• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE


7 sinais de que você está sendo manipulado

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      04/07/19 às 16h28

A maioria de nós pode nem perceber que está sendo manipulado ou que pessoas estão tentado nos controlar ou confundir. Além disso, a maioria das pessoas acaba reagindo a essas manipulações de uma forma que as intensifica ou então acabam jogando na mão do manipulador coisas que as façam se sentir pequenas ou culpadas.

A melhor forma para conseguir se livrar de uma pessoa manipuladora é entendê-la. Saber identificar esses alertas ocultos permite que a pessoa consiga responder estrategicamente à manipulação. Toda manipulação tem como objetivo ganhar influência para suprir as necessidades. Mas os manipuladores habituais fazem pelo poder e controle e usam métodos enganosos e abusivos. Mostramos aqui algumas dessas coisas feitas com a intenção de manipular.

1 - Táticas

As táticas de manipulação são muitas. Elas podem incluir agressões, que são manifestadas de várias formas. Incluindo críticas, abuso narcísico e abuso emocional. Algumas das "armas" que os manipuladores mais gostam de usar são os atos de culpa, reclamar, comparar, mentir, negar, fingir ignorância ou inocência, subornar, enfraquecer, fazer jogos mentais ou suposições, entre outros métodos. Esses são fatores com os quais as pessoas têm que estar alerta para verem se estão sendo manipuladas.

2 - Mentir

Os manipuladores são mentirosos habituais e mentem até mesmo quando não é necessário. Eles mentem, não por estarem com medo ou se sentirem culpados, mas sim para confundir as pessoas e para que elas façam o que querem. Mentir também pode ser pela omissão de informação, mesmo que todo o resto seja verdade.

3 - Negação

A negação de pessoas manipuladoras não é igual a de uma pessoa que sofreu um abuso, que tem um vício ou que tem que enfrentar verdades difíceis. As pessoas manipuladoras usam a negação para sair de promessas feitas, acordos ou compromissos. Essa negação também incluiu minimização, racionalização ou desculpas. O manipulador faz a pessoa racionalizar e se desculpar por suas ações, de modo que ela duvide de si mesma.

4 - Evitar

Os manipuladores querem sempre evitar serem confrontados e também não gostam de assumir responsabilidades. As formas com que eles evitam os assuntos podem ser variadas. Seja se recusando a discutir e falando que a outra pessoa as estão incomodando, ou então de uma forma mais sutil como mudando de assunto. Outra tática pode ser a evasividade que confunde os fatos e planta a dúvida.

5 - Culpa e vergonha

Com essas táticas de defesa, o manipulador acusa os outros de terem o seu próprio comportamento. Os manipuladores acreditam que a melhor forma de defesa é uma boa ofensa. Porque quando eles transferem a culpa, a pessoa, que foi ofendida, está na defensiva. Isso dá ao manipulador um ar inocente e livre, enquanto as vítimas estão com culpa e vergonha. Eles tendem a culpar suas vítimas ou qualquer outra pessoa. Qualquer pedido de desculpas pode ser também uma forma de manipulação.

6 - Intimidação

A intimidação feita pelos manipuladores nem sempre é realizada com ameaças diretas. O processo pode ser sutil. As pessoas podem conseguir fazer isso com um olhar ou com um tom de afirmação. Outra estratégia que eles podem usar é contar uma história com a intenção de passar medo.

7 - Se fazendo de vítima

Isso é diferente de culpar a vítima, ao invés disso, o manipulador usa a tática do "pobre eu". Com esse recurso, ele quer despertar a culpa e simpatia da pessoa para que esta faça suas coisas. O discurso pode assumir a forma de "você não se importa comigo" ou então "ninguém me ajuda". A conformidade da pessoa e ressentimento prejudicam o relacionamento e estimulam a manipulação contínua.

Próxima Matéria
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+