Conheça as 9 creepypastas mais assustadoras que circulam na internet

POR Rafael Miranda    EM Creepypasta      27/01/15 às 22h11

Essas são lendas muito difundidas na internet, não se tem certeza de nenhuma das informações descritas abaixo. Visto que os sites tem informações divergentes uma das outras, se você quiser acrescentar ou corrigir alguma informação a essa matéria basta comentar.

Conheça agora as 9 lendas mais assustadoras que circulam pela internet:

A lenda de Slender Man

50

Slender Man, em uma tradução literal seria algo mais ou menos como "O homem esguio" (Ou magro).

As pessoas que o viram relataram-no como um homem absurdamente magro, alto e que usa sempre um terno preto. Essa criatura é capaz de esticar os seus membros e o próprio tronco para tamanhos desumanos, a fim de provocar medo e seduzir as suas presas, que podem facilmente confundi-lo com a sombra de um poste ou uma arvore.

Quando ele estende os seus braços, suas vítimas ficam hipnotizadas e totalmente impotentes. Ele também é capaz de esticar os seus dedos criando tentáculos, e jamais deixa rastros de suas vítimas.

Não se sabe a origem dessa história. Mas ele gosta de raptar crianças, e é sempre visto em uma região antes do desaparecimento em sequência de várias crianças. Gosta de lugares com neblina ou muitas árvores onde possa se esconder. Dizem que as crianças podem vê-lo, quando não há adultos no local.

Muitas pessoas ao redor do mundo afirmam te-lo visto. Os avistamentos acontecem a noite, perto de rios ou florestas. Mas também há relatos dele observando pessoas em corredores ou quartos, de casas ou apartamentos que mantem suas janelas abertas.

Os avistamentos mais comuns acontecem no Japão e na Noruega, porém o número de pessoas em outras regiões que relatam ver essa criatura, tem assustado até mesmo os mais incrédulos.

A síndrome da cidade de Lavender

Há várias lendas urbanas ligadas e histórias macabras ligadas ao universo Pokemon, desde centenas de crianças que foram parar no hospital com ataques epilétricos causados por um episódio do anime (hoje em dia banido em todo o mundo), cartuchos de jogos amaldiçoados, mas a lenda de longe mais famosa consiste na "síndrome" ou no "episódio de Lavender Town".

Segundo esta lenda, em 1996, quando do lançamento no Japão dos jogos Pokemon Red e Blue para a Gameboy, houve um número significante de suicídios entre as crianças japonesas, e após muitas investigações, as autoridades chegaram à conclusão de que estes suicídios foram causados pelo jogo Pokemon, em que as crianças eram grandemente afetadas pela música de fundo tocada na cidade de Lavender Town, demonstrando comportamentos estranhos e na grande maioria dos casos chegando a suicidar-se.

A música foi alterada ligeiramente para as versões posteriores do jogo (foram retiradas frequências perigosas), e a história foi abafada para não prejudicar as vendas.

O suicídio do Lula Molusco

51

A história é contada por um suposto "ex-estagiário" da Nickelodeon, que trabalhou nos estúdios por um ano em 2005 e, como parte do trabalho, tinha que assistir aos episódios do desenho junto de um colega antes de eles irem ao ar.

Segundo a narrativa, um dos capítulos que os dois receberam tinha o nome de "Squidward"s Suicide", ou "Suicídio do Lula Molusco". Mas o que começava como um episódio normal logo ficou estranho, com imagens e sons distorcidos e o personagem se comportando de forma bem peculiar. Fotos de crianças apareciam, e tudo terminava com um Lula Molusco em preto e branco, com apenas os olhos vermelhos - e essa é a única imagem que se salvou do episódio, que teria "se perdido com o tempo".

Pokemon Creepy Black

52

O game tinha como diferencial um pokemon chamado "Ghost" na lista de capturados, capaz de acabar com todos os adversários usando seu único golpe, "Curse". O bicho também era praticamente invencível, pois todos ficavam simplesmente com medo de atacá-lo. Mas havia uma peculiaridade aí (outra, na verdade): os inimigos derrotados acabavam, na verdade, mortos. Se o ataque era usado contra um treinador, a tela ficava escura e a contagem de pokébolas mostrava uma a menos.

Segundo a história, apesar desses pontos macabros, a história seguia normalmente até o final. E aí surgia outro "diferencial": após vencer a liga, em vez dos créditos, o treinador era levado a uma batalha contra o fantasma. A única opção era lutar, mas o único golpe disponível drenava a energia e não afetava o inimigo. Enfim, terminada a luta - com um "Curse" do Ghost -, a tela escurecia e o game travava. E dado o reset, a única opção que aparecia era a de "New Game".

O Mickey Suicida

Ganhou fama na internet um suposto vídeo de um desenho do Mickey Mouse, feito por Walt Disney em um momento de depressão pós uso de drogas. Nele vemos um Mickey deprimido, andando em loop, onde sons estranhos são reproduzidos ao fundo, enquanto o texto diz que é a preparação do Mickey em direção a morte. Mas, melhor que explicar o vídeo, é vocês verem não é mesmo?

A morte de Bart

53

O relato vem de várias partes da internet, incluindo um pessoa que "conseguiu" pedaços do episódio e publicou e também um fã que conseguiu falar com o criador dos simpsons e esse o deu um endereço de uma página totalmente negra, apenas com um texto em amarelo onde tinha um link que permitia baixar o episódio.

