icone menu logo logo-fatos-curiosos.png


Enxame de formigas voadoras foi tão grande que pôde ser visto de satélites

POR Jesus Galvão EM Curiosidades 29/07/19 às 20h03

capa do post Enxame de formigas voadoras foi tão grande que pôde ser visto de satélites

Durante um dia de verão no Reino Unido, o serviço meteorológico foi surpreendido pelos radares por aquilo que parecia se tratar de um episódio de chuva. No princípio, parecia que uma chuva diurna havia decidido banhar o sul da Inglaterra, entretanto, depois uma averiguação por parte da equipe de meteorologia, ficou claro que as manchas nos radares não se tratavam de nuvens. Na verdade, a coisa, aparecendo para os especialistas, estava viva. Tratavam-se de formigas.

De acordo com os profissionais, as massas, que eles julgaram se tratar de nuvens de precipitação, eram formigas voadoras. O grupo era tão denso que os satélites meteorológicos as entendeu como gotas de chuva no espaço. "Você pode dizer que não é chuva porque tem uma aparência estranha", explicou o apresentador da BBC, Simon King. "Não combina exatamente com o que a chuva parece".

Na verdade, esse não é um fenômeno muito estranho para os moradores da região, onde o enxame confundiu os satélites meteorológicos. Essa 'invasão de insetos' acontece anualmente e é, comumente, chamada de Dia da Formiga Voadora. Embora não exista um dia exato para isso acontecer, geralmente, tal evento se sucede a qualquer momento entre junho e o início de setembro. Além do mais, o pico da 'invasão' pode durar vários dias.

As formigas pretas de jardim (Lasius niger), após um período de tempo quente e úmido, chegam aos céus em massa. Voando por todos os lados, invadindo as casas e indo parar diretamente dentro da boca daqueles mais distraídos. Esse período é essencial para as formigas fêmeas. É nessa época, que as rainhas virgens emergem de seus ninhos para começarem um nova vida, e garantir a melhor descendência possível. Seus futuros parceiros serão encontrados durante esse período.

Dia da Formiga Voadora

Durante seus voos, as formigas fêmeas liberam uma série de feromônios. O que acaba por atrair um grande enxame de machos alados. Todos prontos para competir pela atenção da rainha, enquanto lutam para não serem devorados por aves famintas. Tais aves se aproveitam do período para engordar alguns quilinhos.

Uma vez que essa espécie de ritual de acasalamento se encerra, as formigas morrem e as rainhas voltam para o chão, prontas para cavar um novo ninho. Caso o esforço tenha sido bem sucedido, a rainha deve ter acasalado o suficiente para fertilizar todos os seus óvulos pelo resto de sua vida. Colocando em torno de 20 mil ovos em cerca de 15 anos.

Não é a primeira vez que satélites meteorológicos confundem formigas com pingos de chuva. Em 2017, o serviço meteorológico do Reino Unido notou o mesmo padrão. Devido a isso, muitas pessoas puderam presumir que houve um crescimento no número de formigas voadoras. Entretanto, segundo o entomologista, Adam Hart, da Universidade de Gloucestershire, em entrevista ao The Guardian, esse não é o caso. Na verdade, tudo é apenas uma indicação de quão sensível se tornou a nossa tecnologia.

Por outro lado, caso as formigas tivessem de fato aumentado, isso não seria algo ruim. Apesar de todo o incômodo, o Dia da Formiga Voadora é extremamente benéfico ao ecossistema local. As formigas não são apenas uma fonte de alimento para as aves, mas o modo como elas abrem e cavam seus ninhos tem profundas implicações na qualidade do solo na região.

Então pessoal, o que acharam da matéria? Deixem nos comentários a sua opinião e não esqueçam de compartilhar com os amigos.


Próxima Matéria
avatar Jesus Galvão
Jesus Galvão
Goiano, Canceriano e Publicitário.
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest