Entretenimento

Faustão fala pela 1ª vez na TV após transplante de coração: “Muita disciplina”

0

No último domingo (08), durante o programa “Domingo Espetacular” da Record TV, o apresentador Faustão Silva falou pela primeira vez sobre seu recente transplante de coração e os rumores de que teria furado a fila para receber o órgão.

Fausto compartilhou que, ao retornar de uma viagem em família a Miami, realizou uma bateria de exames que revelou a necessidade de uma intervenção cirúrgica.

O apresentador comentou sobre a surpresa ao descobrir que precisaria de um transplante cardíaco, mencionando que já tinha conhecimento sobre a eventual necessidade de uma cirurgia cardíaca, mas não imaginava que seria um transplante.

Ele refletiu sobre a componente genética, especulando sobre a influência do lado paterno de seu avô, falecido em 1937 aos 40 anos.

Cirurgia

Via CNN

A cirurgia ocorreu em 27 de agosto, e surpreendentemente, apenas quatro dias após o transplante, Faustão compartilhou um vídeo tranquilizando seus seguidores sobre sua recuperação bem-sucedida.

Na entrevista, Fausto Silva destacou que, curiosamente, a fase mais desafiadora é a fisioterapia, enfatizando a importância da disciplina e paciência durante o processo de reabilitação.

Ele desmistificou a cirurgia em si, descrevendo-a como algo impressionantemente tranquilo assim que o coração foi implantado e começou a funcionar.

No entanto, o apresentador Faustão ressaltou os desafios pós-cirúrgicos, como a necessidade de lidar com a pele seca, passar 45 dias em uma cama de hospital e reconstruir a musculatura por meio da fisioterapia.

Em resposta à pergunta sobre como foi acordar após o transplante de coração, o apresentador disse que acordou no dia seguinte e se sentiu renovado. Ele conta que foi como “um carro antigo com um motor novo”.

Além disso, também disse que sente que precisa consertar o resto, mas está animado com as possibilidades, e sente a diferença imediatamente. O apresentador Faustão completou, ainda, que agora dorme muito melhor à noite.

O coração doado pertencia ao jogador de futebol Fabio Cordeiro da Silva, que foi vítima de um Acidente Vascular Cerebral. Faustão expressou sua gratidão à família do rapaz em um vídeo e reiterou seus sentimentos durante a entrevista: “Gratidão eterna. Oração eterna. Não há dúvidas”, afirmou.

Retorna para a televisão

Via Agência EBC

Sobre um possível retorno à apresentação na TV, Faustão compartilhou que ainda não tem certeza. Atualmente, seu foco principal é cuidar da saúde. Ele também abordou sua nova perspectiva de vida, destacando a importância de reflexão após receber uma bênção como essa.

Conforme afirma, ele se sente abençoado por ter conseguido esse “milagre”, e diz que precisa refletir muito sobre sua nova vida.

O apresentador Faustão se sente agraciado com a bênção de continuar vivendo, de permanecer com a família e os amigos, e, por isso, pensará sobre seus próximos passos.

Ainda, deixou alguns conselhos. “As vezes, nos irritamos por bobagens. Já são 60 anos de trabalho, cheguei até aqui com um trabalho decente. Agora, estou ainda mais comprometido em realizar as tarefas do dia a dia, principalmente com o propósito de levar o bem às pessoas”, afirmou o apresentador.

Apresentador vem lidando com fake news

O apresentador e sua família foram alvo de numerosas críticas e acusações nas redes sociais, impulsionadas por notícias falsas que alegavam uma suposta preferência na fila de espera para o transplante de coração. Faustão declarou estar ciente de todas as alegações e as refutou.

Ele diz que entende como o espaço da internet funciona, e que existe “todos os imbecis do mundo”. Assim, não adianta ficar lutando. No entanto, ele pensa que, apesar de não conseguir lutar com essas pessoas, recusa-se a deixar que isso o afete.

O foco principal de Fausto Silva está em sua recuperação. Juntamente com sua família, ele planeja continuar promovendo a conscientização e a doação de órgãos. Faustão ressaltou que, mesmo antes de necessitar de um transplante, já era um doador.

Ele diz que todos estão na mesma corrente, e é preciso se conscientizar, pois ainda faltam informações corretas e verdadeiras. Além disso, também reforça que todos deveriam aprender como funcionam os transplantes, para se tornarem doadores também.

Para Faustão, a medicina está cada vez mais avançada, e consegue salvar mais vidas que antes. Ainda, ele reforça que “o órgão não vai para o céu sozinho” e, por isso, pode ser repassado para outra pessoa na Terra, ajudando a salvar mais vidas.

 

Fonte: CNN

Imagens: CNN, Agência EBC

Mito ou verdade: banheiro pode enfraquecer o sinal Wi-Fi?

Previous article

Anestesista é condenado a pagar indenização de cerca de R$ 320 mil após filmar mulher nua durante tratamento

Next article

Comments

Comments are closed.