• MAIS LIDAS
  • QUIZ
  • VÍDEOS
  • ANUNCIE

A história dessa menina resgatada do lixo quando ainda era pequena vai te emocionar

POR Bruno Dias    EM Curiosidades      29/08/18 às 14h29

Sempre ouvimos falar de histórias de bebês achados por pessoas nos lugares mais improváveis. A história de Nika é uma delas. Um bebê achado em um lugar muito improvável.

Sarah Conque é especialista em recreação terapêutica e, em 2013, descobriu que sua paixão era ajudar crianças com deficiência em risco. Quando essa paixão falou dentro dela, ela se mudou dos Estados Unidos para o Haiti para trabalhar como missionária no centro médico da Danita's Children.

A vida de Sarah mudou completamente em 2014. Quando estava trabalhando, Sarah viu uma menina chegar ao centro médico com uma criança de três meses em seus braços com hidranencefalia. A bebê, de nome Nika, estava desnutrida e precisava de um atendimento urgente.

Chegada

A cabeça de Nika era diferente por causa do acúmulo de líquido cerebrospinal no cérebro, que fez sua cabeça inchar. E sua mãe via esse problema como uma vergonha e tentava esconder ao máximo das pessoas, enrolando cobertores no rosto de sua filha.

Depois de ter sido atendida pelo instituto onde Sarah trabalhava, ela foi até a casa de Nika para acompanhar o caso e ver como estava o estado da menina. O que Sarah viu foi uma situação de completo descaso. Nika, que agora tinha onze meses, estava em sua casa sozinha, deitada em um saco de arroz rodeada por lixo. Sarah presumiu que a mãe da criança não a queria devido a essas condições.

Sarah conversou com a mãe de Nika para levá-la ao orfanato do centro médico em que ela trabalhava para que a bebê recebesse a atenção necessária. Segundo os médicos, Nika estava à beira da morte porque seus órgãos internos estavam começando a falhar.

Mudança

 

O quadro de Nika era desencorajador, mas a bebê continuou lutando pela vida. Sua mãe biológica já não era mais a responsável por ela. Agora Sarah e seu namorado Stephen eram os guardiões legais da menina.

No processo de recuperação, Nika passou por duas neurocirurgias, o que melhorou sua qualidade de vida. A cabeça da garota também diminuiu um total de quase cinco centímetros e ela ganhou vários quilos. Nika continuou a surpreender os médicos com seus progressos.

Hoje, Nika está com quatro anos e mora com Sarah no sul da Louisiana. Quem a vê jamais imagina tudo que a pequena passou.

Próxima Matéria
Bruno Dias
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL
Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.


Matérias selecionadas especialmente para você

Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+