A gula é um dos sete pecados capitais e não é à toa. Comer está entre os maiores prazeres de 9 entre cada 10 pessoas, ou talvez algo próximo a isso. Comida é algo tão bom que chega a ser difícil acreditar que existem pessoas que não gostam tanto assim, ou pior ainda, que tenham medo com certas comida ou com o hábito de se alimentar. Realmente, deve ser uma circunstância muito difícil para alguém conviver com fobia de comida. Mas isso é uma realidade séria para algumas pessoas.

Hoje vamos listar aqui 7 fobias bastante peculiares relacionadas à comida. Se você não tiver nenhuma delas, considere-se uma pessoa muito sortuda em poder aproveitar de todas as sensações que uma boa refeição pode proporcionar, sem medo ou restrições.

1 - Deipnofobia

Para começar, uma fobia não exatamente relacionada à comida, mas sim ao momento da refeição. Enquanto para a maioria das pessoas, se reunir para comer junto de alguém é um dos programas favoritos, seja em jantares em família, reuniões com os amigos, compartilhar um momento agradável com aqueles que gosta enquanto aprecia uma boa refeição, para outros não é bem assim. Para quem sofre de Deipnofobia, que é basicamente o medo e desconforto em manter uma conversa enquanto come, dividir à mesa com pessoas para se alimentar gera momentos de angústia. Os atingidos por esta fobia podem começar a suar, ter falta de ar e experimentar uma sensação ruim de impotência. Geralmente, essas pessoas optam por comer em silêncio e geralmente isoladas.

2 - Oenofobia

Publicidade
continue a leitura

O medo de vinho ou a incapacidade de escolher o vinho certo para cada ocasião, pode parecer um pouco bobo, mas a Oenofobia é real. Um bom apreciador de um vinho não pode nem imaginar conviver com essa condição, pois seria bastante frustrante. Como sintomas de outras fobias, a pessoa que vive com a oenofobia pode ter os mesmos transtornos que uma pessoa com ansiedade, falta de ar, tremores e incapacidade de lidar com a situação em que se encontra. Quem sofre do estado mais grave desta fobia pode chegar a extremos de vomitar ao consumir a bebida.

3 – Lachanofobia

Na infância, algumas crianças chegam a ter aversão a vegetais, mas nada tão grave quanto a lanchanofobia, que é a fobia completa de vegetais. Pessoas que sofrem de lanchanofobia não somente têm problemas para comer vegetais, quanto também para comprá-los. E as consequências vão além de ter dificuldades em fazer dietas, que em sua maioria são norteadas pela presença de vegetais, como também sofrem com a deficiência de vitaminas.

4 - Mageirocofobia

Publicidade
continue a leitura

A mageirocofobia é basicamente a fobia de cozinhar. Algumas pessoas apenas não gostam da atividade, ou por não acharem agradável ou por questão de gosto mesmo. Contudo, para algumas pessoas a situação possa ser bem mais agravada, e elas passam a ter realmente medo de preparar alimentos. Por ser uma fobia social, a condição tem diversas formas. Tem pessoas que, por exemplo, têm medo de prejudicar outras pessoas através do alimento. Enquanto outras estão mais preocupadas com a aparência final da comida. E há as que realmente temem se machucar enquanto cozinham.

Não importa qual seja o motivo, o fato é que essa fobia pode acabar com a capacidade de alguém na cozinha, e em casos extremos, algumas pessoas nunca aprendem a preparar sua própria refeição.

5 - Xocolatofobia

Enquanto nos deparamos frequentemente com pessoas que são compulsivas quando se trata de chocolate, fica difícil imaginar o oposto. Mas, acredite, existe a xocolatofobia que é a fobia de chocolates. E a situação é bastante peculiar e causa frustrações, a pessoa não só não gosta de comer chocolate, como tem aversão ao contato físico. Em casos extremos, se a pessoa com essa fobia for tocada com um chocolate, ela necessita imediatamente se lavar para retirar qualquer vestígio deste contato.

Publicidade
continue a leitura

6 – Ortorexia

Uma coisa é fato, tudo em excesso passa a ser algo prejudicial, até mesmo alimentação saudável. A ortorexia é o medo de se alimentar com comida que não é pura. Essa condição tem desencadeado uma obsessão em diversas pessoas pela imposição em se alimentar de forma totalmente natural. Claro que alimentação saudável é algo bom, mas o extremo tem levado às pessoas a ter os mesmos sintomas da anorexia nervosa. Com a preocupação excessiva com a pureza dos alimentos, muita gente começa a restringir severamente suas dietas de forma arriscada.

7 – Cibofobia

A Cibofobia é, com certeza, a pior entre todas as fobias relacionadas à comida. Ela é nada mais, nada menos, que o medo de comida, todas elas. Agora imagina, ter pavor de uma coisa que é essencial para a sua sobrevivência? Se alimentar é uma tarefa bastante difícil para quem sofre de cibofobia, em razão do extremo medo de comida. Na verdade, o medo mais comum é com alimentos preparados por desconhecidos, comidas vencidas e medo de carne. Esta fobia pode ser uma letal, por isso é muito importante o tratamento o mais rápido possível. A pergunta que fica é: essas pessoas se alimentam de alguma coisa?

Publicado em: 05/02/19 18h31