icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


5 mentiras sobre os Vikings que você sempre acreditou

POR Bruno Dias EM Curiosidades 24/01/20 às 18h53

capa do post 5 mentiras sobre os Vikings que você sempre acreditou

Viking é um termo usado para se referir aos exploradores, guerreiros, comerciantes e piratas nórdicos, que invadiram, exploraram e colonizaram grandes áreas da Europa e das ilhas do Atlântico Norte. Eles eram famosos por construir casas e navios resistentes o bastante para viajar até o oriente como Rússia, até o extremo ocidente, como Islândia e Groenlândia. A era Viking fez parte da história medieval da Escandinávia, Grã-Bretanha, Irlanda e boa parte da Europa.

Existem poucos estudos sobre os Vikings e pouco se sabe sobre esses incríveis guerreiros. Por isso, existem várias curiosidades desconhecidas sobre esse povo. Como por exemplo, como eles se pareciam, quais armas usavam e o que ele fizeram exatamente. E longo do tempo, acabamos concebendo uma imagem dos Vikings, que talvez possa não ser de fato algo real.

A imagem desse povo é bastante difundida da maneira que a indústria do entretenimento os trata Mas, geralmente, ela não está 100% correta, segundo o que dizem os historiadores. Por isso, mostramos algumas mentiras sobre esse povo que você tomou como verdades.

1 - Chamavam vikings

Atualmente, os estudiosos usam a palavra viking para se referir aos escandinavos que saquearam e colonizaram parte da Europa no séculos VIII e XI.

Mas quando os pertencentes a esse grupo eram vivos eles não eram nem ao menos um povo unificado. O termo viking ninguém sabe quando foi que começou a ser usado, para definir os vários grupos nórdicos.

2 - Eram guerreiros

Quando pensamos nos vikings, logo imaginamos que eles eram guerreiros treinados. Mas na verdade, muitos desses desbravadores eram camponeses, fazendeiros ou pescadores sem nenhuma formação militar.

E quando eles se juntavam aos grupos, eles tinham que levar suas próprias armas. Que quase não eram usadas porque conflitos nas invasões das aldeias eram bem incomuns. Mas em alguns casos, como os Berserkers, os vikings eram mortais nos campos de batalha.

3 - Loiros de olhos azuis

Graças a Hollywood e suas produções, a imagem mental que temos dos vikings são que eles eram pessoas loiras com olhos azuis. Por mais que os países de onde eles vinham tenha uma maioria de pessoas loiras, esses desbravadores tinham um contato com várias outras etnias. E por isso, levavam várias delas de volta para a Escandinávia. Foi exatamente essa mistura, que fez com que os vikings tivessem uma variedade de aparências.

4 - Eram sujos

Outra coisa, que sempre associamos aos vikings, é a falta de higiene. Afinal, em teoria, eles estavam sempre participando de conflitos e não teriam tempo para se limpar com uma certa frequência.

Mas mesmo tendo uma vida difícil, esses nórdicos cuidavam da aparência sim. De acordo com descobertas arqueológicas, eles usavam pentes, palitos de dentes, limpadores de unhas e de ouvido. Ou seja, eles tinham hábitos de higiene pessoal. Além disso, eles tomavam banho semanalmente.

5 - Capacetes com chifres

A marca dos vikings, que sempre acreditamos, são os capacetes com chifres. Mas a verdade é que eles não usavam esse adorno. De acordo com evidências arqueológicas, somente um capacete viking foi achado. E ele era uma peça simples de ferro e não tinha nenhum chifre ou coisa pontiaguda nele.

O chapéu, que temos na imagem de nossas mentes, foi criado em 1840, quando o figurinista, Carl Emil Doepler, fez o capacete para ser usado nas óperas Der Ring des Nibelungen, do compositor alemão Richard Wagner.


Próxima Matéria
avatar Bruno Dias
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest