• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 formas inacreditáveis que ladrões foram presos

POR Cristyele Oliveira    EM Curiosidades      21/08/19 às 17h26

Na ficção estamos acostumados com criminosos superinteligentes que usam da sua esperteza para fazer os roubos mais magistrais possíveis. La Casa de Papel, que o diga. São ladrões tão inteligentes que chega um ponto em que nos encontramos amando e torcendo por eles. Mas isso fica só na ficção, na vida real ninguém gosta de ter as suas coisas roubadas, não importa o quão charmoso ou inteligente é o ladrão.

Ainda bem para nós, que na realidade os ladrões não são tão espertos. Pelo contrário, muitos deles costumam fazer coisas realmente estupidas que acabam os levando presos. Eles até conseguem roubar, mas não conseguem aproveitar muito tempo da sua liberdade, já que eles mesmos acabam se entregando muitas vezes. Eles são mais eficientes se deixando serem pegos do que realmente roubando ou fugindo. Confira a seguir 7 formas inacreditáveis que ladrões já foram presos. A polícia agradece.

1 - Rabiscando os rostos

Um bom disfarce é essencial para um criminoso conseguir fugir ileso. Mas esses dois ladrões de Iowa provavelmente não sabiam disso. Em 2009 Matthew Allan McNelly e Joey Lee Miller tentaram roubar um apartamento. Para não serem reconhecidos, os dois criminosos usaram barbas falsas no rosto feitas com marcadores de texto pretos. Como as barbas não foram suficientes, eles dois tiveram a brilhante ideia de rabiscar o rosto todo para forjar uma máscara. E eles teriam conseguido se safar se não fosse por um detalhe crucial: eles usaram marcadores permanentes. Os rabiscos em seus rostos os entregaram.

2 - Picado por um papagaio

Em 2017, um ladrão invadiu a casa de um casal na cidade de Kent, em Ohio. Quando os donos da casa acordaram, perceberam que tinham sido roubados, e que o criminoso tinha levado vários pertences, incluindo dois tanques e que o papagaio da família tinah desaparecido. O maior erro que o ladrão cometeu nesse assaltou foi tentar roubar o papagaio de estimação. Na tentativa de levar o pássaro, ele acabou picando o ladrão, que simplesmente jogou o papagaio pela janela. A picada do papagaio acabou deixando o ladrão sangrando pela cena do crime e acabou o denunciando. Através do sangue encontrado na casa, a polícia conseguiu encontrar Vitalik Kiseliov, um ladrão já conhecido na região que acabou sendo preso.

3 - Postando no Facebook

"Cuidado com o que você posta nas redes sociais" é um aviso para todo mundo. E para os criminosos essa mensagem deveria ser duplamente importante. Em 2016, um criminoso procurado pela polícia do Estado da Flórida teve a brilhante ideia de colocar como foto do perfil no Facebook a mesma imagem usada no seu pôster de procurado (foto acima). Não demorou muito para que a polícia rastreasse o seu perfil e o prendesse.

4 - Tirando o disfarce antes da hora

Alguns ladrões simplesmente não entenderam o significado de disfarce. Em 2015, Christopher Badman decidiu roubar os quartos de um hotel em Porthcawl, no País de Gales.  Para isso ele decidiu usar como disfarce um saco plástico na cabeça. As filmagens mostram claramente a atividade do ladrão que sai tropeçando de um quarto para o outro com o saco na cabeça. Acontece que provavelmente ele esqueceu que ainda tinha que usar o disfarce e voltou ao corredor do hotel dessa vem sem o saco na cabeça. Isso foi o suficiente para a polícia identifica-lo e condená-lo pelo roubo.

5 - Preso pelo cadarço

Quando Paul Ives chegou na sua residência em um dia normal em 2008, ele encontrou algo inesperado: um homem pendurado na sua janela. O homem era John Pearce que ficou preso pelo cadarço quando tentava assaltar a casa. Perguntando sobre o que ele estava fazendo ali, ele respondeu que estava tentando parar os ladrões. Porém, como ele ainda estava segurando o martelo que usou para quebrar a janela do andar de cima, a sua desculpa não colou. Ele implorou para ser solto daquela posição, mas nem o dono da casa e nem a multidão que se reuniu para ver o espetáculo o ajudaram. Quando a polícia chegou o homem foi preso.

6 - Pego pela cueca suja

Restos de DNA já levaram muitos criminosos para a cadeia. Mesmo com várias tentativas de limpar qualquer vestígio do ladrão, sempre fica um fio de cabelo ou uma gotinha de sangue que pode o ligá-lo ao crime. Em 2017, Jordan Edge deixou um pouco mais do que uma gota de fluido corporal na cena do crime, ele deixou suas cuecas sujas. Sabe-se lá porque ele fez isso, mas isso foi o suficiente para a polícia decretar a sua prisão

7 - Deixou a identidade para trás

Tem uns erros que realmente são imperdoáveis no mundo do crime, deixar a identidade na cena do crime é um deles. Em 2008, a polícia de Nova York começou a procurar por Cory L. Brown depois de vários assaltos que ele era o suspeito. E as suspeitas se confirmaram depois que ele deixou a sua carteira com os seus documentos com foto na cena do crime. Como ele assaltava bancos, ele tinha a estratégia de trocar de roupa para evitar se detectado. Por ironia da vida, foi exatamente isso que fez com que ele fosse capturado. Em uma dessas trocas ele acabou deixando a sua carteira com vários documentos de identificação com foto. Era só isso que a polícia precisava para condená-lo pelos assaltos.

E aí, na sua opinião, qual foi o ladrão mais descuidado de todos? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos.

 

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+