O mundo está cheio de histórias curiosas e para lá de assustadoras. Com essa afirmação, gostaríamos e compartilhar com vocês a de Kaylee Muthart. Kaylee, de 20 anos, passou por um episódio que deixará marcas eternas em sua vida. A jovem é de Anderson, Carolina do Sul, Estados Unidos e arrancou seus próprios olhos durante um surto psicótico. O caso trágico aconteceu em frente a uma igreja, quando Kaylee começou a ouvir vozes que lhe diziam que ela só iria para o céu se sacrificasse sua visão. Sua mãe, Katy Tompson, falou abertamente sobre o incidente que aconteceu no dia 6 de fevereiro.

Ela relatou à Revista People que sua filha arrancou os olhos após consumir metanfetamina. Ela ainda complementa dizendo que a história de Kaylee com as drogas começou no ano passado, quando lhe ofereceram maconha junto com a substância alucinógena. Alguns dias antes do acontecido, a senhorita Muthart disse para sua mãe que não estava se sentindo preparada para iniciar o tratamento em uma clínica de reabilitação. Isso foi um dos gatilhos para que ela fizesse isso.

Publicidade
continue a leitura

Vida atual

Os paroquianos da Capela do Sul e do Centro da Misericórdia dizem que ouviram os gritos e, quando decidiram sair da igreja para ver o motivo, encontraram a jovem com o seu globo ocular na mão. Segundo algumas testemunhas, ela agia de forma agressiva e lutava para impedir que as pessoas a ajudassem. Assim, ela arrancou o outro globo antes que os paramédicos chegassem ao local. Após a equipe médica consegui controlá-la, ela foi levada para o Hospital Greenville Memorial, onde permanece recebendo os cuidados necessários.

Publicidade
continue a leitura

Os profissionais que cuidam do caso informaram que a jovem não contraiu nenhum tipo de infecção. Eles estão aguardando para realizar uma cirurgia para implantação de próteses oculares em breve. Katy diz que a filha insiste para que os médicos coloquem nela olhos verdes claros, como eram os seus. Ela contou ainda em uma entrevista que Kaylee está animada para deixar o hospital e quer dedicar-se em ajudar os jovens que sofrem com a dependência química.

Publicidade
continue a leitura

“Eu não sei como estou conseguindo passar por isso, acho que ela me deu forças. É estranho dizer, mas depois do incidente com seus olhos, Kaylee está se recuperando e querendo transformar sua vida. Pode parecer uma coisa horrível, mas sou grata. Minha filha foi salva”, diz. A família ainda criou uma campanha intitulada de “GoFundMe”, que visa arrecadar dinheiro para comprar um cão guia para ela.

E aí, o que você achou dessa matéria? Comenta pra gente aí embaixo e compartilhe com seus amigos.

Publicado em: 28/02/18 16h46