• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

7 coisas que foram banidas da China

POR Bruno Dias    EM Lugares & Construções      02/07/18 às 16h53

Fui à china-na-na, saber o que era china-na-na. Ao contrário do que diz a cantiga que cantávamos quando éramos crianças, muitos de nós nunca esteve na China para saber o que tem lá. Desta forma não é possível para a maioria contradizer o que diz a canção e saber que muitas coisas não são China-na.

De seriados de televisão e filmes à eventos ainda não dominados pelo homem, as proibições na terra de Xi Jinping são várias e muito mais vastas do que podemos imaginar. Se, na opinião popular o Brasil é "uma terra sem leis", na China é totalmente o oposto. Com leis e proibições que nós do ocidente nem podemos imaginar, e que os orientais sofrem pela privação de várias coisas, para nós, consideradas triviais.

1 - The Big Bang Theory

A mania da galera da geração x e y é ver séries. Contudo, todos os jovens de hoje em dia podem usufruir desse privilégio. O assunto nas rodas de amigos chineses ficou um pouco mais escasso quando a Administração Estatal de Imprensa tirou de sites de transmissão online séries como The Big Bang Theory, The Good Wife, NCIS e The Practice. Logicamente os jovens chineses protestaram e xingaram muito no twitter, mas segundo a Administração essas séries ferem os direitos de copywriting ou "ferem a soberania nacional e a integridade territorial" ou "induzem jovens a cometer crimes" ou ainda "promove cultos e crenças supersticiosas".

2 - Irmãos

Com 1, 379 bilhões de pessoas, segundo a última pesquisa em 2016, a China é o país mais populoso do mundo e por isso o controle da natalidade por lá é alto. Famílias são aconselhadas a ter apenas um filho. A preferência por meninos cresceu o índice de abortos ou mesmo de crianças abandonadas.

3 - Facebook

"Qual seu face?" ou "Me add no face" são frases que para os jovens chineses não fazem muito sentido. Uma das maiores redes sociais foi proibida por lá desde 2009 quando surgiram protestos da população de minoria étnica Uigur e Chineses Han em Xinjiang, segundo a CNN. Vínculos virtuais só podem acontecer em sites sujeitos á censura, como Sina Weibo.

4 - Twitter

Assim como o seu companheiro Facebook, o Twitter foi bloqueado na China em 2009. Tal fato fez com que fez com que aqueles que reclamavam muito da proibição das séries no microblog não fossem muito ouvidos. A Academia Chinesa de Ciências Sociais declarou, em 2010, que havia 41%, ou 1,3 milhão a menos de sites acessíveis em comparação com o final de 2009, de acordo com a BBC.

5 - Reencarnação dos monges

A crença na reencarnação é intrínseca a várias religiões, mas na China até mesmo as crenças são controladas. Desde 2008 a reencarnação dos monges budistas tibetanos é proibida no país. Obviamente essa lei tem uma motivação política por trás. A intenção do governo chinês é cortar a influência do líder religioso Dalai Lama dando ao governo chinês a possibilidade de eleger o próximo líder que ocupará seu lugar.

6 - Viagem no tempo

O DeLorean do filme "De volta para o futuro" é um sonho de consumo para muitas pessoas, e claramente ficitício para todos, ou pelo menos para todos ocidentais. Na China, filmes que envolvem viagens no tempo foram proibidos pelo governo por acharem que eles relatam a história de maneira desrespeitosa, segundo o The New Yorker.

7 - Avatar

Um dos maiores blockbusters de 2009 foi proibido na China. Assim como as maiores redes sociais, Facebook e Twitter, o filme de James Cameron saiu de cartaz duas semanas após sua estreia. A proibição foi graças á lei asiática que só permite a abertura de 20 filmes estrangeiros por ano.

Próxima Matéria
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+