Entretenimento

Disseram que ele seria inútil por ser autista e hoje ele se formou na faculdade

0

As pessoas tem o péssimo hábito de negar aquilo que é diferente. É dessas pequenas atitudes que desprezam algo ou alguém que é diferente da maioria, que nasce o preconceito. Há várias formas de expressar essa atitude e uma delas é desprezando a capacidade de alguém em fazer algo.

Foi isso o que aconteceu com Iván Gutiérrez, que foi diagnosticado com autismo quando tinha apenas 3 anos de idade. Os pais da criança não apenas foram surpreendidos pelo diagnóstico, mas também pela resposta que obtiveram da sociedade a respeito de seu filho.

Diagnóstico e preconceito

María Cecilia Lovera, a mãe de Iván levou o filho ao médico, preocupada com seu desenvolvimento. Foi nesse momento que a criança, de 3 anos, foi diagnosticada com o Transtorno do Espectro Autista. O transtorno afeta a capacidade de interagir e de se comunicar.

O próprio médico, que realizou o diagnóstico, foi extremamente rude com os pais de Iván. O especialista aconselhou os pais a terem mais filhos, pois o menino não chegaria a lugar algum. Seria como um móvel. Ouvir isso de um médico não foi fácil e a mãe de Iván ficou completamente sem chão e sem saber o que fazer.

O jogo virou

Demorou um tempo para que María Cecilia procurasse outro médico, mas quando o fez não se arrependeu. A resposta do médico dessa vez foi completamente diferente. O especialista aconselhou a mãe para que matriculasse o filho em uma escola, o mais “normal” possível e foi isso o que ela fez!

Apesar das dificuldades encontradas, esse conselho fez muito bem para Iván. O menino sofreu com o preconceito dos colegas e muitas vezes das próprias instituições de ensino, que não viam porque ensinar uma criança que no futuro não poderia exercer nenhuma profissão.

Apesar de todas as dificuldades enfrentadas, nem Iván, nem a mãe desistiram de seus objetivos. Agora homem crescido, Iván acaba de se formar na pós-graduação para engenheiro de computação. O garoto que um médico disse que seria apenas um peso para a família, é hoje engenheiro da computação e motivo de orgulho para a mãe.

Esse vídeo mostrando o real tamanho de um buraco negro vai fritar seu cérebro

Matéria anterior

Entenda como a vitamina D está ligada ao desenvolvimento de depressão

Próxima matéria

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.