• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Cientistas criam lentes de contato capazes da darem zoom

POR Jesus Galvão    EM Ciência e Tecnologia      29/07/19 às 18h26

Já pensou que, em algum momento na nossa história, haveria um momento em que a tecnologia estaria tão avançada a ponto de ser capaz de criar lentes de contato que pudessem dar zoom? Bom, apesar disso parecer algo muito longe de acontecer, a verdade é que esse momento já pode ter chegado. Cientistas parecem ter criado lentes de contato robóticas que permitiriam a seus usuários ampliarem as imagens simplesmente ao piscarem os olhos.

Essas lentes seriam controladas por pequenos movimentos oculares. Dessa forma, uma dupla piscada poderia tanto aumentar ou diminuir o zoom diante daquilo que se está olhando. A grande maioria de pequenos robôs é controlada manualmente ou pré-programada. No entanto, essas novas lentes imitam os sinais elétricos naturais no globo ocular humano. Estes ficam ativos mesmo quando nossos olhos estão fechados.

As lentes de contato hi-tech foram desenvolvidas pelos pesquisadores da Universidade da Califórnia em San Diego, nos Estados Unidos. Eles desenvolveram um mecanismo capaz de aproveitar essa carga natural para controlar a lente. Os cientistas mediram o potencial elétrico do olho, o chamado 'sinal eletro-oculográfico", gerado quando os olhos fazem movimentos específicos, como olhar para cima, para baixo, para a esquerda e para a direita. Assim, criaram lentes biomiméticas suaves, capazes de responder a estes sinais.

As lentes foram criadas para serem capazes de mudar sua distância focal a depender dos sinais gerados. Assim, eles podem aumentar ou diminuir o zoom literalmente em um piscar de olhos. O mais surpreendente no projeto é que a lente funciona mesmo que o usuário não possa enxergar. O seja, não é sobre a visão, mas sim sobre a eletricidade produzida por certo movimentos.

Lentes robôs

De acordo com o pesquisador-chefe, Shengqiang Cai, em entrevista à New Scientist: "Mesmo que seu olho não consiga ver nada, muitas pessoas ainda podem mover seu globo ocular e gerar esse sinal eletro-oculográfico". A lente é feita de polímeros, que se expandem quando a corrente elétrica é aplicada.

Ela é controlada com a ajuda de cinco eletrodos posicionados ao redor dos olhos. Eles agem como músculos. Dessa forma, quando o polímero se torna mais convexo, a lente como resultado aumenta o zoom. Os cientistas esperam que isso possa, algum dia, ajudar a criar um olho protético ou uma câmera, que possa ser controlada apenas com nossos olhos. Alguns robôs já possuem lentes que imitam os sinais elétricos naturais do globo ocular humano.

"O sistema desenvolvido no presente estudo tem o potencial de ser usado em próteses visuais, óculos ajustáveis ??e robótica operada remotamente no futuro", escreveram os pesquisadores, no artigo publicado na revista científica Advanced Functional Materials. 

Então pessoal, o que acharam da matéria? Acreditam que, no futuro, poderemos utilizar lentes de contatos tão poderosas que colocaremos um ponto final na utilização de óculos de grau? A verdade é que muito ainda há de ser descoberto pela ciência e, sem dúvida, algumas coisas muito surpreendentes serão benefícios obtidos a partir do advento de tal tecnologia. Deixem nos comentários a sua opinião a respeito dessa invenção e não esqueçam de compartilhar com os amigos. Lembrando que seu feedback é muito importante para nós.

Próxima Matéria
Via   Independent  
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+