Já ouviu falar que não existe verdade absoluta? Pois é. No decorrer da vida a gente se depara com o conhecimento filosófico, religioso e científico. Cada fonte explicando à sua maneira como começou a vida, porque existimos, para onde vamos etc. O método científico, através de pesquisa sistematizada e experimentação de hipóteses, nos dá resposta para a maioria das questões que nos cercam. Contudo, ainda existem fenômenos que a ciência não conseguiu explicar.

Vamos te apresentar 10 fenômenos que ainda intrigam os cientistas mundo a fora. Para todos existem teorias, mas não existe ainda consenso entre o meio científico. Não só pela divergência, mas pela inviabilidade de testar certas hipóteses.

Esses temas chamam a atenção porque o tempo todo nos deparamos com eles. E é impressionante como a ciência já conseguiu esclarecer outros assuntos ao redor desses temas, mas não conseguiram chegar ao cerne da questão. Acompanhe.

 1- A intuição

sexto-sentido

Chamada por muitos de "6º sentido", a intuição é aquele "algo me diz" quando você vai fazer escolhas. Ou quando você tem aquela aflição que é praticamente um presságio de algo que está pra acontecer (e normalmente acontece). A ciência não estabeleceu o limiar entre o que pode realmente ser uma premonição ou só paranoia mesmo. Sobretudo pelos casos de pessoas super ligadas umas às outras que chegam a sentir quando um ou outro não está bem.

2- Triangulo de Bermudas

triângulo-das-bermudas

Os inúmeros desaparecimentos de barcos e aviões na região entre Miame, San Juan e pequena ilha Bermudas, ainda intriga os cientistas. O último desaparecimento foi de um cargueiro alemão de 20 mil toneladas com 32 ocupantes em 1972.

3- Experiencias de quase morte ou pós a morte

VIDA-3

Poucos acreditam que essas experiências possam ser mais do que alucinações provenientes de traumas no cérebro de uma pessoa que estivesse quase morrendo. Mas pessoas que enxergaram e descreveram suas próprias cirurgias, intrigaram não só a parapsicologia como a ciência também.

4- A conexão entre corpo e mente

download (1)

O poder que os pensamentos exercem sobre a matéria ainda é um mistério. A ciência não consegue explicar a auto cura, por exemplo, quando uma pessoa apresenta melhora depois de tomar uma pilula de farinha.

5- Autocombustão humana

combustão espontanea humana 6

Há séculos os episódios de combustão espontânea em humanos estão sem esclarecimento. Pessoas total ou parcialmente carbonizadas, sem qualquer sinal de que o fogo viera de algum fator externo. O biólogo britânico Brian J. Ford, através de experimentos com porcos, constatou que a acetona é capaz de se acumular no organismo humano sob certas condições. Esse acúmulo surge com alcoolismo, má alimentação e diabetes, mas não há consenso entre o meio científico.

6- O poder do inconsciente

maxresdefault

Não é que você só usa 10% do potencial cerebral. O neurocientista indiano S. Ramachandran afirma que nossa consciência responde só por 10% do que acontece em seu cérebro. Ou seja, seu inconsciente armazena uma quantidade imensurável de informação. Você acessa o que é necessário! Os rostos de pessoas estranhas que aparecem nos seus sonhos são rostos que você realmente viu em algum momento e seu cérebro armazenou.

7- As piramides

download

A forma como os enormes blocos de pedras eram transportados são um mistério. Em 2014, a Universidade de Amsterdã distinguiu a hipótese de que eram deslizados sobre areia molhada, mas ainda não se têm ideia de como foram encaixadas perfeitamente uma sobre as outras.

8- O elo perdido

dente

O Homo Sapiens tem um ancestral extinto, uma espécie relacionada com os neandertais e que cruzaram com uma espécie desconhecida a cerca de 30 mil anos atrás. Seu DNA tem uma marca distinta: Seus dentes não são encontrados em qualquer outra parte do planeta. Sabe-se muito pouco sobre esse ancestral.

9- Animais que vivem sem oxigênio

plancton-960x623

A descoberta dos Loricifera, uma classe de animais que eventualmente se adaptaram a ambientes com baixos níveis de oxigênio, é o primeiro caso de um animal multicelular que não demanda oxigênio constante pra sobreviver.

10- A origem das flores

5631867159_00735af394_o

Algo que já incomodava Charles Darwin. As flores se propagaram muito rapidamente por todas as partes da Terra. O que intrigou o estudioso da evolução das espécies foi o fato de elas não terem benefício evolutivo. Elas poderiam investir seus nutrientes em crescimento ou qualquer coisa que as colocasse em posição mais alta na escala evolutiva. Mas como elas não deixam vestígios fósseis, fica difícil saber como elas vieram e se espalharam tão rápido.

Fontes: Biologia Total; O Globo; Mega Curioso; Sputnik News; Hype ScienceCurto e Curioso.

Publicado em: 04/11/15 17h03