• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


A super ''inteligência artificial'' de espionagem que será desenvolvida pelos EUA

POR Cristyele Oliveira    EM Ciência e Tecnologia      06/08/19 às 15h47

Se depender dos Estados Unidos e das agências de inteligência, a espionagem chegará a um outro nível. Estamos falando de uma super inteligência artificial, que está sendo desenvolvida. Ela promete tornar a espionagem muito mais precisa e eficaz.

O projeto silencioso é uma iniciativa de uma agência de inteligência americana, que consiste em um sistema secreto de inteligência artificial (IA). Uma espécie de cérebro artificial que tudo vê, do chão até o céu. Com um nome bem peculiar, que poderia ser usado como nome para algum vilão de filme de ficção científica: Sentient.

Por ser um projeto secreto, não havia muitas informações e detalhes. Mas depois de uma solicitação formal ao National Reconnaissance Office (NRO), o site Verge conseguiu ter acesso a uma grande quantidade de documentos sobre o programa, até então, secreto. Com essas informações em mãos, o site divulgou os detalhes do misterioso e audacioso projeto de espionagem.

O projeto secreto

Os documentos revelados pela NRO nos dão uma ideia de como funcionará esse sistema de inteligência artificial. O sistema inovador é capaz de unir diversas faixas de informações com dados de satélite para obter conhecimento sobre tudo. E isso inclui informações sobre as pessoas e populações até zonas de guerra e aeródromos inimigos.

Teoricamente, essa inteligência artificial será capaz de combinar imagens de satélite com todos os tipos de dados. E assim, será possível ter informações mais precisas. Tais como fontes de notícias, sensores ambientais e até informações compartilhadas em redes sociais. Tudo isso para gerar insights, em tempo real, sobre tudo o que está acontecendo simultaneamente.

"A Iniciativa Sentient é um experimento e um esforço de desenvolvimento para ingerir dados e inferir informações futuras prováveis ??do entendimento atual de um problema de inteligência", explica um dos documentos fornecidos pela FOIA. "A Sentient emprega o sensemaking analítico, a fusão multi-inteligência e a coleta orquestrada automatizada para capturar e manter a custódia de alvos e atividades dinâmicas, fornecendo inteligência integradora".

Futuro da espionagem

Até agora, as informações não são reveladoras. Se sabe pouco sobre os detalhes sobre como está sendo feito esse sistema. Pode parecer um pouco surreal demais, mas o projeto tem grande potencial para tornar os satélites civis mais eficientes e precisos. No entanto, a NRO declarou ao The Verge, que os civis não têm como que se preocupar. Esse sistema não representa um problema à vigilância doméstica.

O NRO é um dos braços da comunidade de Inteligência Americana. E também faz parte do Departamento de Defesa dos Estados Unidos responsáveis pelo controle de satélites e inteligência. Mas, diferentemente de outras agências de inteligência, como a Agência Central de Inteligência (CIA) ou a Agência Nacional de Segurança (NSA), a NRO se mantém fora dos holofotes. Fazendo o seu trabalho relativamente secreto e longe da mídia.

Eles muito provavelmente são mais conhecidos pelo público pelo emblema dos satélites USA-247, que carregam o lema: "Nada está além do nosso alcance".

E você, o que achou desse projeto de espionagem? Conta para a gente nos comentários e compartilhe com os seus amigos.

Próxima Matéria
Cristyele Oliveira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+