O número de produção que o episódio carregava era 7G44 e o nome era Dead Bart (Bart Morto). Nele era apresentado uma viagem de avião em que parece tudo normal no início apesar dos personagens parecerem destacar um pouco mais algumas características negativas, como por exemplo Homer parece mais nervoso, Marge mais melancólica, Lisa mais ansiosa e Bart com raiva dos pais.

Em certo momento o personagem acaba quebrando o vidro do avião e é sugado pra fora dele. Após a cena, é mostrado a imagem do cadáver de Bart, mas como o objetivo era causar impacto, fizeram uma imagem foto realística do garoto apresentando diversos detalhes de forma bastante horrenda e totalmente deformado, irreconhecível, essa cena não tinha animação, apenas a imagem era mostrada por alguns segundos.

Polybius

54

De certa forma anterior ao nascimento do conceito de Creepypasta, a história do Polybius foi mencionada originalmente nos idos de 1998, segundo o Know Your Meme. Tratava-se de um game arcade de batalha espacial, todo psicodélico, que apareceu nos subúrbios do Oregon, nos Estados Unidos, em 1981. O jogo provocava ilusões, amnésia e outros distúrbios mentais em quem o experimentava, e seria na verdade uma máquina militar de testes. Agentes vestidos de preto (quase como os Men In Black) visitavam as máquinas ocasionalmente para coletar os dados dos experimentos realizados.

A história ficou tão popular que há referências a ela em um episódio dos Simpsons (verdadeiro, no caso) e até uma foto do arcade no site Arcade Museum, dedicado à história dos videogames do tipo. E por mais as imagens deixem a história verossímil, ela não passa de uma lenda urbana propagada pela internet mesmo.

O experimento russo do sono

55

Sem envolver videogames ou desenhos animados mostrados de uma forma assustadora, a história fala de um experimento feito na Rússia da década de 40. Cinco prisioneiros políticos inalaram um gás que os impedia de dormir, e ficaram trancados em um ambiente isolado e controlado, cheio da substância e de oxigênio no ar - sob a promessa de que seriam libertados caso ficassem um mês acordados.

Os testes correram bem durante os cinco primeiros dias, mas logo saíram de controle quando as cobaias adquiriram um comportamento paranoico. Nove dias se passaram até elas começarem a gritar e agir ainda mais descontroladamente, até ficarem em silêncio e forçarem a abertura da câmara onde estavam. O resultado encontrado estava longe do agradável: as pessoas submetidas aos testes ficaram, de certa forma, viciadas no gás e viraram praticamente "zumbis". As tentativas de tirá-los do ambiente em que estavam renderam algumas mortes de agentes russos, e exames feitos para recuperá-los não foram bem-sucedidos.

 Sonic.exe

57

Você provavelmente já jogou algum game do Sonic pelo menos uma vez na vida, não é verdade? Mas tem um jogo do ouriço que você nunca jogou, e provavelmente jamais vai querer jogar: conheça a história de SONIC.EXE, o game demoníaco do mascote da Sega!

Tom estava em sua casa jogando tranquilamente o (famigerado) game Sonic Unleashed quando,ao olhar pela janela, reparou que o carteiro havia acabado de deixar as correspondências em sua caixa de correio.

Ele então pausou o game e foi apanhar as correspondências. Ao abrir sua caixa de correio, viu que o carteiro havia deixado apenas uma caixinha de CD e uma carta. Pela letra, Tom reconheceu que a carta era de seu amigo Kyle, de quem Tom não tinha notícias há duas semanas.

Em letras estranhas, como se estivesse com dificuldades para escrever, Kyle dizia:

"Tom,

Eu não posso mais ficar com isso, eu tinha que me livrar disso de alguma forma antes que fosse tarde demais, e eu esperava que você pudesse fazer isso por mim. Eu não consigo fazer isso, ele está atrás de mim, e se você não destruir este CD, ele irá atrás de você também, ele é rápido demais para mim…

Por favor Tom, destrua este disco antes que ele venha atrás de você também… é tarde demais para mim.

Destrua o disco, e você o destruirá, mas faça isso rápido ou ele irá pegar você. E nem mesmo jogue este game, é isso o que ele quer. Apenas destrua-o.

Por favor… Kyle."

Tom estranhou a carta de seu melhor amigo, sumido há duas semanas, mas levianamente ignorou os avisos do game. Devia ser algum tipo de pegadinha, afinal. O que um simples game poderia fazer de mal a ele? Era apenas um game e nada mais!

O menino "presenteado" teria rodado o game e se deparado com três arquivos de Save no menu principal (aquele macabro já descrito). Abri-los levava o jogador a uma fase de "esconde-esconde", na qual o garoto tinha que ajudar os personagens a fugir do Sonic demoníaco. A experiência acaba sempre em frustração, o que fez com que Tom deixasse o jogo de lado - mesmo com o jogo ainda tentando puxá-lo para dentro do mundo "virtual". Não se sabe que fim o rapaz leva na história, e mesmo o jogo é dado como desaparecido.

 

Rafael Miranda
Jornalista viciado em memes e amante da cultura pop.

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+