Atirar para cima é uma prátia muito comum. Seja por respeito em um funeral militar ou mesmo para chamar atenção em alguma situação de perigo. Tudo aparentemente muito inofensivo, mas já se perguntou o que acontece com as balas quando se atira para cima?

Muitas vezes esses projéteis - nome científico de "bala de revórve" - acabam se tornando balas perdidas e causam sérias tragédias, ferindo e até matando pessoas.

silver-bullet

Publicidade
continue a leitura

Os projéteis disparados para o cima, normalmente, caem com uma velocidade final muito menor que a inicial quando são disparadas por armas. Mesmo assim, pessoas podem se machucar, às vezes fatalmente, quando tiros disparados para o ar voltam para o chão. Os tiros disparados com ângulos menores que verticais são mais perigosos e viajam bem mais rápido do que um tiro subindo e descendo em linha reta.

Um estudo conduzido pelo Centro de Controle de Doenças e Prevenções dos Estados Unidos descobriu que 80% dos acidentes com tiros usados para celebração são nos pés, cabeça e ombros. Segundo o estudo, Em Porto Rico, cerca de 2 pessoas morrem e em torno de 25 se ferem em celebrações com armas de fogo no Ano Novo.

Entre os anos de 1985 e 1992, no Hospital King Drew, em Los Angeles, Califórnia, médicos trataram 118 pessoas feridas por episódios aleatórios de tiros para cima. Dentre elas, 38 morreram.

Publicidade
continue a leitura

bullet-holes-shown-in

Muitas vezes não há vítimas, mas os projéteis se alojam em telhados e até chegam a fazer danos, como furos que causam vazamentos em prédios e casas.

O teste

Publicidade
continue a leitura

O programa MythBusters, exibido pela Discovery Channel, tem o objetivo de descobrir se certos mitos são verdadeiros ou apenas balela através de experiências práticas.  Os apresentadores ruivos, Jamie Hyneman e Adam Savage, resolveram testar o que acontece quando atiramos para o ar. No teste, foram usaram projéteis de tinta em um local aberto e com a arma, obviamente sendo disparada por máquinas.

[embed]https://www.youtube.com/watch?v=TDB838Vi6hw[/embed]

Publicado em: 16/06/15 16h41