Entretenimento

10 imagens que mostram que a beleza das pessoas albinas é encantadora

0

As pessoas albinas surpreendem a qualquer um pela beleza que possuem. E aqui no site da Fatos Desconhecidos, nós já exibimos para você o potencial de beleza delas.

De acordo com o portal G1, “o albinismo – transtorno genético caracterizado por falta do pigmento melanina na pele, cabelos e olhos – é relativamente raro na maior parte do mundo.

Estatisticamente, entre uma em 17 mil e uma em 20 mil pessoas são albinas. Segundo estimativas, uma em cada 4 mil pessoas na África do Sul seria albina e, na Nigéria, o índice seria de um albino em cada 5 mil habitantes. Na Tanzânia, porém, a incidência do transtorno seria bem mais alta.

Segundo estudo publicado em 2006 pela revista científica BMC, uma em cada 1.400 pessoas no país seria albina. O cálculo foi feito com base em dados incompletos mas, se for correto, haveria na Tanzânia uma população de mais de 40 milhões de pessoas, cerca de 30 mil albinos.”

Encantada com a beleza albina, a fotógrafa e designer gráfico Yulia Tatis decidiu fazer um projeto com pessoas albinas como se estivessem em um conto de fadas.

Ela intitulou a série de Porcelain Beauty, um ensaio que mostra a beleza albina em cenários com roupas, objetos e animais brancos em tons diferenciados e tudo fazendo referência ao mundo da fantasia.

1 – Shimon

img_0404_s-582c430b6ce4a__880

2 – Adi

img_0628_s-582c432010f95__880

3 – Zohar

img_0551_s-582c43160c640__880

4 – Sahar e o cãozinho

img_0031_s-582c42f22313f__880

5 – Russell

img_0115_s-582c42fb9ea82__880

6 – Ori

img_0074_s-582c42f84b0d7__880

7 – Michal

img_0527_s-582c4310c75c4__880

8 – César

img_0607_s-582c431a3aaf2__880

9 – Eydan

img_0668_s-582c4323136df__880

10 – Sahar

img_0216_s-582c4306013dd__880

O que você achou deste ensaio inspirado em contos de fadas? A beleza albina é muito encantadora, não é mesmo? Mande seu comentário para gente!

12 invenções mais inúteis de todos os tempos

Matéria anterior

8 maneiras de puxar assunto com qualquer mulher pela internet

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos