• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


10 coisas que só as pessoas que não são pretas nem brancas vão entender

POR Júlia Marreto    EM Curiosidades      30/11/16 às 17h52

Esse é um assunto bastante delicado, que poucas pessoas pensam sobre. Apenas aquelas que realmente se encontram nessa situação sabem como é passar por determinadas situações. O ideal é sempre levar na brincadeira e ser o mais feliz possível, se aceitando do jeito que é. As pessoas que são pardas, morenas, vão entender.

É complicado desde a infância entender de qual lado você está, pelo menos até entender que não existe realmente um lado. Além disso, crianças podem ser más, muito más. Mas aí, você cresce e vê que tudo isso não passa de falta de informação.

Precisamos lembrar que não temos o intuito de criticar, julgar, muito menos impor verdades absolutas. Nosso objetivo é único e exclusivo de informar e entreter. Por isso, o conteúdo dessa matéria se destina a aqueles que se interessarem e/ou identificarem. E, foi pensando nessas pessoas que a redação da Fatos Desconhecidos selecionou uma listinha com 10 coisas que só as pessoas que não são pretas nem brancas vão entender. Confira:

1 - Ninguém entende como você pode ter pais brancos, e vice-versa.

01

Aí vem aquela ladainha, explicando que um dos dois é branco e o outro é negro/moreno/pardo...

2 - As piadas racistas são feitas perto de você "sem problemas".

02

As pessoas não te consideram negro e fazem piadas e comentários racistas perto de você, achando que isso não vai te afetar.

3 - Principalmente quando criança, se seus pais são brancos, você começa a refletir sobre sua etnia.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Porque depende de como você vai se aceitar e definir, dentro de seus valores.

4 - Nem todo mundo aceita o fato de você se considerar pardo (ou negro), como se isso fosse defeito.

04

5 - Às vezes, se sente invisível.

05

Por que o mundo te considera branco demais para ser negro e preto demais para ser branco.

6 - Desde cedo precisou lidar com o racismo.

06

Por conta dos apelidos "de criança" que ganhava na escola.

7 - Um desses apelidos era "café com leite".

07

8 - Ou "mulatinho".

08

9 - E nem sempre foi capaz de entender porque na sua certidão estava "pardo".

09

10 - Mas, no fim das contas, não se importa nem um pouco com nada disso.

10

É exatamente aquilo que é, quer ser, aceita e deseja.

E aí pessoal, concordam? Discordam? Encontraram algum erro na matéria? Ficaram com dúvidas? Possuem sugestões? Não se esqueçam de comentar com a gente!

Próxima Matéria
Júlia Marreto
É a dona de um coração esculpido pela literatura e preenchido pelos bons vinhos de Baco. Guiada nas artes da vida por Ares, possui a discreta delicadeza de um elefante pulando carnaval numa loja de cristais! Movida diariamente pelo combustível da vida: o café, essa garota possui raízes profundas na poesia da vida. É muito séria, mas sabe brincar na hora certa. Ama os animais e detesta filme de terror. Apesar de cantar mal, canta com sentimento. E adora musicais! Sua principal tentativa desportiva é o baralho. Ela gosta mesmo é de coisas antigas, apaixonada pela vida e sonha com o universo. Instagram: , @juliamarreto
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+