• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

Britânico de rosto desfigurado visita crianças com a mesma doença genética que ele na Austrália

POR Thamyris Fernandes    EM Mundo Afora      08/12/14 às 17h41

A história que você vai conhecer hoje trata sobre superação e aprendizagem e conta a história de um homem que conseguiu superar (ou melhor, ignorar) o preconceito das pessoas a sua volta e construir uma vida ativa e feliz. Jono Lancaster, esse britânico de 26 anos que você vê nas fotos, vive em Yorkshire, na Grã-Bretanha; e é portador de uma doença genética rara, chamada síndrome de Treacher Collins.

Segundo especialistas, essa é uma doença extremamente rara, que se desenvolve enquanto a criança ainda está no útero materno e afeta, diretamente, o desenvolvimento dos ossos do crânio, impedindo que olhos, bocas e bochechas se formem normalmente. O resultado, como você já deve ter percebido, é a aparência deformada, com a de Jono, além de outros reflexos negativos, como perda de boa parte da capacidade auditiva.

Todos esse problemas aliás, fizeram com que Jono fosse rejeitado pelos pais biológicos e entregue a adoção com apenas 36 horas de vida. Foi então que o bebê encontrou um lar na casa de pais adotivos e começou sua história de conquistas e superação, encontrando primeiramente pessoas que o amavam, mesmo com seu rosto fora dos padrões de beleza.

6

Acontece, no entanto, que a vida de Jono, mesmo depois disso, nem sempre foi fácil. O preconceito e discriminação, no entanto, foram fortes demais para ele durante sua adolescência, o afundando em um quadro grave de depressão. Mas, aos poucos, o rapaz foi percebendo que sua história poderia ser diferente da que estava trilhando e seu caso poderia ser tratado como um exemplo para outros portadores da síndrome de Treacher Collins, caso ele conseguisse superar suas emoções e o impacto negativo que as palavras das pessoas exerciam sobre ele.

A partir de então, Jono decidiu mudar e hoje dedica sua vida a mostrar para os demais, especialmente no caso das crianças que têm a mesma doença genética que ele, que é possível ser normal e viver feliz. Ele, por exemplo, trabalha, sai, se diverte e tem até uma companheira, sua namorada Laura Richardson (20 anos), com que se relaciona há quatro anos.

5

Aliás, foi com esse objetivo que Jono viajou, no último mês, para a Austrália. Ele descobriu que inúmeras crianças - de idades diferentes - portadoras da síndrome vivem no país e resolver visitá-las e conhecê-las, para contar a elas sua história de vida. Um dos amiguinhos que Jono acabou fazendo nessa viagem foi o pequeno Zackary, de apenas 2 anos, também portador da Treacher Collins (na foto abaixo). "Jono é uma celebridade para nós. Ele é uma grande inspiração", disse em entrevista, a mãe do garotinho, que fez questão de receber o rapaz.

2

"Eu quero que elas saibam que existem mais pessoas por aí com o mesmo problema e que podem ter uma existência plena e feliz. Tudo teria sido bem mais fácil se eu não tivesse me sentido tão sozinho quando era mais novo", contou Jono.

Veja as imagens do encontro do britânico com os pequenos australianos:

4 3 1

Quer continuar se emocionando exemplos de vida tão inspiradoras quanto a de Jono Lancaster? Então clique para conhecer a história do pai que encantou o mundo ao gravar vídeo cantando para bebê na UTI, depois de perder a esposa no parto; e o caso de outro pai, com câncer terminal, que gravou um vídeo para se despedir da sua bebê.

 

Próxima Matéria
Thamyris Fernandes
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você


Fatos + Deezer (Podcast)

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+