Curiosidades

Mulher divide casa com 480 gatos e 12 cães

0

Você gosta de cães e gatos? Muito? Mas muito mesmo? Bom, nós também. Mas se tem alguém no mundo que ama incondicionalmente esses seres é Maryam al-Balushi. Natural de Muscat, capital de Omã, Maryam, atualmente, divide sua casa com 480 gatos e 12 cachorros.

A ex-funcionária pública de 51 anos, antes de abraçar todos os filhos de quatro patas, não demonstrava nenhum tipo de interesse por esses animais. Hoje, Maryam faz tudo por eles.

Os gatos

A envolvente história de Maryam começou em 2008, quando seu filho trouxe para casa um gato persa. Na época, o felino ainda era filhote. Mesmo sendo gracioso como todos os recém-nascidos, a ex-funcionária pública não queria ter um animal de estimação em casa, principalmente porque sabia que o filho não iria cuidar do bicho.

Eventualmente, Maryam teve que dedicar tempo ao animal. Pouco tempo depois, ambos se tornaram inseparáveis. Em 2011, a ex-funcionária pública enfrentou uma grave depressão. Nesse período, o gato sempre esteve ao seu lado.

Desde que teve a terrível doença, para ocupar-se, Maryam passou a adotar gatos abandonados.

“Tudo começou em 2008, quando meu filho comprou um pequeno gato persa”, disse al-Balushi à AFP. “Como muitas mães, recusei-me a cuidar do animal. Afinal, eu sabia que meu filho não iria lhe dar a atenção necessária. Como passar dos dias, logo me vi totalmente imersa em um amor que não conhecia”.

Família grande

Os primeiros gatos que foram adotados começaram a acasalar e, antes que percebesse, Maryam já tinha, ao todo, 23 felinos. A quantidade, em si, não a incomodou. Na verdade, quanto mais a família crescia, mais feliz Maryam se sentia. Foi, então, que a ex-funcionária pública começou a adotar mais e mais gatos.

Quando ainda trabalhava, Maryam não tinha tanto tempo para dedicar os animais. No entanto, sempre que estava em casa, fazia questão de mimá-los. Uma maneira de compensar as horas que passava fora de casa.

Hoje, a ex-funcionária pública dedica todo seu tempo aos filhos de quatro patas. Como sua situação financeira começou a colapsar, a ex-funcionária pública começou a pedir ajuda nas redes sociais.

No Instagram, por exemplo, Maryam encontrou muitos amantes de animais que estavam mais do que dispostos a ajudá-la. Com todas as doações que recebe, Maryam gasta cerca de US$ 8.000 por mês com comida e, claro, veterinário. Atualmente, em sua casa, existem 480 gatos e 12 cães.

“A comunidade precisa tratar os animais com compaixão”, disse Maryam. “Algumas pessoas não os querem em suas casas, não os querem em seus jardins, não os querem perto de seus carros; não os querem em lugar nenhum. Então, para onde esses animais devem ir? Como eles vão comer? É aí que eu pergunto: a Terra foi criada apenas para nós? As criaturas de Deus não merecem um pouco de generosidade? É preciso ter misericórdia. Afinal, precisamos amar tudo e todos, inclusive os animais. O planeta é de todos”.

Órfã desde a infância, Maryam al Balushi fez questão de expandir a sua família de forma diferente. Além disso, a atitude da ex-funcionária faz toda a diferença em Omã. De acordo com a imprensa local, nos últimos anos, o país do Golfo teve um drástico aumento no número de animais abandonados. 

Ellen Page se assume homem trans e muda nome para Elliot Page

Matéria anterior

A Terra está muito mais perto de um buraco negro supermassivo do que imaginávamos

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar