• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 coisas que você não sabia sobre a Guerra do Vietnã

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      25/04/19 às 17h53

Guerras são sempre devastadoras, e a do Vietnã não seria diferente. Os trágicos resultados da Guerra do Vietnã resultaram em um impacto emocional devastador em todos os envolvidos. Desde o começo, a batalha foi baseada em desinformação, moral medíocre e terrenos difíceis, o que tornou quase impossível um embate convencional.

A relação conturbada do governo do Vietnã do Sul e seu Exército (ARVN) só causou mais desequilíbrio na guerra. Sem contar que os combatentes dos Estados Unidos encontraram inimigos fortes, determinados a defender sua terra natal, e que estavam dispostos a enfrentar até o poder do fogo para isso.

Por fim, as forças lideradas pelos Estados Unidos acabaram vencendo a maioria das batalhas. O conflito durou mais de uma década. Confira agora 7 fatos que sobre a Guerra do Vietnã que você provavelmente não sabia.

1 - Torturas

Em uma entrevista para uma propaganda forçada, o soldado americano Jeremiah Denton engenhosamente conseguiu fazer um alerta. Na propaganda, que foi exibida em uma rede de televisão dos Estados Unidos, Jeremiah conseguiu piscar as letras para soletrar a palavra "TORTURA" em código Morse. A mensagem arriscada foi um alerta sobre a situação dos soldados que estavam sendo mantidos como prisioneiros de guerra. Os prisioneiros estavam sendo submetidos à barbárie pelos soldados inimigos do Exército do Vietnã do Norte.

2 - Uso de substâncias

A Guerra do Vietnã foi marcada por várias mudanças em relação a conflitos anteriores. Uma delas foi o uso predominante de drogas entre os militares. Segundo o historiador Lukasz Kamienski, essa foi a primeira "guerra farmacológica". Em seu livro Shooting Up, Kamienski relata que o uso frequente de substâncias pelos soldados teve um grande impacto negativo no combate. Entre as substâncias usadas, estavam folhas de coca, metanfetamina, cogumelos, maconha e LSD. A mais tolerada pelos militares inicialmente era a maconha, mas depois começaram a impedir o seu uso. As consequências foram terríveis, já que os soldados começaram a usar heroína porque era mais difícil de detectar. Isso resultou em vários soldados viciados.

3 - Ratos de túnel

Durante a Guerra do Vietnã, uma nova raça de soldados surgiu. Esses soldados desempenhavam uma função arriscada, que exigia uma consciência aguçada em espaços estreitos e escuros. Eles eram conhecidos como "ratos de túnel". Esses homens se voluntariavam para entrar em um longo labirinto de túneis inimigos que se estendiam por centenas de quilômetros e com profundidade de até 60 pés. Na maioria das vezes, os homens eram enviados nessas missões armados apenas com uma pistola, uma faca e uma lanterna.

4 - Ataque químico

Aviões e helicópteros dos Estados Unidos atacaram o território inimigo pulverizando uma substância tóxica chamada de "agente laranja" em meio a 4,5 milhões de acres de floresta. Com o ataque, várias fazendas e plantações de alimentos foram destruídas. Além disso, o produto químico liberado no ar foi relacionado à causa de diversas doenças como câncer. Os efeitos colaterais desse ataque atingiram os dois lados da guerra. Além da fome, várias pessoas desenvolveram doenças e vários bebês nasceram com mutações devido ao ataque químico.

5 - Guerras de fronteira

Além dos países envolvidos diretamente com a guerra, outros que faziam fronteira com o território em guerra também sofreram as consequências do embate. O Exército do Vietnã do Norte usou uma rede de rotas de abastecimento chamada de "Trilha Ho Chi Minh" que passava pelo território de países vizinhos. Em uma tentativa de atrapalhar os planos do inimigo, os Estados Unidos começaram a bombardear os países neutros em 1964. Eles usaram quase 5 milhões de toneladas de munição nessa manobra, mais do que o dobro de bombas lançadas durante a Segunda Guerra Mundial.

6 - Massacre

No dia 16 de março de 1968, uma ação do exército americano manchou para sempre a percepção pública sobre a Guerra do Vietnã. Um grupo de soldados americanos, liderado pelo tenente William Calley, assassinou de forma cruel mais de 500 civis vietnamitas. A ação aconteceu durante uma missão rotineira de "busca e destruição" em uma região chamada My Lai. Os soldados esperavam encontrar guerrilheiros comunistas, mas ao invés disso, eles encontram apenas moradores apavorados, que em sua maioria eram mulheres e crianças. O exército americano até tentou encobrir o ocorrido, argumentando que fatalidades acontecem. Mas investigações posteriores revelaram os detalhes terríveis do massacre. Os detalhes mostraram que o grupo estuprou as mulheres e matou impiedosamente crianças e bebês.

7 - Incidente do Golfo de Tonkin

O incidente do Golfo de Tonkin na verdade se refere a dois incidentes. O primeiro deles, que de fato aconteceu, e o outro que foi forjado pelos Estados Unidos. Em 1964, durante uma patrulha de rotina, o destróier americano USS Maddox detectou invasões por parte do exército inimigo e então disparou uma série de tiros de advertência. Uma batalha marítima foi iniciada e acabou na morte de quatro marinheiros vietnamitas. Dois dias depois da batalha, os Estados Unidos alegaram que outro destróier americano tinha sido atacado. Alegação essa que mais tarde se provou totalmente falsa.

E você, já sabia sobre esses fatos? Conta para a gente nos comentários.

Próxima Matéria


Matérias selecionadas especialmente para você

Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+