10 imagens que mostram como era o Irã antes da Revolução Iraniana

POR Natália Pereira    EM Curiosidades      14/11/17 às 14h15

O Irã é fortemente conhecido pela cultura rígida e sua repreensão as mulheres. Uma visão que cobre o povo mundo afora e que, infelizmente, representa o atual estado do país. Mas, mesmo com toda essa opressão, você sabia que nem sempre essa foi a realidade vivida por eles?

O país enfrentou muitas mudanças no decorrer dos anos. A história começou a desandar quando o povo teve de enfrentar situações difíceis após ser governada pela monarquia do Xá (Imperador) a partir do século XX. Seu governo, que contou com as riquezas oferecidas pelo petróleo para sustentar o estilo de vida do , deixou os iranianos em condições de extrema pobreza.

Para sair do estado em que se encontravam, Mohammad Mossadegh subiu ao poder como primeiro-ministro, em 1951. E, assim como outros eleitos ao poder naquela época, Mossadegh se envolveu em muitas reformas democráticas em prol da população decadente, o que incluía a nacionalização do petróleo iraniano. Esse ato fez com que a Grã-Bretanha, dependente do acesso fácil e barato as reservas de petróleo, conseguisse que a economia iraniana caísse, juntamente com Mossadegh.

Apesar de ter reassumido o cargo com a ajuda dos Estados Unidos, que apoiaram as suas eleições, em 1953 os EUA, através da CIA, liberou um golpe contra Mossadegh chamado "Operação AJAX". A ação derrubou o líder, juntamente com sua promessa de democracia, fazendo com que o retomasse o poder. Após assumir o poder novamente e restabelecer o petróleo no Oeste do país, as coisas pareciam estar se afirmando melhor. Apesar do ressentimento que crescia contra os Estados Unidos e a sua ideia de democracia.

Esse ressentimento fez com que, em 1979, culminasse a Revolução Iraniana, derrubando de vez a monarquia do . A monarquia foi substituída desta vez por Ruhollah Khomeini, um homem nada democrático cujo ódio contra o Ocidente ditaria suas ações políticas, mesmo que as custas do povo iraniano. Após assumir o poder, Khomeini extinguiu toda e qualquer sugestão vinda do Ocidente, com a intenção de estabelecer uma identidade iraniana própria, sem interferências. Desenvolvendo um regime movido de acordo com seu fanatismo absoluto e princípios religiosos.

As imagens a seguir representam um período bem diferente do vivido pelo país atualmente, mostrando que um outro Irã ainda é possível.

1 - Modelo de família iraniana

2 - Primeira escola do governo em 1851

3 - Casal dançando em Teerã

4 - Aniversário festivo e cheio de cores

5 - Amigas andando pela cidade

6 - Mais um encontro de amigas

7 - A moda mostrada nas revistas

8 - Estilo que se formava entre as mulheres iranianas

9 - Roupas coloridas e que não cobrem todo o corpo

10 - Mulheres sem o Hijab (véu)

Apesar de ter sido considerado arrogante e fora dos padrões iranianos comuns, o fez grandes reformas no país, como aumentar a idade mínima para o casamento, abolir a obrigatoriedade do Hijab e impor restrições quanto ao segundo casamento de um homem, que só poderia ser feito após a permissão do tribunal e de sua primeira esposa. Sua política fugia dos tradicionais métodos iranianos e impôs mudanças radicais. O uso do Hijab voltou a ser político nos anos 70, como sinal de oposição à tirania do .

E aí, o que acharam desse período vivido pelo povo iraniano antes da Revolução Iraniana e após o Governo do Xá? Já conhecia esse outro lado da história do país? Comenta aí com a gente a sua opinião!

Via   Ati  
Imagens Ati
Natália Pereira
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+