• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

9 frases que todo fã de futebol americano no Brasil já ouviu pelo menos uma vez

POR PH Mota    EM Copa do Mundo      31/01/17 às 15h40

Apesar de ainda não ser gigante no país, é inegável que o futebol americano é uma realidade no Brasil. Pode parecer um esporte estranho e distante para quem não tem contato frequente com a bola oval, mas o país já é um dos que mais desponta no cenário mundial dentro da modalidade.

Até mesmo a ESPN dos Estados Unidos, nação indubitavelmente superior no esporte, já destacou a participação de brasileiros no esporte, com mais de 100 times e uma federação com cerca de 8.500 membros. Numa publicação destinada à prática do futebol americano pelo mundo, a ESPN chegou até mesmo a destacar os curiosos nomes dos times nacionais, como Rednecks, Tsunami, Crocodiles, Vipers, Black Sharks e Brown Spiders.

Em 2016, o primeiro torneio unificado de futebol americano acontecei no Brasil, com 31 times - incluindo grandes clubes do futebol tradicional, como Flamengo, Vasco da Gama, Botafogo e Corinthians - e o Timbó Rex conquistou o título sobre o Flamengo FA.

Ainda que esteja crescendo cada vez mais, o esporte está longe de ser comparado ao futebol, conhecido por todos os brasileiros. Por causa disso, é extremamente comum que as mesmas dúvidas e comentários se repitam com frequência para os fãs da bola oval.

Se você não conhece o jogo, talvez já tenha sido autor de uma das frases, e se é fã, com certeza já ouviu - e ainda vai ouvir - várias vezes cada uma delas.

1 - "Nossa, é um esporte muito violento!"

Essa com certeza é a primeira reação da maioria das pessoas que têm contato com futebol americano pela primeira vez. É comum que a expressão venha acompanhada de outro questionamento muito comum: "Isso não é falta?". A verdade é que a NFL - liga norte-americana de futebol americano - tem se preocupado cada vez mais com a segurança dos atletas, fazendo com que as regras e os próprios equipamentos de proteção garantam cada vez mais a proteção de todos dentro e fora de campo. É claro que a prática sem treinamento e recomendação adequada pode levar a contusões e ferimentos graves, mas dentro de campo, a técnica e o regulamento costuma prevalecer, protegendo os envolvidos.

2 - "É muito difícil entender essas regras..."

Não dá pra dizer que essa chega a ser uma mentira, mas, em resumo, o conceito do futebol americano é bem simples. Cada time tem quatro chances para avançar no campo, de 10 em 10 jardas. Caso consiga cumprir o objetivo, as chances são renovadas e o processo se repete até que a situação acabe em pontuação ou devolução de bola por falta de conquista de território. A partir dessa compreensão, o entendimento de cada especificação e falta que ajuda a dar andamento ao jogo pode realmente demorar um tempo, mas com o básico em mente, tudo pode ficar bem simples.

3 - "Isso não é igual a rugby?"

Esse comentário é capaz de irritar ao mesmo tempo os fãs de rugby e futebol americano. As modalidades até carregam algumas semelhanças (já que o rugby ajudou a inspirar a criação do futebol americano), mas os conceitos são bem diferentes e as dinâmicas de jogo praticamente incomparáveis. Se você nunca viu os esportes, vamos combinar que não é tão difícil assim perceber que é bem diferente um grupo de homens vestindo armaduras e capacetes dentro de campo, algo que não se vê em qualquer esporte, não é mesmo?

4 - "Não entendo nada, mas acho engraçado os narradores."

Quem já teve algum contato com o esporte pela TV, pode até não ter entendido nada no primeiro contato, mas provavelmente se sentiu intrigado pelo estilo da narração. Principalmente por conta da transmissão realizada nos canais à cabo da rede ESPN, o futebol americano no Brasil está ligado a um estilo de narração muito mais bem humorado e descontraído do que os comuns para o futebol tradicional, por exemplo. Narrações e comentários de profissionais como Everaldo Marques, Rômulo Mendonça e Paulo Antunes ajudaram no desenvolvimento de piadas e jargões que conquistam novos fãs e ajudam a popularizar o esporte no Brasil.

5 - "Eu amo os shows que tem nos jogos!"

No final da temporada de futebol americano nos Estados Unidos, é comum que um grande espetáculo seja realizado durante a partida que decide o campeão. Para engrandecer a cerimônia e atrair cada vez mais espectadores, é comum que um grande show com artistas populares seja feito durante o intervalo. Muita gente tem o primeiro contato com o esporte a partir do interesse por shows de artistas como Lady Gaga, Beyoncé ou Katy Perry, por exemplo. Para o fã do esporte, pode ser difícil ver o show como atração principal, já que é a conclusão de uma temporada de jogos emocionantes ao longo de quatro meses.

6 - "Só vejo quando é a final do Super Bowl"

Seja pelo show, pelos intervalos de orçamento milionário ou anúncios de novos trailers e seriados, muita gente só assiste a futebol americano durante o Super Bowl. O que geralmente também acontece, é a confusão de chamar o evento de "final do Super Bowl". O Super Bowl, na verdade, é o nome dado à final do campeonato norte-americano, ou seja, final e Super Bowl são sinônimos. Para quem é fã, ouvir isso pode ser tão difícil como "subir para cima".

7 - "É esse que tem o marido da Gisele?"

Nos Estados Unidos, os atletas profissionais de futebol americano são vistos como celebridades por onde passam, sendo reconhecido por todos. Já no Brasil, os atletas não são populares, não tendo os nomes identificados por pessoas que nunca nem mesmo viram o esporte. Por aqui, é mais fácil identificar o esporte como aquele do marido da top model Gisele Bundchen. O quarterback Tom Brady é um dos maiores jogadores em atuação na liga, o que faz com que alguns fãs achem a frase dolorida de se ouvir.

8 - "Esse jogo é muito chato, para o tempo todo"

Quem está acostumado com o futebol tradicional assiste a dois tempos corridos de 45 minutos, com apenas um intervalo entre eles. No caso do futebol americano, as paralisações são muito mais frequentes, acontecendo o tempo todo. Isso porque o futebol americano é um jogo baseado na estratégia de conquista de território e disputa de trincheira, assim como as guerras. Se para um desavisado as paralisações podem ser entediantes, para os fãs, é nesse momento que se discute novas estratégias, analisa o contexto do jogo e se espera por uma grande jogada que pode mudar a cara do jogo e entrar para a história.

9 - "Esse jogo não acaba nunca?"

Além das tradicionais paradas, o jogo tem uma duração muito maior do que o esporte mais popular do Brasil. Apesar de ser dividido em quatro tempos de 15 minutos, o tempo real de transmissão de um jogo pode passar de três horas de duração. Para quem não está acostumado, pode ser uma verdadeira tortura, mas num jogo disputado, cada segundo é apreciado pelos fãs do esporte.

Conseguiu identificar as frases comuns em sua vida como fã de futebol americano? Certamente algumas delas são repetidas com frequência sempre que alguém sabe que você admira o esporte, não é mesmo? Que outras frases você costuma ouvir o tempo todo? Conte para a gente nos comentários.

Próxima Matéria
PH Mota
Jornalista que é um encontro Monty Python e A Praça É Nossa.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+