7 métodos psicológicos para se livrar do estresse

POR Diogo Quiareli    EM Curiosidades      12/02/18 às 13h08

Após um longo dia com diversos afazeres, é normal ficarmos extremamente estressados. Para quem leva uma vida ativa de trabalho ou estudos, o acúmulo de cansaço resulta em diversas coisas. Com o estresse, geralmente as pessoas ficam ansiosas, mal-humoradas, angustiadas e irritadas com tudo. Como todos já sabem, esses sentimentos/comportamentos trazem muitos malefícios a nossa saúde física e mental. Por esse motivo, é sempre indicado tirar férias e fazer uma viagem para livrar a mente de tudo que possa estar nos incomodando, além de relaxar o corpo. Alguns psicólogos são especialistas em resolver esses tipos de problemas nas pessoas.

Suas práticas envolvem a resolução de problemas como um todo, superação dos medos e compreensão dos sentimentos para podermos viver saudáveis e mais tranquilos. Pensando nisso, resolvemos listar algumas técnicas que eles utilizam para isso e que podem ser útil para todos. Se você tem algum amigo que anda estressado ultimamente, compartilhe com ele e coloque em prática essa lista para melhorar sua vida também. Agora, sem mais delongas, confiram conosco.

1 - Anote tudo que você pensa

John Duffy é psicólogo clínico e autor de uma obra voltada para educação de adolescentes. Ele afirma: "Para reduzir o estresse, faço anotações. Pensamentos, situações, relacionamentos com pessoas, ideias de artigos. Eu escrevo e estruturo tudo que me vem a mente. Este processo criativo é realmente útil porque nos esquecemos dos problemas, nossa cabeça fica clara, a tensão diminui. Depois disso, posso ver as coisas de uma perspectiva diferente".

2 - Seja um consumidor exigente na hora de comprar ingredientes para cozinhar

Jeffrey Sumber é um psicoterapeuta, professor e escritor que também tem suas técnicas para lidar com o estresse. Ele diz: "Quando me sinto deprimido, gosto de comer. Mas deve ser comida saudável ou um prato que nunca fiz antes. Passo muito tempo no supermercado escolhendo os ingredientes. Então, eu os corto com cuidado, preparo e como lentamente. Muitas vezes, posto o resultado no Facebook para passar uma invejinha nos amigos".

3 - Pressione os músculos

O psicoterapeuta Kevin Chapman realiza um procedimento bem útil desenvolvido em 1920. É simples: depois de qualquer tensão forte, um forte relaxamento vem. Isso quer dizer que, se apertarmos os músculos por uns 10 segundos e você se concentrar na sensação, teremos um relaxamento por 20 segundos. Existem, no entanto, pelo menos 200 exercícios com os músculos no total. Basta procurarmos o que mais nos faz sentir bem.

4 - Reagir de forma correta as situações

A psicóloga Susan Krauss Whitbourne prefere não confrontar o estresse. Ela realiza uma coisa diferente quando enfrenta uma situação estressante. Ela afirma: "Não posso mudar a situação, mas posso mudar minha reação". Uma reação positiva em uma situação negativa ajuda a evitar o estresse e tirar disso uma boa experiência se tratarmos como um desafio. Podemos ainda aprender com nossos erros.

5 - Pare o fluxo dos pensamentos

Martin Seligman é um psicólogo que recomenda um método simples para limpar a mente. Basta se concentrar e dizer "Pare! Pense nisso mais tarde!" Podemos ainda usar uma faixa no pulso para se lembrar de esquecer daquilo por um momento. Use esse truque para esvaziar a mente com o que não merece nosso estresse. Podemos começar a mudar nosso pensamento para outra coisa.

6 - Passe pelo menos uma hora fazendo o que mais gosta

O psicoterapeuta Amy Przeworski recomenda uma hora do nosso dia voltada para nossos hobbies. Ler, desenhar, cozinhar, pintar, fazer exercícios ou simplesmente ver um filme pode ajudar muito. Faça qualquer atividade que não envolva trabalho, responsabilidade ou pensamentos negativos.

7 - Estimule os nervos

Toni Bernhard sugere algo incomum, porém eficaz. E baseia-se em fisiologia. Deslize o dedo indicador nos lábios. Esse movimento toca os nervos localizados na superfície dos lábios que estimulam o nosso sistema nervoso parassimpático e ajudam a acalmar.

E ai, o que você acha dessas dicas? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos.

Diogo Quiareli
Diogo Quiareli, 23 anos, Gay, Publicitário, Goiano, Geminiano e Infinito. Uma pessoa extremamente apaixonada pelo universo musical e amante do e-sport. Fiel a memória de RBD e Glee, além de alimentar diariamente a paixão por Katy Perry, Florence and The Machine e 30 Seconds to Mars.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+