• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 maneiras que criminosos utilizaram para se livrar de suas vítimas mortas

POR Diogo Quiareli    EM Curiosidades      12/07/18 às 15h40

Nos deparamos com diversas notícias de assassinatos diariamente. Seja em massa ou individual, a violência contra as pessoas parecem aumentar cada vez mais. Alguns crimes são resolvidos e os culpados são penalizados da forma que merecem. Por outro lado, alguns casos nunca são solucionados devido à inteligência e precisão dos criminosos. Alguns assassinatos são precedidos de grandes estratégias para se livrar dos corpos sem deixar pista para a polícia. Seja colocando o corpo em um barril cheio de ácido ou jogando em uma cova no meio do deserto. Não importa, alguns criminosos conseguem se dar muito bem nisso. Os melhores métodos são apresentados nas produções hollywoodianas e você deve se lembrar de pelo menos um.

Pensando um pouco mais sobre o assunto, nós da Fatos Desconhecidos resolvemos trazer essa matéria. Buscamos e listamos para vocês alguns dos registros mais icônicos nas produções de cinema. A redação da Fatos Desconhecidos trouxe algumas formas de se livrar das vítimas após cometer um assassinato de acordo com filmes e séries. Se você tem algum amigo que gosta de filmes e séries que contenham esse tipo de coisa, compartilhe desde já. Se souber de algum outro macete pra desovar cadáveres e que não listamos, manda pra gente aí embaixo. Sem mais delongas, confira conosco e surpreenda-se.

1 - Dissolvendo o corpo

Assim como em Breaking Bad, podemos dissolver o corpo. Walter White ensina que basta jogar o corpo dentro de um barril e enchê-lo de ácido fluorídrico. Após um tempo, tudo o que restará do corpo será uma gosma de cor escura. No entanto, na vida real, isso é diferente, porque o ácido fluorídrico é fraco para decompor com tanta precisão um corpo. Três assassinos franceses tentaram seguir os caminhos de Walter, mas o único resultado foi um cheiro muito forte e a falha na decomposição. Isso ajudou inclusive a polícia a encontrar os corpos mais rapidamente.

2 - Passeando com o corpo

Acredite ou não, mas tentaram representar o Weekend no Bernie"s na vida real. Esse é um filme de comédia dos anos 1980 onde dois homens levam o corpo de seu chefe morto para um final de semana intenso e com muitas festas. Eles encontram o morto em casa, então colocam-no no banco de trás de um carro e começam a ir para vários lugares a fim de curtição. Na vida real, os homens não levaram o corpo do amigo para clubes, apenas colocaram no banco de trás e saíram. Quando acabou a noite, eles chamaram a polícia para relatar a morte. Os dois acabaram presos por abuso de cadáver e ocultação de morte.

3 - Triturando o corpo

Uma das cenas mais memoráveis em Fargo é quanto tentam triturar um corpo em um cortador de madeira. Acredite ou não, essa cena foi inspirada em um caso real. Richards Crafts matou sua esposa e tentou se livrar dessa forma. Os trituradores de madeira são realmente fortes e conseguem pulverizar ossos facilmente. O plano de Crafts funcionou bem e ele conseguiu se livrar de algumas partes. Foi o suficiente para que não o descobrissem. Os investigadores nunca encontraram o corpo completo, mas puderam encontrar cabelos e unhas no local do crime. O que sentenciou o homem foram os relatos dos vizinhos que disseram ouvir um triturador de madeira muito barulhento sem que ele precisasse cortar a lenha.

4 - Fazendo a vítima cavar sua própria cova

Em filmes de velho oeste, é comum ver as pessoas obrigando as outras a cavarem suas próprias covas. Essa é uma forma de evitar o trabalho dos assassinos. Acredite ou não, isso funciona muito bem nos filmes, mas não é diferente na vida real. Requer muito tempo para se cavar uma cova e uma pessoa pode levar o dia todo para realizar a atividade que um coveiro faria em apenas uma hora. Se o solo for duro, tudo se complica ainda mais. No entanto, a situação muda se você fizer isso em um local distante, longe da polícia e especialistas em buscas.

5 - Colocar concreto nos pés e jogar no rio

Em muitas produções vemos as pessoas colocando concreto nos pés das vítimas e jogando no rio. Isso pode dar certo, mas é algo complicado na vida real. O cimento requer muito tempo para secar e isso levaria praticamente o dia todo sem que a vítima se mexesse. Em 2016, Peter Martinez, membro da gangue "Crips" recebeu um par de sapatos de cimento e foi jogado na Sheepshead Bay, no Brooklyn. O seu corpo não ficou escondido por muito tempo. As bolhas de ar no cimento fizeram com que o seu corpo flutuasse e as pessoas o encontraram.

6 - Contratar uma equipe de limpeza

Em vários filmes de máfia, os criminosos têm uma pessoa profissional em limpeza para fazer o serviço. É uma boa escolha, mas na vida real não conseguiram encontrar um único caso de pessoa que ganha a vida limpando cenas de crimes. Isso porque deixar tudo em perfeitas condições, dependendo do crime, levaria em media de 9 a 12 horas. Isso porque o sangue humano consegue penetrar facilmente em móveis, paredes e carpetes.

7 - Queimar a casa

Em CSI podemos ver diversas vezes as pessoas queimando as casas para se livrar de pistas. No entanto, esses incêndios não ocultam as provas totalmente. É preciso elevar a temperatura a pelo menos 1.100 graus Celsius para a cremação completa. Os fragmentos ósseos que sobram do cadáver quando queimamos uma casa são o suficiente para prender uma pessoa. Mesmo sendo difíceis de analisar, ainda é possível. É uma boa dica vinda dos filmes, mas ainda ineficaz.

E aí, o que você achou dessa lista? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos. Lembrando sempre que o seu feedback é extremamente importante para o nosso crescimento.

Próxima Matéria
Via   Listverse  
Diogo Quiareli
Geminiano, 24 anos, goiano.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+