• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 vícios mais difíceis de abandonar

POR Jesus Galvão    EM Experiências      06/08/18 às 18h35

As pessoas muitas vezes buscam nas drogas e em certos comportamentos, prazeres intensos, que funcionam na maior parte do tempo como escape da suas próprias realidades. Entretanto, os vícios, o abuso de substâncias e o cultivo de certos hábitos podem resultar em diversos problemas e até mesmo em dependência.

Aqui na Fatos Desconhecidos já escrevemos sobre os 7 vícios mais bizarros que existem e sobre as 7 drogas bizarras que você provavelmente nunca ouviu falar. Hoje, listamos para vocês alguns dos vícios que são muito difíceis de abandonar.

1 - Heroína e drogas opioides

A heroína tem ação rápida e é comumente injetada. Seu poder aditivo é muito alto. O consumo desse tipo de droga aumentou consideravelmente e tem preocupado os órgãos de saúde no mundo todo. A maioria dos usuários passa a desenvolver uma certa tolerância aos efeitos proporcionados pela droga, levando ao aumento das doses conforme os efeitos desejados vão desaparecendo.

2 - Álcool

Um estudo publicado em 2005, pelo Instituto nacional de Alcoolismo e Abuso do Álcool dos Estados Unidos, entrevistou cerca de 43 mil pessoas. Desses, 4.422 foram declarados dependentes do álcool em algum momento de sua vida. Alguns receberam tratamento médico para largar o vício, enquanto os outros permaneceram sem tratamento e dependentes da substância.

Segundo o Conselho Nacional de Alcoolismo e Dependência de Drogas (NCAAD, sigla em inglês) estimou, cerca de 17 milhões de adultos sofrem no país por transtornos ligados ao abuso do álcool.

3 - Cocaína

A cada dose consumida de cocaína, são causados diversos danos microscópicos ao cérebro dos usuários. A droga exerce ação sobre o sistema nervoso central e alguns dos seus efeitos são: euforia, ansiedade, agressividade, excitação física, mental e sexual. No entanto, esses efeitos duram pouco tempo, o que acaba fazendo o usuário a experimentar várias doses para dar continuidade as sensações e que pode acabar o tornando-o dependente da substância.

4 - Metanfetamina

Assim como a cocaína, a metanfetamina é uma droga estimulante e de alta potência. Psicose, violência e agressividade estão associadas como efeitos da droga. Outro sintoma semelhante ao da cocaína é que após seu uso, depressão e fadiga são experimentadas pelos usuários.

O uso a longo prazo da substância pode ocasionar danos irreversíveis ao cérebro, bem como problemas de memória e disfunções emocionais.

5 - Benzodiazepinas

Medicamentos como diazepam, lorazepam, clonazepam e alprazolam são bastante receitados para reduzir a ansiedade, ajudar as pessoas a dormir, entre outros problemas. No entanto, muitas pessoas as utilizam com outras drogas e álcool. O que pode levar a resultados graves, como a dependência dessas substâncias e até mesmo uma overdose.

6 - Nicotina

A nicotina é considerada uma substância altamente viciante. A abstinência dessa substância causa irritabilidade, depressão, ansiedade, entre outros sintomas. Devido a facilidade para encontrar cigarros no mercado, muitas pessoas relatam as dificuldades para parar de fumar e resistir aos impulsos.

7 - Sexo

Um homem pode chegar a pensar em sexo cerca de 35 vezes ao dia e as mulheres em torno de 20. Porém, esses, aparentemente inofensivos pensamentos podem se tornar uma obsessão e a pessoa pode acabar se tornando uma escrava de seus próprios desejos. E o prazer de outrora, acaba se tornando um verdadeiro tormento.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria


Matérias selecionadas especialmente para você

Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+