Isso é o que a ciência diz sobre pessoas que vigiam o Facebook do parceiro

POR Mateus Graff    EM Ciência e Tecnologia      18/05/18 às 17h40

Algumas pessoas costumam ser ciumentas de uma maneira que ficam até paranoicas. É claro que em alguns casos realmente ficamos inseguros e fiscalizando a pessoa a todo momento. Caso isso aconteça com você, caro leitor, as vezes é melhor cair fora do que ficar vivendo com uma pessoa em que você não confia e te faz se sentir inseguro a todo momento.

Mas tirando as pessoas paranoicas que vigiam as redes sociais do parceiro o tempo inteiro, quem de vocês nunca deu aquela espiadinha nas redes sociais do namorado(a) para saber se algo diferente estava acontecendo? Isso pode parecer normal, mas fiquem sabendo que a ciência tem algo curioso para dizer sobre esse comportamento. A gente mostra para vocês nessa matéria.

O estudo

Um estudo feito pela professora de psicologia Gwendolyn Seidman, do Albright College, afirma que as pessoas ansiosas e que sofrem de instabilidade emocional tem mais chances de vir a vigiar o companheiro nas redes sociais.

O estudo diz que o traço de personalidade está mais ligado a sentimentos de inveja e ciúme e ao comportamento de vigilância do par nas redes sociais, que tem tendência a aumentar ainda mais conforme o tempo extra que o indivíduo passava monitorando as atividades do amado(a) na internet.

O tempo em que as duas pessoas estão se relacionado e até o nível de comprometimento do casal é algo que também pode influenciar. No estudo, os casais que estavam em relações há mais tempo eram menos propensas a ficar com ciúmes e vigiar o companheiro nas redes sociais. Isso sugere que á medida que o relacionamento progride, as pessoas se tornam mais seguras e menos desconfiadas.

A pesquisa foi feita com 257 pessoas e revelou também que os casais em relacionamentos mais longos postavam mais fotos com seus parceiros, porém eram menos propensos a se envolver em exibição excessiva de afeto na internet.

Mas e você, é do tipo que vigia o parceiro ou é confiante e deixa essa coisa de lado? Não esqueça de comentar aqui embaixo.

Mateus Graff
EQUIPE FATOS DESCONHECIDOS, BRASIL

Viu algum erro ou gostaria de adicionar alguma sugestão a essa matéria? Colabore, Clique aqui.
Curta Fatos Desconhecidos no Facebook
Confira nosso canal no Youtube
Siga-nos no
Instagram
Siga Fatos Desconhecidos no Google+