Fatos Nerd

Por que Rupert Grint nunca mais fez um filme?

0
PASADENA, CA - JANUARY 13: Actors Rupert Grint and Luke Pasqualino of the series 'Snatch' speak onstage during the Crackle portion of the 2017 Winter Television Critics Association Press Tour at the Langham Hotel on January 13, 2017 in Pasadena, California. (Photo by Frederick M. Brown/Getty Images)

Depois que a saga de Harry Potter atingiu os cinemas, não teve mais jeito: Rupert Grint sempre seria conhecido como o ruivinho Rony Weasley. Quase sete anos depois que o último filme, Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2, foi lançado, o ator anda meio sumido dos holofotes. Diferente dos seus colegas Emma Watson (a Hermione Granger da saga), que não se cansa de estrelar produções de sucesso, e o Daniel Radcliffe (o próprio Harry Potter), que vez ou outra aparece em produções menores, Rupert Grint nunca mais fez um filme.

Mas por que isso aconteceu? Harry Potter é uma das maiores franquias cinematográficas e Rony Weasley faz parte do trio principal da trama. Então, decidimos investigar e tentar descobrir por que Rupert Grint simplesmente sumiu. Confira:

Ele queria parar de atuar

Depois de 10 anos interpretando Rony Weasley, Rupert Grint estava um pouco cansado de atuar. Em entrevista ao Entertainment Weekly, em 2017, ele revelou: “Tivemos anos tão íntimos e intensos nesta bolha. Quando comecei [a atuar], isso nunca foi algo que eu desejava fazer … Eu me apaixonei enquanto eu estava trabalhando nisso [nos filmes de Harry Potter]. Mas eu definitivamente pensei: ‘Isso é realmente o que eu quero fazer?’ Eu queria viver um pouco“. Ele acrescentou:”Eu senti como se estivesse faltando muito… Foi bom ficar longe [de atuar] e não ter nenhum tipo de compromisso… ser um pouco livre“.

Ele fez trabalhos diferentes

Parece brincadeira, mas Rupert já sonhou em ser um motorista de carro de sorvete. “Minha primeira ambição foi me tornar um homem do sorvete“, disse ao Daily Mail em 2014, explicando que seu primeiro carro foi um caminhão de sorvete. “Eu vou dirigir pelas aldeias locais e se eu ver que algumas crianças precisam de sorvete, eu vou parar e dar para elas de graça“. Mas, tirando o desejo de se tornar o homem do sorvete, Rupert já fez um trabalho bem diferente da atuação. Em 2011 ele se tornou dono de do Rigsby’s Guest House, um hotel na Inglaterra. A empresa acabou falindo e Rupert teve que fechar quatro anos depois.

Seus trabalhos depois de Harry Potter foram criticados

Quando Rupert finalmente decidiu voltar a atuar, ele começou a fazer pequenas participações em séries de TV… mas ninguém notou. De American Dad! a Urban Myths, a volta do ator foi silenciosa. Mais tarde, em 2012, os seus primeiros filmes pós-Harry Potter foram criticados negativamente. Entre Inimigos (2012) recebeu críticas devido ao ritmo lento; CBGB: O Berço do Punk Rock (2013), um drama histórico de punk rock, também não foi bem recebido; Conquistas Perigosas (2013), o pior dos três, foi chamado de “um filme profundamente desnecessário” pela Variety. Ihh! Que azar, Rupert!

Ele não consegue deixar o Rony Weasley para trás

Se é difícil para nós separarmos o Rupert Grint do Rony Weasley, imagina como é para o ator! Rupert revelou que até mesmo ele sentiu dificuldade de se separar do personagem. “Eu acho que sempre estará comigo“, foi o que ele disse a Vulture em 2017. “Eu tive um relacionamento estranho com esse personagem, porque depois disso nos separamos da mesma pessoa. Eu acho muito difícil separar onde eu termino e o Rony começa“.

Ele se voltou para o teatro

Apesar de não continuar com o sucesso em Hollywood, Grint teve resultados positivos trabalhando no teatro. Em 2013, o ator estrelou na comédia de Jez Butterworth, Mojo, e seu desempenho recebeu críticas positivas e um prêmio What’s On Stage. No ano seguinte, Rupert estreou na Broadway na peça It’s Only a Play de Terrence McNally. “Estar no palco foi realmente educacional“, disse o ator à MTV News. “Eu me apaixonei pela atuação novamente“.

Outros planos?

Os fãs mais hardcore de Harry Potter devem conhecer um talento de Rupert: o desenho. Além de ser algo que o ator fazia para combater o tédio no set de gravações quando criança, desenhar é uma das principais paixões do ator. “Eu gostaria de trabalhar com animação algum dia“, disse ele à Mirror. “Eu desenho muito, muitos desenhos animados perturbadores – isso me ajuda a relaxar“.

Pelo jeito, parece que Rupert Grint não vai mais focar nos filmes de Hollywood! Deixe nos comentários se você já assistiu a algum filme do ator que gostou – claro, sem ser a série de filmes de Harry Potter – e compartilhe a matéria.

7 coisas absurdas que eram incrivelmente normais no passado

Matéria anterior

7 histórias de crimes que parecem ter saído de um livro de piadas

Próxima matéria

Comentários

Comentários não são permitidos

Você também pode gostar