Você já se pegou vasculhando algum serviço de streaming ou qualquer outra plataforma em busca de um anime para assistir? Se a resposta for sim, é muito provável que você tenha se deparado com alguns títulos excentricamente compridos. Só para ilustrar, podemos citar Shimoneta to Iu Gainen ga Sonzai Shinai Taikutsu na Sekai (Shimoneta: Um Mundo Chato Onde o Conceito de Piadas Sujas Não Existem). Surpreendentemente, esse é apenas um exemplo dentro de várias possibilidades. Logo, é comum surgir o seguinte questionamento: o que o criador dessa história pensou ao colocar um título tão longo assim? Pois bem, de acordo com um artigo no Honey's Anime, existem alguns motivos pelas os mangakás optam por esses nomes. Primeiramente, o principal objetivo é atrair a atenção dos consumidores; além disso, uma vez assimilado, é praticamente inesquecível; por fim, demonstra autenticidade. Pensando nisso, desenvolvemos melhor a explicação abaixo.

Nomes chamativos conquistam o público

Publicidade
continue a leitura

Sempre que vamos escolher algum anime ou mangá, é comum nos perdermos entre tantas opções. Além disso, novas séries vivem sendo lançadas, então é meio complicado decidir o que acompanhar. Pois é, se é difícil pro público, imagine pro mangaká que precisa conseguir fazer sua obra se destacar no meio de centenas. Visto que eles só querem vender suas histórias, uma boa estratégia de venda é investir na criatividade e apostar em um título que fuja do convencional. Obviamente a arte da capa também é crucial. No entanto, no caso de mangás, por exemplo, eles são vendidos em livrarias e dispostos de uma forma onde só vemos a lateral da capa, onde fica o nome.

Então, a melhor forma de atrair o cliente é apostar em um título como Yuusha Ni Narenakatta Ore Wa Shibushibu Shuushoku o Ketsui Shimashita; no bom e velho português isso soaria como Eu Não Poderia Me Tornar Um Herói, Então Eu Relutantemente Decidi Obter um Emprego de Vendedor. Bom, pelo menos não podemos dizer que o nome não é relacionável.

Embora seja difícil de decorar, é igualmente difícil de esquecer

Publicidade
continue a leitura

Outra razão pela qual animes e mangás possuem longos títulos é que isso os torna inesquecíveis. Você deve estar achando que isso não faz sentido, afinal, quanto menor, mais memorável. Bom, é um ponto válido, porém nesse caso, nomes gigantescos são como uma faca de dois gumes. Isso significa que, apesar de ser difícil de decorar, é igualmente custoso esquecer esses títulos. Além do mais, quanto mais você entra em contato com o nome, mais familiar ele se torna. Então, esses animes são tipo um amigo com nome estranho que, quanto mais você conhece, mais acostumado fica. Também é importante destacar que uma forma de trabalhar com esses títulos é encurtá-los. Por exemplo, a abreviação do nome do anime citado acima é Yusibu.

Autenticidade é o que não falta

Publicidade
continue a leitura

Apesar de provocarem um estranhamento inicial, é preciso admitir que esses títulos parecem mais carismáticos que muitos outros. Sem dúvidas, esses são exemplos de séries que você compartilharia com um amigo só para rirem do nome. Consequentemente, como resultado disso, alguns podem acabar se interessando em dar uma conferida no conteúdo e se encantando com a história. Então, em suma, a autenticidade é a alma do negócio.

Publicado em: 27/04/20 17h31