• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Os 5 erros médicos mais trágicos da história

POR A redação    EM Curiosidades      01/07/15 às 07h53

A Medicina tem dois aspectos: é uma área de conhecimento e é uma área de aplicação desse conhecimento. Os médicos cuidam do bem-estar físico, mental, psicológico e social do indivíduo. É uma das muitas áreas do conhecimento ligada à manutenção e restauração da saúde. Ela trabalha, num sentido amplo, com a prevenção e cura das doenças humanas e animais num contexto médico.

Existem 2 versões da origem da medicina. Segundo os países xiitas, a medicina surgiu no Império Aquemênida e segundo a tradição ocidental, Hipócrates é considerado o pai da medicina. Considera-se que viveu entre 460 a 377 a.C. e deixou um legado ético e moral válido até hoje. Precursor do pensamento científico, procurava detalhes nas doenças de seus pacientes para chegar a um diagnóstico, utilizando explicações sobrenaturais, devido à limitação do conhecimento da época.

Ainda hoje acontecem diversos erros durante o tratamento de uma pessoa. O Ultra Curioso separou 5 casos trágicos de erros médicos que ficaram marcados na história. Confira:

Willie King

1

Imagine ir amputar uma das suas pernas, algo que já deve ser extremamente traumático emocionalmente e fisicamente, para acordar e descobrir que você ficou só com uma perna: a errada. Foi isso que aconteceu com Willie King, que, apesar de ganhar mais 1 milhão de dólares em indenização, acabou sem nenhuma das pernas, algo que dinheiro nenhum do mundo paga.

Nancy Andrews

2
Quando essa hispano-americana engravidou através de fertilização in vitro, descobriram que o esperma utilizado não era o correto, já que a pequena Nancy nasceu negra, quando seus dois pais eram brancos, algo no mínimo inusitado e que acabou revelando o bizarro erro médico.

Jésica Santillián

3

Foi vítima de um erro médico fatal ao ter coração e pulmões de um tipo sanguíneo diferente transplantados, o que gerou reações adversas em seu corpo e a levou a óbito.

Sherman Sizemore

4

Numa cirurgia para resolver seus problemas abdominais, não teve a anestesia administrada corretamente, ficando num estágio chamado de "consciência anestésica", quando se pode ver e ouvir tudo que acontece, apesar de não ser possível sentir dor. Apesar disso, a experiência foi tão traumática que duas semanas depois Sizemore se matou.

Donald Church

5

Quando participou de uma cirurgia para retirada de um tumor, acordou com um afastador de 33 cm dentro seu tórax, precisando de outra cirurgia para removê-lo. A grande pergunta é: como alguém esqueceu algo tão grande dentro dele? Será que esse médico estava bêbado?

Próxima Matéria
A redação
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+