• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Cérebro de quem fica enjoado no carro acredita que está sendo envenenado

POR Jesus Galvão    EM Ciência e Tecnologia      26/04/19 às 15h54

Você já teve a incômoda situação de estar dentro de um veículo durante uma viagem e de repente lhe bater um enjoo? Mas não se preocupe. Esse mal estar repentino na verdade pode ser uma indicação de que seu cérebro está funcionando corretamente.

Pesquisas recentes descobriram que este tipo de enjoo pode ser resultado de seu cérebro reagindo ao que ele acha que pode ser um ataque súbito de envenenamento. De acordo com o que foi sugerido pelos cientistas, seu cérebro está recebendo mensagens conflitantes sobre seu ambiente imediato. Assim como acontece quando uma pessoa é envenenada.

Todos sabemos que vomitar é a maneira mais fácil de liberar qualquer neurotoxina ou substância ingerida de nosso sistema. Mas por que nossos cérebros estariam tão confusos em relação a isso?

Mal estar

Especialistas acreditam que esses enjoos sejam causados pelo fato de ser um fator novo. Se olharmos para a história da humanidade, viagens de carro, ônibus e barcos são coisas muito recentes e nossos cérebros ainda não se adaptaram completamente.

Apesar de estarmos dentro de um veículo em movimento, a grande maioria dos nossos sentidos ainda nos diz que nosso corpo está em repouso e obviamente nosso corpo está "parado" enquanto estamos sentados no banco do automóvel.

No entanto, ao mesmo tempo, seu cérebro também sabe que você está avançando em uma certa velocidade por causa dos sensores de equilíbrio. Esses sensores são pequenos tubos de fluido em seu ouvido interno. O líquido dentro deles está girando, indicando o movimento, enquanto na verdade, você está parado. Seu cérebro neste momento está recebendo informações seriamente confusas.

O cérebro é o culpado

O tálamo é o responsável em juntar essas informações e descobrir o que de fato está ocorrendo. Entretanto, muitas vezes ele chega à conclusão de que você foi envenenado e de aquela conhecida sensação de que você vai vomitar de repente aparece. Às vezes, você realmente irá vomitar.

"Assim que o cérebro fica confuso com qualquer coisa assim, ele diz: oh, eu não sei o que fazer, então apenas fique doente", explicou Dean Burnett, neurocientista da Cardiff University, no Reino Unido. "E, como resultado, temos enjoo porque o cérebro está constantemente preocupado em ser envenenado".

Olhar pela janela do carro pode te ajudar. Isso porque seu cérebro de fato entende que você está se movendo e que está tudo bem. Ler pode piorar a situação. A ação convence seu cérebro de que você está realmente parado e não se locomovendo pelo espaço. Se você estiver dirigindo o veículo, é ainda melhor. Dessa forma, há mais evidências visuais disponíveis para que seu cérebro compreenda genuinamente que você está se movimentando.

De uma forma ou de outra, ele acaba entendendo que você não está sendo envenenado. No entanto, os cientistas ainda não foram capazes de compreender porque isso afeta algumas pessoas e outras não. Acredita-se que, possivelmente, que seja apenas sorte mesmo.

Em 2013, um estudo descobriu que pessoas cujos corpos se moviam naturalmente com mais frequência, mesmo quando estavam parados, tinham mais probabilidade de ter enjoos no mar. A conclusão do estudo é a de que talvez as pessoas suscetíveis apenas se movam de modo diferente no geral. Os cientistas continuam na busca para compreender esse problema, responsável por arruinar as férias de muitas famílias mundo afora.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.

Próxima Matéria


Matérias selecionadas especialmente para você

Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+