo de atrocidade. Um crime leva a outro e nessa rede criminosa, muitas pessoas já perderam suas vidas tentando combater esse monstro de mil cabeças. Corta-se uma, mas nasce outra no lugar.

Seus nomes são conhecidos mundialmente, suas histórias viraram filmes. Mas nessa lista, nada de Pablo Escobar, apenas nomes que você talvez não conheça, mas que deixaram um rastro de medo e terror por onde passaram. Acompanhe os 8 traficantes mais famosos do mundo:

1 – Mireya Moreno Carreon

Uma mulher fez seu nome num dos mais temidos carteis mexicanos, o cartel Los Zetas. Mireya Moreno era responsável pelo tráfico em lugares importantes de Monterrey, no México.

Antes de se tornar uma traficante, ela era uma policial. Mireya foi presa pela polícia dirigindo um carro roubado repleto de toneladas de drogas.

2 – Rafael Caro Quintero

Líder do cartel de Guadalajara, no México, um antecessor de um dos maiores carteis do mundo, o cartel de Sinaloa. Rafael foi condenado a uma sentença de 40 anos de prisão pelo assassinato de um agente americano anti-drogas. Ele cumpriu uma pena de apenas 28 anos e foi libertado, porque o governo mexicano considerou que Quintero deveria passar por um tribunal maior do que apenas as acusações federais que ele recebeu na época.

Hoje, os Estados Unidos oferece a quantia de US$ 5 milhões de dólares pela informação que leve à recaptura do traficante de drogas.

3 – Jose Figueroa Agosto

Líder do maior cartel de drogas em Porto Rico. Para se ter uma ideia, essa organização criminosa era responsável pela produção de 90% da droga em todo o país. Jose Figueroa também ficou conhecido como “Junior Capsula” e também “O Pablo Escobar do Caribe”.

Ele foi preso e condenado a 209 anos de prisão em Porto Rico. Em 1999 ele escapou da prisão, mas foi recapturado por agentes do FBI.

Ele também sofre acusações de sequestro, lavagem de dinheiro e tráfico de drogas na República Dominicana.

4 – George Jung

Também conhecido como “Boston George” ou “El americano”, Jung foi um contrabandista e traficante de cocaína nos Estados Unidos durante a década de 70 e 80. Sua história ficou tão famosa que se tornou um filme interpretado pelo reconhecido ator Johnny Depp, no filme “Blow”.

Ele foi preso e condenado a 60 anos de prisão em 94. Cumpriu sua pena por 20 anos, foi libertado, mas por violar sua condicional foi preso novamente.

5 – Klaas Bruinsma

O barão das drogas na Europa na década de 80. Esse holandês e seu cartel chegaram a faturar milhões de dólares por dia. A fortuna era tanta que Klaas decidiu se aposentar e para isso, decidiu realizar o último grande crime da sua vida, e esse seria o mais notório e lendário de todos.

Klaas importou 45 toneladas de cannabis negra paquistanesa, porém, todo a droga foi surpreendida e retida pela polícia.

Klaas foi assassinado um ano depois por um policial chamado Martin Hoogland, também membro de uma organização criminosa.

6 – Khun Sa

Um dos mais temidos chefes do crime em toda a Ásia, também conhecido como “The Opium King” (O rei do Ópio). O auge do seu reinado foi durante a década de 80, quando Khun era responsável por controlar 70% de todo o tráfico de heroína do mundo. Esse poder concedeu ao rei da Ásia os recursos necessários para recrutar dezenas de milhares de soldados para fabricarem heroína em seus laboratórios.

O que concedeu toda a riqueza e poder a Khun Sa foi o controle do Golden Triangle (Triângulo Dourado), que são áreas produtoras de ópio em Mianmar, no Laos e na Tailândia. Nessa época, a produção opiácea nessas áreas era responsável pela produção de 70% de todo o ópio do mundo. E tudo isso estava nas mãos de Khun Sa.

7 – Dawood Ibrahim

Mais conhecido como ‘Bhai”. O barão das drogas e famoso gangster que operava na Índia, na cidade de Mumbai. Ibrahim esteve envolvido com um universo de crimes, desde narcóticos até assassinatos, não apenas na Índia, mas também no Paquistão e nos Emirados Árabes.

Ele liderou durante anos um verdadeiro sindicato do crime composto por mais de 5 mil membros, popularmente conhecido como “D-Company” (Companhia-D). Ele também é acusado de compartilhar rotas com a Al-Qaeda e Lashkar-e-Taiba, duas das maiores organizações terroristas da Ásia, também responsáveis pelos ataques em Mumbai em novembro de 2008.

8 – Fabio Ochoa Vasquez

Um dos fundadores do mais conhecido cartel do mundo, o cartel de Medellín. Fabio e seus irmãos mais velhos, Juan David e Jorge Luis lideraram durante certo tempo este cartel colombiano. Os irmãos controlavam a operação da Colômbia enquanto Fabio mudou-se para Flórida, isso durante a década de 70 e 80.

Fabio Ochoa Vasquez foi acusado de transportar mais de mil toneladas de cocaína para os Estados Unidos. Ele cumpriu sua pena na Colômbia durante um período, mas foi extraditado para a América, onde cumpriu sua pena de 30 anos na prisão federal.

Gostou da matéria? Faltou alguém nessa lista que você considera importante? Não esqueça de deixar o seu comentário sobre.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Comentários