Curiosidades

Fóssil incrível mostra a luta entre um T. Rex e um Tricerátops

0

Os fósseis nos ajudam a dar asas à imaginação quando se fala do passado. Eles são recursos que podem transformar os pensamentos sobre como teria sido a vida, ou algum animal, em respostas científicas. Eles são encontrados e estudados há muito tempo. Pode se encontrar partes do corpo, como ossos e dentes, e até pegadas que deixaram em diferentes lugares do mundo. E alguns fósseis parecem ter sido congelados no tempo de tão bem preservados.

Contudo, quando eles são encontrados por equipes especializadas que cruzam diferentes informações, podemos entender muito mais sobre criaturas e civilizações que caminharam sobre o nosso planeta há milhares ou milhões de anos.

Sempre novos fósseis são achados. E revelam coisas sobre a vida na Terra antigamente. Quando falamos de luta entre dinossauros, é quase instantâneo pensar em Triceratops vs. T. Rex. Essa é uma luta eterna no imaginário coletivo. Mas será que essa luta realmente aconteceu?

Luta

Curiosamente, a resposta é sim. E não apenas por conta de estudos. Existe um fóssil para provar. Além disso, pela primeira vez, as pessoas vão poder ver esse fóssil.

O fóssil se chama “Duelo de Dinossauros”. Ele foi descoberto em 2006. Contudo, até o momento ele tinha sido visto por poucas pessoas. Nele, é possível ver um T. Rex e um Triceratops lutando, literalmente, até a morte.

Em síntese, os dois dinossauros estão preservados em um fóssil, que está em exibição, pela primeira, no Museu de Ciências Naturais da Carolina do Norte, nos EUA.

Entretanto, ao contrário das outras exibições feitas em museus onde os esqueletos dos dinossauros são montados e exibidos de forma pomposa, o Museu de Ciências Naturais da Carolina do Norte planeja exibir o fóssil com seu arenito. Basicamente, eles vão exibir o fóssil, enquanto os paleontólogos tiram o sedimento que envolve os ossos lentamente.

Fóssil

Além de ver o fóssil dessa batalha, os visitantes do museu também vão poder fazer perguntas para os paleontólogos que estiverem trabalhando no fóssil durante a exposição.

“Há uma grande mina de ouro de informações científicas a ser descoberta. Já temos uma reputação fantástica por permitir que as pessoas vejam a ciência se desdobrar em tempo real. As pessoas podem se aproximar e ver os pesquisadores fazerem o trabalho que fazem. Este fóssil nos permite levar essa ideia com pessoas engajadas na ciência em tempo real para o próximo nível”, disse o diretor do museu, Eric Dorfman.

Foi a organização sem fins lucrativos, Amigos do Museu de Ciências Naturais da Carolina do Norte, que adquiriu os fósseis por seis milhões de dólares. Eles conseguiram o dinheiro através de fundos privados. E os fósseis serão doados para a Coleção de Paleontologia de Vertebrados do Museu.

“Ainda não estudamos este espécime. É uma fronteira científica. A preservação é fenomenal. E planejamos usar todas as inovações tecnológicas disponíveis para revelar novas informações sobre a biologia do T. rex e do Triceratops. Este fóssil mudará para sempre nossa visão dos dois dinossauros favoritos do mundo”, disse Lindsay Zanno, chefe de paleontologia do Museu de Ciências Naturais da Carolina do Norte.

10 formas de manter seu cérebro jovem e saudável

Matéria anterior

China lançou missão ousada para conseguir primeiras novas amostras lunares em décadas

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar