• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 coisas sobre comportamento animal que você não aprende na escola

POR Toni Nascimento    EM Mundo Animal      25/10/18 às 16h43

Nós, seres humanos, amamos muitas coisas neste mundo. Um carro novo, um amor fresquinho ou reler aquela obra deliciosa do Machado de Assis estão entre elas. Mas dificilmente algo vai mexer mais com o nosso coração do que os animais. Para você ter noção do tamanho desse amor, é só lembrar que há milhares de anos nós colocamos alguns deles do nosso lado, sendo nossos fiéis amigos e animais de estimação. Além disso, existe uma preocupação ambiental e com o mundo animal cada vez maior. Isso se reflete no número de pessoas que não comem carne. Hoje, nos EUA existem 6% de pessoas veganas - número 600% de vezes maior do que há 4 anos atrás - e na Inglaterra 8%. Mas mesmo amando-os tanto, o quanto sabemos sobre eles?

Para ser bem sincero, nós poderíamos responder essa pergunta tranquilamente com um "quase nada". Apesar da ciência e das pesquisas ganharem cada vez mais espaço, parece que a fronteira entre o seu humano e a fauna só piora. Isso vai além das informações sobre animais que recebemos na escola. Existem muitas coisas sobre eles que nós não sabemos, e que inclusive, nos fariam enxergá-los de uma forma bem diferente e talvez bem mais humana - por incrível que pareça. Por isso, listamos 7 coisas sobre o comportamento animal que, definitivamente, você não aprenderia nem na escola daqui, e nem na da China.

1 - Pandas = amor

No Centro de Conservação de Chengdu, na China, os cientistas colocaram os pandas em recintos abertos que imitavam seus habitats naturais para um teste. Eram cerca de 40 machos e 40 fêmeas, os quais podiam se comunicar livremente, porém, sem nenhum contato físico. De acordo com os resultados do experimento, os biólogos identificaram três grupos comportamentais: no primeiro, a simpatia era mútua; no segundo - o interesse se manifestava apenas de um lado; no terceiro - havia completa indiferença e até agressão. O resultado foi: os pandas que se apaixonavam, eram mais abertos e carinhosos. A conclusão é que para reprodução, os pandas precisavam estar apaixonados. Pandas não iam em frente, sem amor.

2 - Jacarés e crocodilos fazem armadilhas

Talvez você não saiba, mais os jacarés e os crocodilos podem fazer armadilhas para pegar outros animais. O réptil pode ficar deitado por horas a fio com ramos no nariz ou sentado ao lado deles. Assim ele atrai pássaros à procura de materiais para ninhos. Além disso, o predador sabe o período do ano em que surge uma escassez tão acentuada de materiais para os pássaros, que não só os procurarão por toda parte, como também esquecerão completamente a cautela. Nunca nos cansamos de ver o quanto esses animais são astutos.

3 - Os corvos e as ferramentas

Os corvos, assim como os jacarés e os crocodilos, são considerados um dos animais mais inteligentes do reino animal. Eles são capazes de produzir ferramentas em forma de ganchos para tornar possível alcançar larvas em locais de difícil acesso. Em um novo experimento realizado por cientistas suecos, foi oferecido às aves uma variedade de itens diferentes, e eles foram capazes de escolher os itens perfeitos para alcançar suas presas. Tal feito não é observado em outras espécies.

4 - Golfinhos inventam estratégias

Duvido que você saiba que alguns golfinhos usam uma estratégia de caça única no reino animal. Em grupos, um deles começa a descrever círculos em volta de um bando de peixes, forçando lodo e areia do fundo do mar a se levantarem. Os peixes cercados saltam para a superfície do reservatório, tentando sair da água barrenta e imediatamente vão para a boca de outros golfinhos. Os cientistas acreditam que essa tática foi inventada por acaso. Os mamíferos agora até ensinam a tática a seus filhotes.

5 - Aves agem como nós

As aves, de acordo com pesquisadores de diferentes países, podem ser atenciosas e gentis. Elas são capazes até de dar presentes e agir gentilmente com o próximo. E apesar de todo o ceticismo que existe em volta da mente desses animais, elas possuem uma memória incrível. Ou seja, segundo cientistas, elas são capazes de distinguir entre rostos e emoções humanas, as letras do alfabeto e até mesmo as pinturas de Monet e Picasso. Ou seja, elas são mais parecidas conosco do que se pensa.

6 - Cachorros são sensíveis

Um cientista britânico, mostrou que um cachorro sente a chegada do seu dono com antecedência. E muito antes de poder ver, ouvir ou cheirar. Assim, na pesquisa, as gravações das câmeras mostraram o Labrador correr até a janela exatamente no momento em que o experimentador permitiu que sua dona fosse para casa. O cachorro não deixava o seu posto o tempo todo, ocupado pela espera da volta da anfitriã. Outras pesquisas semelhantes foram feitas, e o resultado costuma ser o mesmo. Ou seja, além do elo com o dono, os cães têm sensibilidade aflorada.

7 - Formigas têm mente coletiva

Esta incrível habilidade é demonstrada não só por apenas uma espécie de formigas, mas sim por várias delas. Isso significa que, independentemente do tamanho do grupo, o comportamento dos insetos sempre será sincronizado. Por exemplo, quando um grupo de formigas precisa construir um ninho, elas unem forças para fazer isso o mais rápido possível. Milhares de indivíduos agem como uma massa razoável. Este fenômeno ainda não foi explicado pela ciência claramente.

E aí, o que você achou dessa lista? Gosta dos animais? Comenta aqui com a gente e compartilha nas suas redes sociais. E para você que não mata nem uma formiguinha, aquele abraço.

Próxima Matéria
Via   A  
Imagens MA
Toni Nascimento
Nerd, mas principalmente amante do cinema. Mais em @nascimento_toni
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+