icone menu logo logo-fatosnerd.png


Criador de Breaking Bad explica porque Jesse não matou Walter no fim da série

POR Letícia Dias EM Notícias 23/09/20 às 12h23

capa do post Criador de Breaking Bad explica porque Jesse não matou Walter no fim da série

Enquanto muitas séries aclamadas acabam tendo sua reputação manchada por um final medíocre, Breaking Bad não faz parte dessa lista de decepções. Criada por Vince Gilligan, a narrativa de Walter White permanece sendo uma das mais bem avaliadas da história. Surpreendentemente, apesar de alguns fãs acharem que cinco temporadas passaram muito rapidamente, esse é exatamente o grande trunfo de Breaking Bad.

No entanto, mesmo após todos esses anos desde a conclusão da série, um questionamento vem pairando sobre a audiência. Em suma, por que Jesse Pinkman não matou Heisenberg? Visto que o protagonista acabou se tornando o nêmeses do jovem traficante, vimos este último receber uma chance de pôr fim à esse conflito. Contudo, ele optou por não fazê-lo. Por que?

Bom, de acordo com uma entrevista que Gilligan deu após o fim da série, essa foi uma decisão muito bem pensada. Antes de tudo é importante lembrar que a relação entre Jesse e Walter oscilou muito ao longo de Breaking Bad. Inicialmente Pinkman via White como um mentor. Ao passo que o jovem deslocado não tinha uma relação com o pai, Walt acabou assumindo o papel de figura paternalista na vida dele. Aliás, ambos tiraram proveito de uma parceria mútua por um bom tempo. Todavia, ao longo da narrativa, a falta de empatia e bom senso de Walter o levam a trair e manipular Jesse uma série de vezes.

Isso serve apenas para reforçar nossa teoria de que Jesse poderia muito bem ter aproveitado sua chance final para matar Walter. Contudo, mesmo assim ele optou por não fazê-lo. Sendo assim, retornamos àquele "por que" de dois parágrafos atrás. Acredite se quiser, a resposta é bem objetiva. Jesse se recusou a matar Walt porque ele não tinha o coração de um assassino.

Por que Jesse não matou Walter?

Segundo uma conversa de Gilligan com a Entertainment Weekly, a possibilidade de Jesse matar Walter foi amplamente cogitada. No entanto, Pinkman já havia saciado sua sede de sangue ao estrangular Todd Alquist, o principal vilão de sua jornada. "Nós conversamos sobre Jesse aceitando a oferta de matar Walt ou Walt se virando e descobrindo que Jesse tinha uma arma com ele. Nós conversamos sobre cada permutação que podíamos conceber, e seguimos do jeito que seguimos, porque a sede de sangue havia sido saciada antes daquele momento ao ver Jesse estrangular Todd até a morte", explicou Gilligan.

Além disso, Jesse não é um assassino. Logo, ele seria incapaz de matar outra vez. "A primeira vez que ele [Jesse] fez isso foi para salvar o Sr. White é a si mesmo. Apesar disso, não foi algo natural para ele, e roubou uma grande e importante parte de sua alma. Então, pensamos com nós mesmos: 'Quer saber? Que isso acabe com o Todd. Que essa seja a última pessoa que esse garoto mata. Que ele continue daqui para ter uma vida decente", disse o criador da série.

Por último, mas não menos importante, vale lembrar de uma promessa que Jesse fez à Walter. "[Jesse] havia dito há muito tempo, em um episódio anterior, 'Nunca mais vou fazer o que você me diz para fazer'. Então, quando ele diz não, larga a arma e diz: 'Faça você mesmo', para o Sr. White, é uma recusa em fazer o que Walt diz a ele. Ele simplesmente não vai fazer mais Walt feliz. Não se trata de 'ainda não estou com raiva o suficiente para matar você'. Em vez disso, é: 'Você quer isso e, portanto, não vou dar a você' ".


Próxima Matéria
Imagens AMC
avatar Letícia Dias
Letícia Dias
Trabalhando pra falar de super-heróis, filmes e séries em tempo integral | @letdiax
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você!

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest