icone menu logo logo-fatos-desconhecidos.png


Verdade ou mentira? Conheça John Titor, o viajante do tempo

POR Rafael Miranda EM Ciência e Tecnologia 20/04/15 às 20h14

capa do post Verdade ou mentira? Conheça John Titor, o viajante do tempo

Entre 1999 e 2001 um internauta chamado John Titor alegava em diversos sites que era um viajante no tempo do ano de 2036. Nessas postagens, ele fez diversas previsões (algumas vagas, outras bem específicas) sobre eventos que aconteceriam num futuro próximo, entre 2004 e 2036. Ele descreveu um cenário de caos e guerra no qual os Estados Unidos foram divididos em cinco regiões menores, o meio ambiente e a infraestrutura foram devastados por um ataque nuclear e várias outras potências mundiais foram destruídas.

Até hoje, a história tem sido recontada em diversas mídias, incluindo um livro publicado em 2003 intitulado John Titor: A Time Traveler's Tale, uma peça de teatro de 2004, baseada na história de John Titor e uma franquia japonesa chamada Steins Gate que incluía uma visual novel, um mangá e um anime que têm como um dos seus principais temas a história de John Titor.

Ele também foi assunto de discussões no programa de rádio Coast to Coast AM. Neste aspecto, a história de Titor pode ser considerada única por ter atingido uma considerável repercussão a partir de uma mídia à época limitada.

Quando começaram os boatos?

Em novembro de 2000, no fórum "Instituto Viagem" o internauta que mais tarde seria conhecido como John Titor começou a postar, sob o pseudônimo TimeTravel_0, mensagens que discutiam sobre viagem no tempo em geral (no início sem previsões ou referências a possíveis eventos futuros). Ele foi o primeiro a descrever "em seis partes" uma máquina do tempo, informando do que ela precisaria para funcionar. Ele também respondia a perguntas de outros usuários do fórum sobre como tal máquina funcionaria.

Pouco tempo depois, TimeTravel_0 alegou ser um viajante no tempo do futuro e começou a postar descrições variadas sobre como era seu tempo. Gradualmente, ele começou a revelar uma imagem mais complexa do futuro. Embora muitas de suas postagens dissessem respeito à condição do mundo no futuro. Ele também falava de eventos mais atuais; por exemplo, em uma postagem ele disse que "A importante descoberta que permitirá a tecnologia de viagem no tempo acontecerá perto do ano de quando o CERN ativar sua maior instalação".

O nome "John" não foi apresentado até janeiro de 2001, quando TimeTravel_0 começou a postar no fórum "BBS Art Bell" (que requeria um nome ou pseudônimo para cada conta). Ele enviou suas últimas mensagem em março de 2001. Com o passar do tempo, alguns dos tópicos acabaram corrompidos; mas as postagens de Titor tinham sido salvas nos discos rígidos dos outros participantes e foram copiadas para Anomalies.net, junto com novas discussões sobre a ciência por trás da viagem no tempo de Titor assim como sobre suas predições. Por volta de 2003, vários sites reproduziram as postagens de Titor, rearrumando-as em narrativas. Nem todos se referem às datas originais de postagem.

Previsões erradas

Numerosos comentários apontaram amplas similaridades entre a história de Titor e o romance pós-apocalíptico de ficção científica Alas, Babylon de Pat Frank. Alas, Babylon se passa numa pequena cidade na Flórida um pouco antes e depois de uma guerra nuclear e descreve a luta pela sobrevivência de uma família após essa guerra.

No livro, o protagonista vive na cidade mítica de "Fort Repose" (Repouso do Forte) , enquanto Titor afirmou que vive no "Forte", antes conhecido como Universidade da Flórida (UF). Uma análise dessas declarações também sugere diversas inconsistências dentro da história. Por exemplo, em algumas postagens Titor postula que o dinheiro é bastante usado e que as pessoas ainda têm cartões de crédito, apesar de sua outra afirmação de que o banco centralizado não mais existe (pensamento que provavelmente não excluiria a possibilidade da moeda particular estar sendo usada).

Em outra publicação ele especulou que o atual dólar americano seria utilizável no seu tempo, mas isso só ocorreria após a reorganização do governo federal de acordo com a sua própria história, possivelmente fazendo com que a moeda seja menos valiosa. Na maioria dos casos, ele afirma que teve sua educação básica na Universidade da Flórida, mas em outras postagens ele diz que foi escolarizado em casa.

Inquérito da história

O programa de TV italiano Voyager - Ai confini della conoscenza transmitiu uma investigação da história de John Titor em 19 de maio de 2008. Mike Lynch, o detetive privado contratado para tal investigação, supôs que não existem traços de registros, nem no passado distante, de qualquer John Titor ou família Titor.

Além disso, a John Titor Foundation não tinha escritório e seu endereço é uma caixa de correio alugada; sem fitas, gravações, ou evidência de algum Titor; e somente Larry Haber, um advogado e dono dos direitos comerciais que envolvem John Titor, confirmou sua existência. A conclusão de Lynch é de que John Titor pode ser John Rick Haber, um expert em computadores que é ou foi irmão de Larry Haber.

Se tudo isso, no entanto, for verdade, John Titor é atualmente um adolescente com entre 16 e 18 anos, calculando-se a idade dele em sua citação de que em 2011 tinha 13 anos e lutou contra uma divisão de infantaria, supõe-se que ele tenha nascido entre 1997 e 1998, apesar desse evento citado nunca ter acontecido.


Próxima Matéria
avatar Rafael Miranda
Rafael Miranda
Criando forças para segurar o forninho de cada dia. Instagram: @rafaelmiranda17
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Confira nosso Pinterest