Com toda certeza, você já ouviu falar de Rihanna. E mais do que isso, já ouviu alguma música da cantora. Isso porque ela é hoje a cantora mais rica do mundo. Basicamente, dona de um patrimônio acumulado em mais de 600 milhões de dólares. Começou sua carreira música em meados dos anos 2000. Entretanto, seu auge veio na década passada. Com hits como Only Girl, What's My Name, We Found Love e Work, a cantora entrou para a história. Sendo assim, uma das maiores hitmakers de todos os tempos. No entanto, toda essa riqueza trouxe alguns problemas para a cantora. Assim como podemos imaginar, com muito dinheiro vem grandes responsabilidades. Do mesmo modo, vêm pessoas mal intencionadas.

Lamentavelmente, Rihanna não consegue desfrutar de toda sua fortuna, sem se lembrar de todo o sofrimento que o dinheiro já lhe causou na vida real. A cantora foi bastante magoada, traída. Do mesmo modo, precisou enfrentar processos judiciais contra o seu próprio pai. Você sabe o motivo pelo qual Rihanna o processou? Pensamos sobre isso e resolvemos trazer para você, caro leitor, mais detalhes sobre esse episódio na vida da artista. Aproveite para compartilhar com seus amigos desde já e, sem mais delongas, confira conosco a seguir.

Por que Rihanna processou o seu próprio pai?

Publicidade
continue a leitura

A cantora é de origem muito humilde. Ela costumava ajudar o seu pai, Ronald, a vender roupas, em uma pequena e simples barraca. O comércio da família ficava em uma ilha em Barbados, terra natal de Rihanna. Apesar dessa "parceria", a relação entre eles nunca foi das melhores. Na infância, ela presenciou várias brigas e muita violência doméstica. A cantora viu sua mãe sendo agredida mais de uma vez pelo pai, que era viciado em álcool e drogas.

Posterioemente, quando adulta, voltou a sofrer com o comportamento inadequado de Ronald. Além disso, quando ficou famosa e ganhou destaque no mundo todo, a ambição parece ter subido à cabeça do seu pai. Ela foi traída e descobriu que a ganância pode acabar até mesmo com os laços familiares. Em 2009, Rihanna enfrentou um dos momentos mais delicados de sua vida. Ela foi agredida fisicamente por Chris Brown. Na época ele era seu namorado. Ronald, além de não dar apoio à filha, fez algo pior. Vendeu informações sobre a cantora para a imprensa.

Publicidade
continue a leitura

"Meu pai disse um monte de mentiras. Ele não falou comigo depois de tudo. Ele nunca me ligou para saber como eu estava. Foi direto para a imprensa e pegou o cheque", desabafou a cantora em uma entrevista. Ronald disse que se arrependia das atitudes. Em 2017, ele lançou uma empresa de entretenimento, chamada Fenty, mesmo nome da marca de beleza da cantora. Ele se passava por agente em nome dela. Foi aí que ela recorreu à justiça e processou o próprio pai.

Publicidade
continue a leitura

Apesar das traições, a cantora disse que aprendeu muito com esse drama familiar. Ela disse que tudo o que passou, fez com que se tornasse a mulher que é hoje: forte. Ela considera isso fundamental pra vida pessoal e profissional.

E aí, o que você achou? Comente então pra gente aí embaixo.

Publicado em: 17/01/20 17h39