Game of Thrones - Teoria aponta que Missandei está traindo e espionando Daenerys - Fatos Desconhecidos

Game of Thrones – Teoria aponta que Missandei está traindo e espionando Daenerys

Fatos Nerd | 31 de julho de 2017 por Ana Monteiro

A situação não está nada boa para Daenerys Targaryen na sétima temporada de Game of Thrones. Desde que chegou a Westeros com seus exércitos Dothraki e de Imaculados e com alianças com as casas Martell e Tyrell, a aspirante ao Trono de Ferro já perdeu uma batalha em alto mar contra Euron Greyjoy, que sequestrou Ellaria Sand e a filha, a sobrinha Yara Greyjoy e destruiu quase toda a frota de navios. Mas… Como ele sabia exatamente quando e onde atacar segundo a estratégia e o caminho definidos por Tyrion Lannister? E como Jaime Lannister sabia do ataque ao Rochedo Casterly cedo o suficiente para criar outra estratégia e atacar Jardim de Cima? Será que alguém do conselho de Daenerys está vazando essas informações e traindo a confiança do sangue do dragão?

No começo da temporada, ao chegar em Pedra do Dragão, Daenerys questionou a fidelidade de Varys já que sabia de sua relação estreita com o falecido rei Robert Baratheon e de seu envolvimento com espionagem e planos para matá-la enquanto estava no exílio. Após uma breve discussão em que Varys defendeu estar do lado do povo, ele concordou em dialogar com a rainha quando acreditasse que alguma de suas atitudes estivesse errada.

No terceiro episódio, Jon Snow e Sor Davos Seaworth vão a Pedra do Dragão para uma negociação com Daenerys. Davos, então, questiona Missandei a respeito de seu sotaque, a moça responde ser da ilha de Naath, que fica próxima ao continente de Essos, e que foi vendida como escrava ainda muito nova. Davos, desconfiado, começa a questionar sobre as paisagens do local, mas a intérprete não dá muita moral. Esses acontecimentos ressuscitaram uma antiga teoria já discutida pelos leitores de que Missandei não é lá muito confiável.

Valar Morghulis

Os homens sem rosto compõem um grupo de assassinos, mas também religioso, na Casa do Branco e do Preto em Bravos. Originalmente, os membros desse grupo são descendentes de escravos dos povos valirianos, região de onde a família de Daenerys é proveniente. Quem acompanha somente a série deve se lembrar da jornada de Arya para realizar o treinamento e conseguir a habilidade de se disfarçar como outras pessoas, certo? Segundo uma teoria dos fãs assíduos da saga de George R. R. Martin, Missandei é, na verdade, uma dessas pessoas. Será possível?

Diferente da série em que Missandei é uma belíssima mulher, quando ela encontra Daenerys pela primeira vez nos livros, ela é apenas uma garotinha de dez anos. Enquanto na produção da HBO sabemos que ela fala fluentemente 19 idiomas, não se sabe ao certo essa quantidade na obra original, mas sim, ela também atua como intérprete, inclusive, é muito estudiosa e sempre vista com algum pergaminho nas mãos. O que talvez justifique sua astúcia para dar conselhos políticos.

Apesar de contar histórias sobre o seu passado, algumas coisas são contraditórias: Missandei afirma ter memórias sobre seus irmãos que também foram vendidos como escravos e fizeram o treinamento para se tornarem Imaculados, mas o tempo desse treinamento é superior a sua idade, o que gera um problema de anacronismo. É daí surge a teoria de que Missandei é um homem sem rosto: ou seja, todo o conhecimento que ela demonstra ter é por ser uma pessoa mais velha que apenas se disfarça como uma criança.

Quando Missandei se une a Daenerys Targarien, a exilada de Westeros afirma que não pode garantir sua segurança e tem como resposta “Valar Morghulis”, a expressão valiriana que significa “Todos os homens devem morrer” e que alem de ser usada pelo homem sem rosto Jaqen H’ghar também é bastante comum em Bravos. Em diversos momentos do livro, é possível perceber que Missandei é sorrateira, às vezes passa despercebida até mesmo por Barristan Selmy, um exímio lutador da Guarda Real. Além disso, quando Quentyn Martell é queimado por um dos dragões, ela foi a única pessoa a ter coragem de tratá-lo em seu leito de morte.

Espionagem, conhecimentos sobre diversos idiomas e política e ainda habilidades medicinais? Convenhamos que essas habilidades são bem características dos homens sem rosto. Então, considerando que Missandei seja um deles, qual justificativa para ela acompanhar Daenerys Targaryen? Bom, Bravos foi fundada por ex-escravos dos povos valirianos, e Daenerys é descendente de uma família valiriana. Será que Missandei é uma espiã que vigia a Targaryen para que ela não cometa crueldades como seus antecessores? Ou, se ela realmente estiver vazando os planos de Daenerys, sua missão é realmente acabar com os planos da mãe dos dragões de sentar no Trono de Ferro?

Você confia na Missandei? Acha que é ela ou outra pessoa que está traindo Daenerys e passando informações para os inimigos? E no fim de tudo, quem você quer como rei de Westeros e acredita que trará tempos de paz para o povo? Deixe sua opinião nos comentários e vamos continuar atentos aos próximos acontecimentos em Game of Thrones.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, clique aqui.

Comentários