• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


Essa é a chance de existir uma cópia sua existindo no mundo

POR Cristyele Oliveira    EM Ciência e Tecnologia      16/08/19 às 17h50

Você, provavelmente, já deve ter ouvido falar sobre doppelganger, certo? O que seria algo como a cópia idêntica de uma pessoa ou um sósia. Hipoteticamente, existe uma lenda que diz que todo mundo tem uma cópia perdida pelo mundo.

Ao menos uma vez na vida, algum amigo ou conhecido já deve ter chegado em você, dizendo que viu alguém super parecido com você por acaso. Você já parou para imaginar se essa pessoa seria a sua cópia, o seu doppelganger? Quais são as chances de isso acontecer, cientificamente falando?

Uma pesquisa tentou responder essa pergunta e descobriu que, ter um doppelganger exato, é menos provável do que se imagina. O estudo, feito em 2015 por pesquisadores australianos, analisou diversos dados. Tudo isso, para investigar a probabilidade de duas pessoas terem 8 características faciais fundamentalmente correspondentes.

E eles chegaram à conclusão de que há cerca de 1 em 135 chances de haver uma dupla de cópias que preencham certos requisitos, em algum lugar do mundo. Já a probabilidade de ter outra pessoa idêntica a você, é de apenas de 1 em 1 trilhão. Então, não se preocupe, provavelmente, você nunca irá encontrar uma cópia sua por aí.

O estudo

Para chegar a esse resultado, o biólogo, Teghan Lucas, da Universidade de Adelaide, na Austrália, juntamente com a sua equipe analisou 4 mil rostos diferentes. Para isso, eles usaram o banco de dados do US Antropometric Survey, que é um registro de dados antropométricos do Exército dos Estados Unidos. Eles usam esses dados para rastrear medições corporais de soldados.

Examinando esses dados, a equipe comparou os rostos em oito características faciais distintas. No entanto, eles não divulgaram quais eram exatamente essas características. Mas a partir delas, eles concluíram que as chances de uma pessoa se parecer, exatamente com outra, em todos esses aspectos, é de 1 em 1 trilhão.

Ou seja, matematicamente falando, há uma chance de existir dois dopplegangers no mundo, no entanto, é altamente improvável.

Doppelgangers

A melhor forma de considerar essa improbabilidade, de se encontrar uma cópia sua, é pontuar a quantidade de variáveis genéticas que modificam as feições de cada pessoa. E não apenas isso. Segundo Eoin O"Carrol, há ainda uma série de outros fatores que também teriam que se alinhar para que duas pessoas fossem fisicamente semelhantes.

Mas então, por que ainda tem gente que continua encontrado pessoas parecidas com outras, se isso é estatisticamente improvável? É simples, porque as pessoas podem e tendem a perceber os rostos de maneira diferente. Ou seja, não é só porque o rosto de uma pessoa não é exatamente igual ao de outra dentro dos 8 requisitos do estudo, que elas não se pareçam. As pessoas podem enxergá-las como iguais, devido a uma soma da partes da face, ao invés de cada parte individual.

Isso significa que, mesmo que uma pessoa não seja cientificamente o seu doppelganger, ainda podemos achar que é. Isso porque, diferentemente do estudo, nós podemos observar todo o contexto e não apenas fazer medições minúsculas de características faciais.

Ou seja, é provável que exista sim uma cópia sua por aí. Contudo, se você for analisar as suas características, cientificamente falando, muito dificilmente, elas seriam uma combinação verdadeira com as suas definições.

E você, já encontrou o seu doppelganger? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos.

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+