Curiosidades

As 5 principais tendências de inteligência artificial para 2024

0

A inteligência artificial (IA) é uma tecnologia que dá às máquinas a possibilidade de terem conhecimentos através de experiências, e permite que elas se adaptem ao seu meio e desempenhem tarefas quase da mesma maneira que um ser humano faria. A princípio, isso é uma ótima ideia. No entanto, ninguém sabe ao certo até onde essa tecnologia pode nos ajudar ou então ser a nossa ruína.

Por mais que essa preocupação esteja ganhando mais força entre as pessoas ligadas a esse ramo, o desenvolvimento da inteligência artificial continua a todo vapor. Tanto é que algumas tendências estão prontas para remodelar o mundo em 2024.

Os entusiastas da tecnologia já sabem que a IA está se integrando de forma perfeita à vida das pessoas em seu dia a dia, levando as indústrias para o futuro e provocando mudanças regulatórias.

Justamente por isso que 2024 pode ser o ano de inovações e novos horizontes para a inteligência artificial. As principais cinco tendências para ela são um delineado para um plano futuro iminente cheio de oportunidades ainda não exploradas. Contudo, como tudo que envolve IA é desconhecido, é preciso ter cautela. Por isso que é necessário que os princípios fundamentais da confiança, imparcialidade, acessibilidade e governança vigilante sejam sempre defendidos.

Tendências para inteligência artificial

1 – IA Quântica

Forbes

Para quem não sabe muito bem do que se trata, a computação quântica pode parecer uma coisa de filme de ficção. Contudo, ela está cada vez mais sendo vista na vanguarda da pesquisa em inteligência artificial. O potencial dela nesse quesito não é somente algo teórico. Tanto é que várias startups emergentes e gigantes da tecnologia estão colocando recursos significativos para criar soluções quânticas.

Em 2024, serão vistos grandes saltos na capacidade de IA, principalmente nas áreas que exigem solução de problemas complexos impulsionados por avanços quânticos.

2 – Legislação de IA

Forbes

A inteligência artificial está atraindo a atenção das pessoas que formulam políticas globais. Por isso que com o novo ano chegando, países como China, União Europeia, Estados Unidos e Índia, estão criando políticas que abrangem a IA.

O objetivo disso é catalisar avanços tecnológicos, atrair investimentos globais e também proteger suas populações das repercussões negativas que podem acontecer.

3 – IA Ética

Forbes

Conforme a IA fica mais presente na vida das pessoas isso traz vários dilemas éticos. Por isso que é fundamental que ela funcione com a máxima transparência e imparcialidade. Contudo, para isso o desafio é bem maior do que uma engenharia de algoritmos imparciais.

Para que isso aconteça de fato é preciso cultivar padrões rigorosos para que os sistemas e seus criadores sejam responsáveis por suas ações. De acordo com a previsão dos especialistas, em 2024 irá acontecer uma crescente na educação ética de inteligência artificial e uma prioridade nas considerações éticas nos domínios de pesquisa e desenvolvimento dessa tecnologia

4 – Trabalho aprimorado

Forbes

A inteligência artificial não é somente mais uma ferramenta, ela é uma coisa inestimável. Tanto é que ela tem a capacidade de ajudar cirurgiões em diagnósticos; de ajudar desenvolvedores de software com sugestões de código instantâneas; e advogados com referências de casos.

E conforme o trabalho remoto e a educação por IA ficam mais comuns, ela está pronta para fazer uma revolução no design de currículos personalizados e melhorar a dinâmica das equipes virtualmente.

5 – Nova geração de IA generativa

Forbes

A inteligência artificial generativa está indo além dos limites de simples chatbots e criadores de memes extravagantes. No futuro esse tipo de IA poderá criar narrativas complexas, coreografar sinfonias musicais e quem sabe até mesmo ajudar na criação de um best-seller.

Nesse ponto, uma inovação fundamental é a IA generativa multimodal, que é um sistema adepto em harmonizar várias entradas, como texto, voz, melodias e pistas visuais. Por conta dessa integração, várias coisas podem ser feitas, como por exemplo, conteúdos multimídia até experiências multisensoriais cativantes. Em 2024, essa linha entre a habilidade humana e as obras feitas por inteligência artificial ficará cada vez mais sutil.

Fonte: Forbes

Imagens: Forbes

Mais de 30 mil moedas romanas são encontradas por mergulhador na Itália

Previous article

Colômbia sacrificará hipopótamos de Pablo Escobar

Next article

Comments

Comments are closed.