Um flagrante curioso, durante a transmissão do amistoso entre Bursaspor e Fenerbahce, causou um grande burburinho nas redes sociais. A TV turca, ao mostrar rapidamente os torcedores na arquibancada da Timsah Arena, flagrou, em um determinado momento, duas ‘crianças’. O assustador é que uma estava, tranquilamente, fumando.

Como tudo repercute rapidamente, graças à internet, a situação aqui não poderia ser diferente. O vídeo viralizou entre os internautas. Na rede, muitos usuários fizeram piadas. Em contrapartida, muitos outros lamentaram a situação. Normal, não é comum encontrarmos crianças fumando por aí.

Após ganhar atenção mundial, o fato foi desmentido, por uma emissora de TV da Turquia. O rapaz, cujo nome é Coculk, não é uma criança. Mesmo aparentando ser, Coculk já tem 36 anos, é torcedor do Bursaspor e a criança, que o acompanhava no estádio, era seu filho.

Casos semelhantes

Publicidade
continue a leitura

Essa não é a primeira vez que uma criança é flagrada fumando e viraliza na internet. Vocês lembram de Aldi Rizal, o bebê de dois anos, que ficou conhecido no mundo todo, em 2010, depois de reportagem que mostrou seu vício por nicotina? Felizmente, hoje, Rizal, após abandonar o vício, leva uma vida normal.

Na época, o caso chamou muita atenção, não só por Rizal. De acordo com informações, divulgadas na internet, na aldeia de Rizal, o hábito de crianças fumarem era bastante comum. Por esse motivo, o governo do país lançou uma campanha para confrontar o problema.

Quando ficou conhecido, o garoto fumava cerca de 40 cigarros por dia, enquanto brincava na pequena vila de Sumatra, na Indonésia, onde vive. Rizal precisou passar por um tratamento para largar o vício. O tratamento teve êxito, entretanto, Rizal desenvolveu uma compulsão por comida.

Publicidade
continue a leitura

De acordo com o Daily Mail, o garoto passou a comer alimentos gordurosos e chegava a consumir até três latas de leite condensado por dia. O menino chegou aos 24 quilos com apenas cinco anos. Isso significa que Rizal estava seis quilos, acima do peso recomendado para uma criança dessa idade.

Após buscar ajuda para o novo problema, o garoto começou a fazer uma dieta, tendo como base frutas e legumes frescos. Após quatro anos de tratamento, Rizal conseguiu diminuir o peso extra. Agora, aos 11 anos, ele leva uma vida mais saudável. Além disso, Rizal também segue sendo uma celebridade em sua região.

Amanda e sua prima Amy

Publicidade
continue a leitura

A mais reconhecida e impactante fotografia, da obra de Mary Ellen Mark, é “Amanda e sua prima Amy”, de 1990. A imagem, como se pode ver, mostra Amanda, uma criança de 9 anos, de pé, sobre uma piscina plástica, fumando um cigarro. A outra menina, ao fundo, sentada na Piscina na piscina, é Amy, sua prima.

De acordo com entrevista, dada por Mary Ellen para revista Vogue, em 1993, Amanda foi descoberta em meio à crianças consideradas como um problema para o estado da Carolina do Norte. Na maioria das vezes, essas crianças, que eram consideradas problemas, eram usuárias de drogas. Ainda de acordo com a entrevista, tais crianças haviam também abandonado os estudos e já possuíam registros policiais.

Mary Ellen morreu aos 75 anos. Seu trabalho traz como marca um interesse profundo pelo ser humano. Um dos principais temas de seu trabalho sempre foram os excluídos. A foto acima havia sido encomendada pela revista LIFE, cujo objetivo era captar essa realidade daqueles que são excluídos pela sociedade.

Publicado em: 11/09/19 17h53