• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Bolacha ou biscoito? O Google te fala qual é o "certo"

POR Rafael Miranda    EM Curiosidades      10/12/14 às 22h20

O Google entrou na famosa briga Bolacha x Biscoito. Se você buscar os dois termos no Google Trends, ferramenta que analisa dados das buscas feitas por ele, percebe-se uma clara separação entre os termos "bolacha" e "biscoitos" nos Estados.

O Trends não disponibilizam números absolutos das buscas. Na busca por "bolacha", nota-se uma predominância sobre os Estados do Sul e parte do Centro-Oeste, além de São Paulo, nas buscas. A maior porcentagem de buscas pelo termo é de Santa Catarina, sucedido por Rio Grande do Sul, Paraná e Mato Grosso. Por outro lado, a busca por "biscoito" é mais forte no restante da região Sudeste e em todo o Nordeste. 21

O Distrito Federal é o principal reduto, seguido por Espírito Santo, Minas Gerais e Rio de Janeiro. Já dá para notar que o termo "biscoito", embora mais forte em alguns locais, permanece forte no restante do país, ao contrário do termo "bolacha".

Ao confrontar os dois termos em cada Estado, a vantagem do biscoito fica clara e traz a mais surpreendente das revelações: só o Sul do país busca mais por bolacha.

[caption id="attachment_26149" align="alignnone" ]20 Linha vermelha representa a busca por Biscoito, linha azul representa a busca por Bolacha.[/caption]

Isso mesmo: em São Paulo, tido como principal defensor da bolacha, a busca por biscoito é maior. Com a busca no Google ao longo dos últimos 10 anos em todo o Brasil, é possível comprovar: a maioria dos brasileiros fala mais (ou melhor, busca mais por) biscoito (a linha vermelha) que bolacha (a linha azul).

Claro que isso não determina quem está certo ou errado. Enquanto paulista, ainda fico com bolacha. Mas, à luz dos números, os defensores do biscoito ganham mais um argumento.

Próxima Matéria
Rafael Miranda
Criando forças para segurar o forninho de cada dia. Instagram: @rafaelmiranda17
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+