• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Como era a versão da Mulher Maravilha criada por Stan Lee?

POR Gabi Noronha    EM Fatos Nerd      06/08/19 às 18h14

Stan Lee teve suas obras e imagem popularizada graças aos filmes da Marvel Studios. Apesar da maior parte de sua carreira ter sido dentro da Casa das Ideias, o artista também passou um tempo na DC Comics. No começo dos anos 2000, Lee se ocupou de reimaginar alguns dos personagens mais importantes da Casa das Lendas, concedendo a eles novas origens, poderes e personalidades. Junto com vários outros artistas renomados, foi criada a série intitulada Just Imagine... A seguir, apresentaremos um pouco sobre a versão da Mulher Maravilha criada por Stan Lee.

Antes de mais nada, é importante ressaltar que Stan Lee não trabalhou sozinho. Para essa versão da Mulher Maravilha,  fizeram parte da equipe Michael Uslan e Gene Colan, com histórias complementares, e Jim Lee nas artes. Agora, vamos às origens. Diferente da original, a versão de Just Imagine... não tem raízes na mitologia grega, mas sim na mesoamericana. O termo usado é referente à região do continente americano, a qual inclui o sul do México, os territórios da Guatemala, El Salvador e Belize. Assim como a parte ocidental da Nicarágua, Honduras e Costa Rica.

Com tudo esclarecido, vamos à história. Reza a lenda que Manco Capac, o deus do sol, criou a cidade de lendária Cuzco, ao bater o seu bastão no chão. Já nos dias atuais, Armando Guitez, um senhor da guerra, procura por todo o local relíquias as quais pode roubar. O único obstáculo entre ele e as relíquias é Maria Mendoza, uma jovem com forte senso de justiça.

Mulher Maravilha reimaginada

Steve Trevor é um dos empregados de Guitez. No entanto, ele tenta fazer um trabalho mais honesto. Ele descobre runas com poderes místicos e as contrabandeia de Cuzco à Los Angeles. Nisso, o pai de Maria é assassinado por Guitez e ela jura vingança. Ao tentar ajudá-la, Steve também acaba morto por Guitez, que consegue obter poderes demoníacos das runas. Quando tudo parece perdido, Maria encontra uma espécie de cajado e vozes a anunciam como Mulher Maravilha.

Apesar das semelhanças físicas com Diana, Maria tem diferentes poderes e habilidades. Ela pode, por exemplo, transformar sua imaginação em realidade. Contudo, ela concentra o uso dos poderes no voo, super força e manipulação de energia. O cajado também assume a forma de braceletes dourados, os quais lhe concedem mais poderes.

Como Mulher Maravilha, Maria consegue acabar com os negócios ilegais da região e deter Guitez, até então, possuído por poderes demoníacos. De volta aos Estados Unidos, ela consegue um emprego, como secretária, em uma revista de fofoca local. Por fim, é encarregada de investigar a verdadeira identidade da Mulher Maravilha.

Próxima Matéria
Via   CBR  
Gabi Noronha
Resumindo, é basicamente isso! Mais aventuras em Instagram: @gabinoronhaf
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+