8 invenções de Futurama que deveriam existir

POR Lucas Franco    EM Ciência e Tecnologia      17/09/15 às 17h15

Você já viu Futurama? Acredito que sim. O desenho foi criado por Matt Groening (de Simpsons), em 1999, mas foi finalizado pouco tempo depois, em 2003. Felizmente, a série teve uma sobrevida alguns anos depois (que também não durou). Ainda que tenham se passado dois anos desde o seu segundo cancelamento, a série ainda é um sucesso que ganha novos fãs todo dia.

Se você não conhece, a história gira em torno de um entregador de pizza que, em 1999, acidentalmente cai em uma maquina de congelamento e só acorda mil anos depois, num futuro bastante bizarro (para não dizer outra coisa). Mesmo assim, quando Fry acorda no próximo milênio, apesar de não entendê-lo completamente, não demorou muito para que se adaptasse a ele.

Claro que, quem mais ajudou Fry nesta nova empreitada foi o seu "sobrinho" (ao longo de muitas gerações), o professor Farnsworth, responsável também pelas invenções mais bizarras que já foram apresentadas pela série. Mas não é que algumas delas poderiam (e deveriam) existir? Veja algumas delas!

Extensor de Dedo

Futarama1

Essa incrível invenção apareceu no episódio "Anthology of Interest". O professor Farnsworth utiliza o tal dedo para alcançar máquinas à distância (problemas com a idade, né?). Pode até parecer algo bastante imbecil, mas não seria uma tecnologia genial? Eu consigo pensar várias situações em que o extensor seria útil, como pegar o controle remoto ou apagar uma luz. Não é tão inútil quanto se pensa.

Intercâmbio de Cérebro

Futurama2

O professor criou uma máquina de intercambiar cérebros com a ajuda de Amy em um determinado momento da série. Na prática, isto levou os personagens a se confundirem com suas próprias personalidades. O episódio mostrou a criação de uma teoria, o Teorema de Futurana. Segundo ele, não importa quantas mudanças podem ocorrer entre duas pessoas, elas sempre irão retornar a seus corpos originais.

EyePhone

[embed]https://youtu.be/eJyMEkb_8to[/embed]

Futurama, como não poderia deixar de ser, também fez muitas paródias ao longo de seus episódios. O iPhone, inclusive, ganhou sua própria versão futurística - trata-se do EyePhone, um aparelho que projeta um holograma na frente do rosto do usuário. Do jeito que a tecnologia está avançada, não deve demorar para algo assim realmente aparecer no mercado. Ah, no vídeo acima você ainda pode conferir o surgimento de um dos melhores memes de toda a série.

Maquina do tempo para o futuro

Futurama3

Qual o maior problema de quem mexe com máquinas do tempo? Sim, voltar para o passado e fazer alguma coisa que possa alterar o presente. Pensando nisto, o professor conseguiu inventar uma máquina que viaja somente para o futuro, de forma a se evitar paradoxos temporais. O problema é que os personagens foram parar a anos de distância, chegando quase ao fim dos tempos, às vésperas de um novo Big Bang que está prestes a terminar com tudo da mesma forma que começou.

Chapéu da Inteligência

Futurama4

Muita gente poderia achar este útil. Fazer vestibular não seria tão difícil, não é? O professor testou sua nova invenção em um macaco e ficou crente que, desta vez, ele conseguiria ser reconhecido por alguma coisa. Infelizmente, o bicho percebe que está perdendo seus costumes naturais e decide largar o objeto por conta própria, voltando a se tornar um macaco comum. Não dá para mexer com o instinto animal.

Máquina de Sentir Odores

Futurama5

Já é possível observar coisas distantes com a ajuda de um telescópio, mas e quanto aos cheiros? Com esta incrível máquina inventada pelo professor Farnsworth, ele conseguiu sentir o aroma de planetas distantes, bem como procurar por uma pessoa específica só pelo cheiro, independente de onde esteja. E tudo isto para impedir que uma super bola de lixo atingisse a Terra. Não sei como poderia ser útil no nosso tempo, mas deveria existir de verdade.

Relógio da Morte

Futurama6

Já pensou um artefato que exibe a data exata da sua morte? Pois o professor não só pensou como também construiu a máquina. É perigoso, já que as pessoas podem tentar modificar seus hábitos para evitar que a morte aconteça - o que pode antecipar as coisas. Isto sem falar no pavor que causaria. Mesmo assim, é uma invenção que está faltando. Já imaginou quantas mortes poderiam ser evitadas?

Maquina "E se?"

Futurama7

Esta máquina aparece no mesmo episódio que o extensor de dedo, mas é ainda mais útil. O que ela faz é mostrar toda uma realidade paralela a partir da simples pergunta "e se?". Já pensou nas possibilidades? É uma pergunta que, definitivamente, pode mudar tudo, criando variadas circunstâncias que poderiam ser vistas na hora. Eu já começaria por "e se eu não existisse?" E você?

Lucas Franco
O cara que gosta do Batman! @heymac14

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+