Curiosidades

Conheça a história da mulher que não sente cheiros e não contraiu Covid-19

0
Conheça a história da mulher que não sente cheiros e não contraiu Covid-19

Como é sentir um cheiro? Você pode nunca ter parado para pensar nisso, mas caso precisasse descrever um cheiro para alguém, como você faria? Esse é o caso de Yazmin Salazar, uma mulher que não sente cheiros e não contraiu Covid-19.

No caso de Yazmin, seu marido é quem descreve os cheiros para ela. “Ele faz às vezes de meu nariz”, afirma Yazmin. “Ele me disse que o cheiro do mel é vibrante, mas reconfortante, parecido com a sensação dos raios de sol na pele quando você seca depois de um mergulho”, completa. No entanto, ao contrário de casos recentes de condições semelhantes, Yazmin não contraiu Covid-19 e convive com a condição desde seu nascimento.

Desde seu nascimento, Yazmin nunca sentiu nenhum cheiro

Aos 38 anos, muitos podem pensar que a condição de Yazmin é um dos sintomas da Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus. No entanto, a mulher de 38 anos e que mora na cidade de Phoenix, nos EUA, viveu toda sua vida dessa maneira. Isso acontece porque ela é portadora de uma condição conhecida como anosmia, um distúrbio de olfato que atinge 5% da população mundial.

De acordo com Yazmin, ela somente percebeu algo estranho na segunda série do ensino básico. Nessa época, as crianças haviam recebido adesivos que emitiam cheiros quando riscados. No entanto, na sua vez de brincar, Yazmin não sabia qual cheiro havia pegado. “Comecei a imitar muitas das reações dos meus colegas e da minha família”, afirma Yazmin. “Se algo estava fedorento e todo mundo reclamava, ou algo cheirava bem, eu imitava todo mundo”, completa.

Somente muito tempo depois é que ela compartilhou o que, de fato, acontecia com sua mãe. “Ela ficou surpresa e imediatamente me levou ao médico, mas ele apenas me pediu para continuar minha vida e tomar alguns cuidados extras”, conta Yazmin. Depois disso, ela tentou se adaptar a vida com apenas quatro sentidos.

Como é viver com apenas quatro sentidos?

Para Yazmin, é impossível dizer se uma roupa não está cheirando bem ou se uma comida passou do prazo de validade, tudo porque ela não sente cheiros. “Nunca fui capaz de dizer se estou cheirando bem ou mal e, por isso, passei por várias experiências constrangedoras, principalmente no trabalho”, afirma Yazmin. Por exemplo, “como quando me esqueci de passar desodorante e meu colega percebeu”, conta Yazmin. Por esse e por outros motivos, Yazmin criou algumas técnicas para se proteger de situações assim. Em sua bolsa, ela carrega um “kit de higiene”.

Para exemplificar melhor a situação, Sarah Oakley, da AbScent, um grupo que ajuda pessoas com a mesma condição, utiliza uma metáfora criada por um dos membros do grupo. “Um de nossos membros descreveu não ser capaz de cheirar o odor de seu corpo como ‘olhar no espelho e não ver seu reflexo”, afirma Oakley.

Em outros casos, é comum encontrar situações em que pessoas não sentiram cheiro de queimado e somente perceberam fogo quando viram a fumaça. Ou ainda, que passaram por situações constrangedoras por manter a condição em segredo. De toda forma, a atual pandemia causada pelo novo coronavírus tem deixado as pessoas mais informadas e incentivado mais pesquisadas na área. Ainda há muito para saber sobre a condição e, principalmente, sobre seu tratamento.

7 documentários musicais que você deve assistir ainda hoje

Matéria anterior

Por que Meghan Markle é a pessoa mais atacada do mundo?

Próxima matéria

Mais em Curiosidades

Você pode gostar

Comentários

Comentários não permitidos.