Poucas civilizações conhecidas pela humanidade carregam uma reputação de tanto mistério como a dos egípcios antigos. Ao longo dos vários séculos de pesquisas e estudos, conseguimos acumular muitas respostas sobre o Egito, mas ainda hoje, muitos mistérios comprovam que ainda há muito a aprender sobre esse povo.

Mesmo que arqueólogos, historiadores e outros especialistas continuem investigando as pirâmides e os mistérios do deserto, desconhecemos o destino de muitos reis e faraós, a importância de monumentos ou o relacionamento dos egípcios com outras civilizações da época.

As primeiras civilizações tiveram que inventar ou descobrir as coisas por si próprias. Isso, porque ao contrário de outras, como os gregos ou chineses, eles não tiveram precedentes para se espelhar ou aprender.

Por essa razão, os egípcios tiveram que inventar a matemática, geometria, agrimensura, metalúrgica, astronomia, contabilidade, escrita, papel e várias outras coisas. Algumas invenções podem até ter sido dos egípcios, mas ao longo de três mil anos, isso pode se perder ou ser apropriado por outros.

Em 3000 a.C, o desenvolvimento tecnológico teve um período bom. Os egípcios descobriram que misturando uma pequena quantidade de minério de estanho com minério de cobre era possível fabricar o bronze. Com essa descoberta, várias outras invenções foram feitas. Mostramos aqui algumas delas.

1 - Escrita

Os egípcios, junto com os mesopotâmios, foram os primeiros a desenvolverem uma linguagem codificada. Essa primeira forma de escrita era feita de pictogramas, ou seja, imagens. Todos os sistemas de escrita foram desenvolvidos dessa maneira. Mas eles foram se perdendo, conforme as imagens foram sendo refinadas em formas abstratas.

Publicidade
continue a leitura

Mesmo que a escrita tenha mudado para a forma abstrata de hierático, os egípcios ainda usavam as figuras hieroglíficas nas suas formas originais.

2 - Folhas de papiro

Outras civilizações usavam pedra, tabletes de argila, couro animal, madeira ou cera como uma superfície de escrita. Os lençóis de papiro foram o material de papel mais antigo. E o papiro foi, por mais de 3000 anos, o material de escrita mais importante do mundo antigo. Ele foi exportado para o Mediterrâneo e usado bastante no Império Romano e Bizantino.

O uso do papiro continuou na Europa, até o século VII d.C. Ele parou de ser usado quando aconteceu um embargo à exportação, que obrigou os europeus a usarem pergaminho.

3 - Tinta preta

Publicidade
continue a leitura

Para inventar a tinta preta, os egípcios misturaram chiclete de vegetais, fuligem e cera de abelha. Depois de um tempo, eles substituíram a fuligem por outros materiais como ocre para conseguir outras cores.

4 - Arado de boi

A agricultura também deve a sua prosperidade aos egípcios. Foram eles quem tiveram a ideia de usar o poder dos bois para puxar o arado. As versões modificadas da invenção egípcia ainda são usadas, até hoje, por agricultores de países em desenvolvimento ao redor do mundo.

5 - Irrigação

Outra invenção dos egípcios, que revolucionaram a agricultura, foram as valas de irrigação que eles fizeram. Eles aproveitavam a enchente anual do rio Nilo para levar a água para os campos que eram mais distantes.

6 - Calendário

Publicidade
continue a leitura

Os egípcios inventaram o calendário solar registrando o reaparecimento anual de Sirius no céu oriental. Esse ponto fixo coincidia com a inundação anual do Nilo. O calendário deles tinham 365 dias e 12 meses, com 30 dias em cada mês. Ainda tinha um adicional de cinco dias festivos no final do ano.

7 - Relógios

Esse povo inventou dois tipos de relógio. Os obeliscos eram usados como relógios de sol, e os egípcios viam como a sombra se movia em torno da superfície ao longo do dia. E com o obelisco, eles conseguiram ver os dias mais curtos e mais longos do ano.

E uma inscrição na tumba de Amenemhet, do século XVI, mostrava um relógio de água feito de um vaso de pedra, com um pequeno orifício no fundo que permitia que a água gotejasse com uma taxa constante. As horas eram medidas a partir das marcas espaçadas em diferentes níveis.

Publicado em: 20/06/19 14h30