Os animais de estimação, também conhecidos como pets, são animais domesticados que geralmente ficam dentro de casa e são responsabilidade de seus donos. Além de fazer companhia para seus proprietários, os pets conseguem alegrar a casa e até mesmo ser uma forma de terapia para pessoas que estão enfermas. E você pode escolher se quer aqueles grandes ou aqueles tão pequenos que cabem na mão.

A velha máxima diz que o cachorro é o melhor amigo do homem, e vários hão de concordar. Mas existem outros pets comuns como gatos, peixes e aves. Seja qual for o animal escolhido, um coisa certa, o amor do seu dono com seu animalzinho. Mas às vezes, é justamente esse amor que pode fazer com que as pessoas acabem cometendo alguns escorregões na hora de cuidar dos animais de estimação.

Esses erros podem deixar os bichinhos doentes e até mesmo encurtar a vida deles. Mostramos aqui alguns desses erros para que você evite cometê-los.

1 - Não ser exigente com a comida

Os donos têm que sempre ser seletivos com os ingredientes da comida que vão dar para o seu pet. Antes de escolher alguma ração ou petisco, olhe o rótulo do produto. Substâncias como aromatizantes e conservantes podem acabar prejudicando a saúde do animal.

Tome cuidado também com o excesso de comida e sempre cheque que a água disponível para o seu bichinho esteja limpa e fresca.

Publicidade
continue a leitura

2 - Ir raramente ao veterinário

As visitas ao veterinário têm que ser regulares, mesmo que o animal não seja muito fã de ir ao seu médico. Fazer com que seu pet seja sempre examinado por um veterinário é a única forma de prevenir doenças ou conseguir descobrir alguma anormalidade antes que o problema fique muito grave. Além disso, o dono também tem que estar sempre com as vacinas do seu pet em dia.

3 - Acesso livre e fácil a portas e janelas

O recomendado é que seus pets não tenham um acesso livre à rua tanto pelas portas ou janelas. Primeiro porque tem o risco do animal se perder, fugir ou se machucar. E se você mora em prédio, pode ser que aconteça uma tragédia.

Publicidade
continue a leitura

4 - Não castrar o animal

Claro que essa é uma decisão que cabe aos donos dos animais, mas os veterinários recomendam que eles façam a castração dos bichos de estimação. Até para que eles tenham uma vida mais longa e feliz. Se caso fizerem a castração, o cuidado que tem que tomar é por conta do sobrepeso, ainda mais em gatos.

5 - Não escovar os dentes dos pets

Assim como a dos humanos, a higiene bucal dos pets também é muito importante. É recomendado que os donos comecem a escovar os dentes dos seus bichinhos desde cedo, para que eles se acostumem com o processo. E em lojas de animais, é possível encontrar escovas e pastas especiais para os animais.

Publicidade
continue a leitura

6 - Ignorar a hora do banho

O banho é uma necessidade para os bichos, mas é preciso fazer de forma certa. Isso pode parecer uma coisa óbvia, mas o erro pode encurtar a vida dos animais. Os gatos são mais autossuficientes no assunto limpeza. E os cachorros precisam de banho, pelo menos, uma vez a cada três meses. Mas claro que se pode dar banho neles com uma frequência maior. Importante é lavar a cabeça do pet só no fim do banho e ter muito cuidado com as orelhas.

7 - Dar comida de gente para os pets

Esse assunto pode ser polêmico, mas os veterinários são unânimes em dizer que dar comida de gente para os animais é uma ideia péssima. Isso porque o sistema digestivo deles não processa bem vários alimentos que nós comemos regularmente.

Publicado em: 31/07/20 15h42