• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 fatos incríveis sobre Erik, o vermelho, o pai de todos os vikings

POR Toni Nascimento    EM História      07/11/18 às 15h54

Sendo você um apreciador da História, ou não, dificilmente você nunca escutou falar sobre os Vikings. Eles eram uma comunidade nórdica conhecida por muitas façanhas marítimas. Atualmente, a Suécia, a Dinamarca e a Noruega configuram a região da Escandinávia que serviu de lar para essa comunidade antiga. Hoje, muitas pessoas conhecem o grupo devido a famosa série do canal History, Vikings. Além de cultuadores da mitologia nórdica e exímios guerreiros, sua verdadeira façanha foi conquistar vários territórios - e saqueá-los.

Se você pesquisou e estudou o grupo, além da série da History, você com certeza já escutou falar de Erik, o Vermelho. Ele foi um dos mais famosos Vikings e que ajudou a perpetuar a ideia que temos desse grupo. Sua principal característica - e de seus filhos - foram as descobertas geográficas. O maior problema ao falar sobre ele é que faltam muitas informações e evidências, deixando muito sobre a lenda de Eric, o Vermelho, incompleto. Mas baseado em algumas coisas que sabemos, listamos 7 fatos incríveis sobre Erik, o vermelho, o pai de todos os vikings.

1 - Por que vermelho?

Você deve estar se perguntando: por que o viking Erik ganhou o apelido de "vermelho"? A teoria mais aceita é que ele ganhou o apelido devido aos seus cabelos e barbas ruivas. Alguns chegam a acreditar que ele gostava muito de usar vestes da cor vermelha, ajudando o nome. Ainda assim, existe uma teoria alternativa que tenta explicar o motivo do personagem histórico ganhar o apelido: o seu temperamento. Aparentemente, ele era muito explosivo. Essa característica, além de definir sua personalidade, também definiu sua fama e grandes ações.

2 - O verdadeiro significado de viking

Erik, o vermelho, assim como outros personagens da Era Viking são chamados de vikings. Apesar disso, essa referência começou a ser válida muito tempo depois dos acontecimentos da época. A palavra viking - na Era Viking - era usada para descrever as ações dos vikings, ao invés de designar os próprios vikings. O jeito de usar a palavra foi se alterando com o passar do tempo, até tornar-se como a conhecemos hoje.

3 - Família

O viking "vermelho" tinha uma esposa, Thjodhild, e quatro filhos. Três homens, sendo eles Leif, Thorvald e Thorstein, e uma menina, Freydis. De acordo com as histórias e sagas, Erik empregava um escravo que cuidava de seus filhos, uma espécie de escravo babá. Seu nome era Tyrker, e o filho de Erik, Leif, o considerava seu "pai adotivo".

4 - América do Norte

O seu filho mais famoso, Leif, foi o primeiro viking a explorar a América do Norte. Antes de Leif partir, no entanto, ele convidou seu pai para ir junto. A história conta que Erik, o vermelho, concordou, mas enquanto pai e filho caminhavam para o navio, Erik caiu do seu cavalo. Sendo um homem supersticioso, que adorava os antigos deuses, Erik tomou isso como um sinal e decidiu que deveria ficar em casa. Resultado: todos os louros ficaram para seu filho.

5 - Groenlândia

A Groenlândia foi um dos lugares onde o Vermelho se estabeleceu, junto com outras centenas de pessoas - seus seguidores - e 25 navios - apesar de 11 deles terem afundado antes de chegar ao destino. A Groenlândia levou Erik a se tornar muito rico, além de ter uma ótima terra agrícola. Apesar de ter sido o primeiro colono permanente no local, ele não foi o primeiro a chegar na região. Esse mérito é do norueguês Gunnbjörn Ulfsson.

6 - O filho esquecido

Thorstein, o terceiro filho de o Vermelho, é com certeza o menos falado de todos. Quase não existem informações sobre ele. Tudo que se sabe é que ele já era adulto quando seu pai se estabeleceu na Groenlândia, e que quando Thorvald, seu irmão, foi morto na América do Norte, Thorstein partiu para recuperar seu corpo e que, por último, ele foi morto quando uma doença contagiosa matou muitas pessoas do assentamento em que ele estava.

7 - 500 anos

Contra todas as expectativas, a colônia de Erik na Groenlândia durou metade de um milênio inteiro. Apesar de nunca ter sido muito populosa - a população mais alta continha cerca de 5 mil pessoas -, eles permaneceram lá por tanto tempo devido ao fato de não encontrarem novas terras. Mesmo em um lugar tão duro quanto a Groenlândia, eles ficaram lá por 500 anos.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comenta com a gente e compartilha essa lista nas suas redes sociais. Para você que acha que foi um viking em uma vida passada, aquele abraço.

Próxima Matéria
Via   F  
Imagens CH
Toni Nascimento
Nerd, mas principalmente amante do cinema. Mais em @nascimento_toni
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+