Curiosidades

Daniel Alves oferece R$ 800 mil a denunciante para reduzir condenação, diz jornal

0

Há tempos Daniel Alves tem sido muito comentado, não por sua habilidade no futebol, e sim por conta do caso de um suposto estupro cometido por ele a uma jovem em uma boate no final de 2022. Por conta disso, desde o dia 20 de janeiro ele está preso na Espanha, aguardando o julgamento do seu caso.

Em agosto, a Justiça da Espanha acusou o jogador formalmente pelo crime de agressão sexual cometido contra uma mulher em uma boate em Barcelona. O ex-lateral da seleção brasileira nega o crime.

Por conta da formalização da acusação, Daniel Alves se tornou réu no caso, irá a julgamento e continuará preso no país. O jogador está em prisão preventiva com alegação de risco de fuga. Além disso, ele não tem direito à fiança e continuará no mesmo presídio até que o julgamento aconteça.

O jogador entrou com pedidos de liberdade provisória, três até o momento, e depois do terceiro pedido ter sido negado, de acordo com o jornal espanhol Mundo Deportivo, ele teria oferecido 150 mil euros, aproximadamente 800 mil reais, para a jovem que o acusa.

Proposta

Globo esporte

Isso teria acontecido porque tanto Daniel Alves como a sua defesa “começam a ver as coisas cada vez mais sombrias”. “Isso significaria aplicar a medida atenuante de reparação dos danos, pelo que poderia ser imposta uma pena inferior a dois anos de prisão”, explicou a defesa do ex-jogador da Seleção Brasileira.

Outro ponto sugerido pelo advogado de Daniel Alves é a imposição de uma medida cautelar “menos onerosa”. Contudo, o Ministério Público da Espanha considera que não existe outra maneira de evitar a condenação.

A pena pedida para o jogador é de nove anos de prisão e o julgamento dele deve acontecer entre o fim desse ano e o começo de 2024. Além disso, novos detalhes a respeito do caso foram revelados na segunda-feira dessa semana.

Ainda conforme o jornal espanhol, essas informações foram retiradas do depoimento da vítima, que está passando por um tratamento psicológico. Tanto é que ela foi diagnosticada pelos profissionais com estresse pós-traumático e está afastada do trabalho.

Caso Daniel Alves

TY Pampa

Depois de virar réu, em agosto, Cristóbal Martell, advogado do jogador, disse que eles decidiram não recorrer para economizar tempo. De acordo com ele, a estratégia é chegar ao julgamento o mais rápido possível.

“Ele está contrariado e não concorda com as conclusões, mas manifestou à juíza que não recorrerá por seu desejo de agilizar o processo”, disse o advogado.

Nas conclusões, a juíza entendeu que as contradições ditas pelo jogador sobre o ocorrido dão “indícios racionais suficientes” de suspeitas.

Todo o caso do suposto estupro cometido por Daniel Alves é cheio de contradições por parte do jogador. Ele já mudou sua versão da história várias vezes, enquanto a mulher que o acusa manteve sua versão desde a denúncia.

Além disso, as provas que a polícia da Espanha coletaram vão ao encontro da versão contada pela mulher. Tudo isso fez com que a situação do jogador ficasse ainda mais complicada. Tanto é que todos os três pedidos de liberdade provisória foram negados.

Por mais que esse caso esteja sendo bastante falado, muitas pessoas acabam se perdendo em toda a história. Então relembre o que aconteceu na noite, segundo o depoimento da vítima.

A jovem, de 23 anos, estava na boate com suas amigas.

Daniel Alves estava junto com amigos no camarote da boate em uma área VIP. Então ele convidou a jovem para ficar no camarote junto com ele.

Mais ou menos às 4h30, o jogador pediu para que ela o levasse até uma porta. Quando eles entraram, ela viu que a porta era para um banheiro. A jovem então tentou sair do banheiro, mas Daniel Alves a impediu.

Foi então que o jogador a teria penetrado de forma violenta até ejacular. Depois disso, ele saiu do banheiro e deixou a jovem no banheiro. Então, ela saiu do banheiro e contou o que tinha acontecido para sua amiga.

As duas contaram o que tinha acontecido para a segurança da boate, mas nesse momento o jogador já tinha ido embora. A vítima então foi imediatamente fazer exames em um hospital. Depois de dois dias ela denunciou o ocorrido na polícia.

Fonte: CNN, G1UOL

Imagens: Globo esporte, TV Pampa

Água da superfície está vazando para o centro da Terra, sugere estudo

Previous article

Dentista que caçava animais em extinção no Acre é condenado a pagar R$ 429 mil

Next article

Comments

Comments are closed.