icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


7 místicos e ocultistas mais famosos da Era Vitoriana

POR Cristyele Oliveira EM Curiosidades 25/12/19 às 16h08

capa do post 7 místicos e ocultistas mais famosos da Era Vitoriana

Conhecido como Era Vitoriana, esse foi o período do reinado da Rainha Vitória, no Reino Unido, no século XIX. No geral, foi uma época bastante estranha, com acontecimentos muito bizarros. Mas nem de longe, a Era Vitoriana era tão contida e pudica quanto insiste lembrar a sua famosa reputação. Muito pelo contrário, foi uma época de descobrimento, onde todos estavam explorando o mundo ao seu redor, e às vezes, até além. Às vezes, olhar o mundo além, significava olhar para o mundo que eles também não podiam ver.

A Era Vitoriana viu o nascimento do espiritismo, a popularidade das sessões espíritas e adivinhações. Foi também a época da criação de várias sociedades secretas. E ocasionalmente, a comunhão com o diabo ou a projeção astral para outros planetas, também faziam parte do cronograma vitoriano. Junto com essa visão, começaram a surgir os primeiros mestres místicos. Confira a seguir, 7 místicos e ocultistas mais poderosos da Era Vitoriana.

1 - Annie Horniman

Annie Horniman teve uma grande influencia no teatro britânico, mas não somente lá. Original de Dublin, Anne acreditava muito no tarô e usava os cartões como orientação em todas as suas decisões de negócio. E parece que funcionava mesmo, tendo em vista que outras pessoas se inspiraram nela. Sem contar que, com isso, ela fez uma grande fortuna, embora alguns empreendimentos não tenham funcionado com o planejado. Mas Annie tinha a forte crença de que poderia se projetar, astralmente, para fazer as melhores escolhas. Se era mesmo real não está claro, mas ela fez um sucesso e tanto com suas jornadas astrais.

2 - Madame Blavatsky

Desde pequena, Helena Petrovna Blavatsky era um pouco diferente e até estranha. Quando jovem, ela se casou e logo depois, deixou o seu marido para viajar pelo mundo, por dez anos. Depois disso, ela voltou para sua terra natal, relatando que havia adquirido todo tipo de habilidade espiritual e telepática. E isso envolvia controlar ventos e até telecinesia. Em 1873, Madame Blavatsky, como ficou conhecida depois da sua volta, ela fundou a Sociedade Teosófica. O objetivo dessa organização era, basicamente, reunir as pessoas, em uma irmandade universal, que explorava verdadeiramente os poderes místicos e divinos que todos os seres humanos possuíam. Isso segundo ela.

3 - Annie Besant e Charles Leadbeater

Annie Besant e Charles Leadbeater eram defensores fervorosos de Madame Blavatsky e da Sociedade Teosófica. Eles tinham tamanha devoção à organização, que quase deixaram para sempre as suas vidas anteriores, quando entraram para o ocultismo. Besant tinha se separado do marido e pai dos dois filhos, devido a opiniões anti-religiosas. Já Leadbeater, era um padre anglicano que, quando se converteu, passou a afirmar que o ritual tornava a mensagem original do cristianismo inexistente.

4 - As irmãs Fox

A espiritualidade foi um tema controverso entre as três irmãs adolescentes, que moraram no estado de Nova York. Em 1848, as três irmãs Fox, Maggie Kate e Leah fizeram a sua primeira demonstração, do que foi chamado de "habilidades de canalização". As três jovens alegaram que o espírito de um vendedor ambulante estava presente na casa. Com esse caso, as irmãs ficaram famosas, e começaram a viajar por várias cidades, para exibir as suas habilidades místicas. Eles continuaram famosas até mesmo quando uma das irmãs confessou que tudo não passava de uma brincadeira, que ficou fora de controle.

5 - Allan Kardec

Espiritualismo e Espiritismo são duas coisas completamente diferentes. Esse último foi fundado por Allan Kardec, em meados de 1800. O seu nome é baseado em outros nomes que ele teria tido, em vidas anteriores. Nascido em Hypolyte Leon Denizard Rivial, no ano de 1804, Kardec chegou a estudar direito, mas devido à intolerância no campo, passou a traduzir livros didáticos e a administrar uma escola. Em 1850, eles escreveu o seu primeiro livro, no qual afirmava ser capaz de canalizar. E assim, nascia o espiritismo que conhecemos hoje.

6 - Anna Kingsford

Anna Kingsford foi presidente da Sociedade Teosófica por muito tempo. Assim como os demais membros da organização, Kingsford também era uma figura controversa e contraditória. Por um lado, ela foi uma das primeiras médicas da Inglaterra, e também uma das defensoras do movimento pelos direitos dos animais. Mas ela também acreditava que podia conversar com fadas, viajar no tempo e no espaço. E mais, ela também podia canalizar visões, dentre elas, até a criação do universo.

7 - William Stead

William Stead foi uma das pessoas mais influentes e poderosas de sua época. Stead foi creditado como fundador, do que conhecemos hoje, como jornalismo investigativo. Em 1892, Stead revelou que estava recebendo mensagens da vida após a morte. Notícia essa que causou enorme alvoroço na sociedade. Ele contou que estava recebendo mensagens da jornalista morta Julia Ames. Ele acreditou tanto nisso, que até organizou um escritório, para que mulheres pudesse receber mensagens do além e enviar mensagens para os seus entes queridos.


Próxima Matéria
Via   List Verse  
avatar Cristyele Oliveira
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest